Crise baixou salários dos médicos (mas fez crescer os dos juízes e políticos)

PSD / Flickr

-

Os juízes e os políticos são os profissionais que mais viram os seus salários aumentar desde 2011. No sentido oposto, médicos, notários e enfermeiros são os que mais rendimentos perderam.

Esta é a conclusão feita por uma investigação do jornal i que teve por base os dados das remunerações, publicados pela Direcção-Geral da Administração e do Emprego Público, desde Outubro de 2011.

O diário apurou que há 15 grupos profissionais que tiveram aumentos nos seus rendimentos mensais com destaque para a classe dos juízes.

De acordo com a publicação, em 2011 o salário médio mensal de um juíz era de 4.332 euros; já em Abril deste ano situava-se nos 5.238 euros.

Os políticos também viram os seus rendimentos mensais subir em cerca de 310 euros, estando actualmente nos 2.052 euros.

Os dirigentes superiores tiveram um aumento de 285 euros, os docentes do Ensino Superior universitário ganham mais 103 euros e os do politécnico mais 180 euros, e as forças de segurança foram beneficiadas em mais 89 euros.

Médicos são os que mais viram descer o salário

Do outro lado da barricada, no patamar dos profissionais que mais perderam em termos de rendimentos mensais, estão no topo os médicos com uma descida de mais de 600 euros.

Em 2011, estes profissionais tinham um salário médio mensal da ordem dos 3.980 euros, enquanto actualmente se situa nos 3.311 euros.

Por seu turno, os conservadores e os notários perderam cerca de 297 euros, auferindo agora cerca de 3.606 euros.

Os enfermeiros perderam cerca de 189 euros, ganhando actualmente uma média de 1.476 euros.

Os diplomatas, com menos 171 euros, os técnicos de diagnóstico e terapêutica (menos 113 euros), os bombeiros (menos 79 euros), os trabalhadores do Fisco (menos 54 euros), os oficiais dos registos e notariado (menos 47,9) estão também entre os profissionais que mais rendimentos mensais perderam nos últimos anos de crise.

ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. São estas merdices que demonstram o tipo de democracia eu Portugal tem. Depois andam a correr pra Angola para encobrir a merda feita cá com o lixo de lá.

Mapa de férias pode ser decidido até 10 dias após o fim do estado de emergência

As empresas e os trabalhadores poderão decidir o mapa de férias deste ano até 10 dias após o fim do estado de emergência, que termina a 17 de abril, sem prejuízo de haver renovação. Esta quinta-feira, …

9886 casos confirmados e 246 vítimas mortais em Portugal

O boletim epidemiológico da DGS desta sexta-feira revela que há mais 852 infetados pelo coronavírus em Portugal. face ao dia anterior. O número de vítimas mortais é agora de 246. Segundo o Relatório da Direção Geral …

Donos da ANA adiam investimentos e deixam Montijo em risco

O grupo Vinci Airports, que controla a gestora aeroportuária nacional, vai adiar investimentos e o novo aeroporto do Montijo poderá ser uma das baixas. Como seria de esperar, a pandemia de covid-19 está a ter um …

Bancos com mil milhões de euros em pedidos de moratórias em média numa semana

Uma semana depois de a legislação da moratória pública ter entrado em vigor, os bancos nacionais já têm uma estimativa do número de pedidos de particulares e de empresas. De acordo com o Jornal Económico, os …

Idosos em lares infetados vão mudar-se (e podem ir para outros concelhos)

Na sequência do aumento de números de casos confirmados de covid- 19 nos lares, o Governo pretende “encontrar equipamentos alternativos” para alojar idosos, em isolamento profilático e que não precisem de tratamento hospitalar, dentro ou …

Apesar da pandemia, juiz Carlos Alexandre marca sessões do caso Tancos para abril

O juiz Carlos Alexandre marcou o interrogatório do principal arguido do processo relativo ao furto das armas de Tancos, João Paulino, para dia 21 de abril. De acordo com um despacho datado de 1 abril, citado …

Conceição pode estar de saída. FC Porto oferece 5 milhões por ano a Jesus

O treinador portista, Sérgio Conceição, pode estar de saída para a Alemanha. Como alternativa, o FC Porto está disposto a pagar 5 milhões de euros por ano a Jorge Jesus. Sérgio Conceição pode estar de saída …

Estado paga subsídio de refeição em teletrabalho. No privado, os patrões estão confusos

Mesmo à distância, os funcionários públicos mantêm o direito ao subsídio de refeição. No privado, a confusão mantém-se e os patrões estão divididos. De acordo com o secretário-geral da UGT, alguns patrões do privado estão a …

UEFA não quer campeonatos a seguir o exemplo belga

A UEFA reprovou a decisão da Liga de futebol da Bélgica que, esta quinta-feira, recomendou que se dê por terminada a época e se atribua o título ao Club Brugge.  Numa carta conjunta com a Associação de Clubes …

Boris Johnson em cheque. Desta vez, por causa da quantidade ínfima de testes

A pandemia de covid-19 está a ser um calvário político para Boris Johnson. O primeiro-ministro britânico tem sido alvo de várias críticas, sendo que a última tem a ver com a quantidade ínfima de testes …