Dadoras de óvulos aceitam revelar identidade, homens não

Homens e mulheres reagem de forma diferente à possibilidade de terem de revelar a sua identidade, depois de o Constitucional ter acabado com o anonimato de dadores na Procriação Medicamente Assistida.

Em abril, o Tribunal Constitucional chumbou a regra do anonimato de dadores da Lei da Procriação Medicamente Assistida, em nome do direito dos filhos a conhecerem as suas origens.

O acórdão do Tribunal Constitucional surgiu após um pedido de fiscalização da constitucionalidade de alguns aspetos da Lei da Procriação Medicamente Assistida (PMA), formulado por um grupo de deputados à Assembleia da República.

Assim, de acordo com o Diário de Notícias, os responsáveis por clínicas de fertilidade foram obrigados a contactar quem doou esperma ou ovócitos, questionando-os se estão dispostos a revelar a identidade.

90% das mulheres que foram até então inquiridas têm respondido que sim. No entanto, os homens não veem com tão bons olhos a quebra do anonimato.

“As dadoras de óvulos têm aceitado bastante bem a questão do anonimato. Nenhuma das que estavam em processo desistiu e das 20 que vieram a uma primeira consulta apenas duas não aceitaram prontamente o eventual não anonimato e quiseram mais alguns dias para pensar no assunto”, explicou Sérgio Soares, diretor das clínicas IVI e responsável pelo nascimento de cem crianças por ano com recurso a doações.

Quanto aos homens, referiu o diretor, o cenário é diferente: “cerca de 90% não querem renunciar ao anonimato e só aceitam que o seu material seja utilizado no contexto que vigorava quando aceitaram doar”.

“É natural que haja um período de transição e adaptação das mentalidades à nova realidade e estamos a tomar medidas para garantir o aumento de número de dadores. E, se necessário, podemos importar de países nos quais os dadores não sejam anónimos, tal como indicou o CNPMA”, afirmou.

De acordo com o médico Sérgio Soares, cerca de 500 bebés nascidos em 2017, em Portugal, foram fruto de gâmetas doados – mais 200 dos que os 300 registados em 2015 pelo Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida (CNPMA).

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Casa de 600 mil euros pode custar liderança do Podemos a Pablo Iglesias

O líder do Podemos e a companheira, porta-voz do partido, poderão renunciar aos seus cargos de deputados devido à polémica compra de uma vivenda de 600 mil euros. Segundo o Diário de Notícias, o líder do …

Sim, há igrejas para ateus. E são cada vez mais

O declínio constante da religião no mundo ocidental está atualmente a rever-se no crescimento das chamadas igrejas ateístas. De acordo com o Pew Research Center, os "religiosamente não filiados" são agora o segundo maior grupo religioso …

Mais de 80% dos doentes sem acesso a cuidados paliativos

Entre 69 a 82% dos doentes que morrem em Portugal necessitam de cuidados paliativos, mas mais de 80% não os têm porque as respostas são insuficientes. Os maiores hospitais do país, incluindo o Instituto Português de …

Atentado no Afeganistão faz pelo menos 16 mortos e 38 feridos

Pelo menos 16 pessoas morreram e 38 ficaram feridas, na explosão de uma camioneta armadilhada em Kandahar, sul do Afeganistão, no momento em que agentes da polícia tentavam desarmadilhá-la, anunciaram as autoridades. "Os últimos números disponíveis …

Giuseppe Conte: um desconhecido sem experiência política para dirigir o Governo italiano

Giuseppe Conte é o nome proposto ao presidente pela Liga e pelo Movimento 5 Estrelas. O Presidente italiano, Sergio Mattarella, terá a última palavra em relação à escolha do primeiro-ministro. Giuseppe Conte. É este o nome …

Detidos por álcool e droga vão ser enviados para consultas médicas

Quem conduzir sob o efeito de álcool ou de estupefacientes vai ser encaminhado para consultas médicas em vez de ser punido com penas de prisão ao fim de semana ou trabalho comunitário. Retirar pessoas das cadeias …

Há 20 anos, com muito "cagaço", vulcões e o Gil, a Expo98 mudou Lisboa (e o país)

Foi há 20 anos que a Expo 98, inaugurada a 22 de Maio de 1998, transfigurou a zona oriental de Lisboa, mas também mudou a face do país, naquele que foi o primeiro grande evento …

António Arnaut partiu. Mas deixou na Assembleia um novo SNS para votar

O antigo ministro e "pai" do Serviço Nacional de Saúde morreu, esta segunda-feira, aos 82 anos. Um dos seus últimos trabalhos foi um projeto de regeneração deste mesmo sistema de saúde estatal. Segundo o Diário de …

Governo pede aos suecos que se preparem para a guerra

O Governo da Suécia está a preparar a sua população para a eventualidade de uma guerra ou de algum tipo de catástrofe natural, ataque terrorista ou ciberataque poder assolar o país. Uma iniciativa preventiva, mas …

Bilhetes vendidos pelas claques alimentaram alegado saco azul do Sporting

Há novos dados em torno da chamada "Operação Cashball", que investiga um alegado esquema de suborno de árbitros e jogadores de futebol e andebol em benefício do Sporting. O "saco azul" que garantiria esses pagamentos …