Curiosity encontrou sal dos últimos lagos de Marte

NASA/JPL-Caltech

Quando os lagos na Terra secam, ficam salgados. Sabendo isto, fará sentido que o mesmo poderá ter acontecido em Marte. Agora, a sonda Curiosity confirmou essa teoria.

O rover Curiosity Mars encontrou alguns dos sais deixados para trás, um registo da última vez que a vida poderá ter florescido, em vez de apenas ter sobrevivido, em Marte.

A cratera Gale, que o Curiosity está a explorar, foi escolhida em parte porque oferece a oportunidade de estudar rochas sedimentares de diferentes idades em camadas umas em cima das outras. Um artigo publicado este mês na revista especializada Nature Geoscience relata que, entre esses, foram encontrados depósitos intermitentes que continham argila com entre 30 e 50% de sulfato de cálcio.

Todas estas rochas datam do período hesperiano, tendo, assim, entre 3,3 e 3,7 mil milhões de anos. Da mesma forma, depósitos ricos não foram encontrados nas rochas mais antigas da cratera.

William Rapin, do Instituto de Tecnologia da Califórnia e co-autores atribuem a presença desses sais à infiltração de rochas nas águas do lago longínquo da cratera, quando estava muito salgado. Rochas mais antigas também foram expostas às águas do lago mas, na época, eram muito menos salgadas. As rochas mais jovem nunca conheceram o toque da água, embora ainda seja possível que o Curiosity encontre alguns exemplos mais recentes.

Como um lago deserto na Terra, as águas da cratera Gale evaporaram, deixando um resíduo cada vez mais salgado. Porém, em Marte, parece que este foi um processo intermitente que durou 400 milhões de anos.

Mesmo sem água, as rochas foram desgastadas durante um longo período de tempo desde então e as porções enriquecidas com sulfato de cálcio são mais resistentes à erosão, levando a versões em miniatura das formações vistas em lugares como Monument Valley, onde rochas mais duras se projetam acima do terreno.

No meio dos 150 metros de estratos enriquecidos com sulfato de cálcio, o Curiosity encontrou uma inclinação de 10 metros com entre 26 e 36% de sulfato de magnésio, mas pouco cálcio. O sulfato de cálcio é menos solúvel que o sulfato de magnésio e os autores pensam que precipitou primeiro, com sais mais solúveis depositados na etapa final de seca.

Rapin et al. / Nature Geoscience

“As nossas descobertas não comprometem a busca por vida na cratera Gale. Sabe-se que lagos hipersalinos ricos em sulfato de magnésio terrestre acomodam biota halotolerante e a cristalização de sais de sulfato também pode ajudar na preservação de biomarcadores”, observa o artigo, citado pelo IFLScience.

A cratera Gale não é única em ter sais como estes. Ainda hoje são observadas explosões ocasionais de água salgada. Os orbitais marcianos detetaram os espectros de depósitos de sulfato depositados em grande parte de Marte enquanto o planeta secava.

No entanto, é a primeira vez que um veículo espacial consegue passar os seus instrumentos sobre esse material. Além disso, as explosões intermitentes de sais de sulfato que a Curiosity encontrou demonstram que a cratera Gale passou por várias rodadas de seca, com períodos de chuvas no meio, em vez de uma única grande seca que nunca terminou.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Estrela da Morte". Trump tem máquina de desinformação de mil milhões de dólares para ser reeleito

Face às eleições presidenciais dos EUA que se realizem este ano, Donald Trump montou uma máquina de desinformação, conhecida por "Estrela da Morte", avaliada em 1 mil milhão de dólares. Enquanto se desenrolam as primárias democratas …

Procura mundial de petróleo pode alcançar o seu nível mais baixo numa década por causa do coronavírus

O surto de coronavírus afetará de forma "significativa" a procura global por petróleo, podendo esta atingir o seu nível de procura mais baixo numa década, alerta a Agência Internacional de Energia (IEA). Com a desaceleração da …

Vitória SC 1-2 Porto | “Dragão” cola-se à liderança

A Liga NOS está ao rubro. O FC Porto foi a Guimarães vencer o Vitória SC por 2-1 e está a apenas um ponto da liderança do campeonato, na sequência da derrota do Benfica no …

Ventura não faz "fretes". Chega não viabilizará Governo do PSD se não houver cedências

Para governar com a direita, o PSD precisa do recém-eleito Chega. No entanto, há características que separam os partidos: enquanto que os sociais-democratas se querem estabelecer ao centro, André Ventura estabelece linhas vermelhas e não …

Egito atinge 100 milhões de habitantes (mas não há grandes motivos para celebrar)

A população do Egito atingiu os 100 milhões de habitantes, tornando-se no país árabe mais populoso e o terceiro em África atrás da Etiópia e da Nigéria, anunciaram ontem as autoridades. O calculador eletrónico instalado no …

Coronavírus: Há mais dois casos suspeitos em Portugal

Há mais dois casos suspeitos de infeção por coronavírus em Portugal. Os doentes, que vieram da China, já foram encaminhados para o Hospital Curry Cabral, em Lisboa, e para o Hospital de São João, no …

Morreu o ator Tozé Martinho

O ator António José Bastos de Oliveira Martinho, mais conhecido como Tozé Martinho, morreu este domingo aos 72 anos. Tozé Martinho morreu este domingo, aos 72 anos. O ator foi levado para o Hospital de Cascais, …

NASA já tem um preço para a próxima alunagem

O responsável pelos voos tripulados da NASA, Doug Loverro, revelou esta semana que a agência espacial vai precisar de  35 mil milhões de dólares nos próximos quatro anos para conseguir voltar a pisar a Lua …

Covid-19: FMI admite que crescimento mundial desça para 3,1% este ano

A diretora-geral do Fundo Monetário Internacional admitiu este domingo que a previsão de 3,3% para o crescimento da economia mundial possa descer 0,1 ou 0,2 pontos percentuais devido à propagação do coronavírus. "Por enquanto, a nossa …

Próximo Orçamento tem de começar a ser apresentado em abril (mas Centeno não o fará)

As novas regras de desenho de orçamentos vão ser novamente adiadas, avança este domingo o semanário Expresso. A equipa das Finanças já está concentrada no próximo Orçamento do Estado. No entanto, apesar de haver uma lei …