/

Neandertais deixavam de mamar na mesma altura que as crianças de hoje

1

Um novo estudo mostra que as crianças Neandertais cresceram e deixaram de mamar de forma semelhante às crianças humanas modernas.

De acordo com o site Science Alert, a nova pesquisa usou técnicas geoquímicas e histológicas para observar três dentes de leite Neandertais, originalmente encontrados no nordeste de Itália e que têm cerca de 45 mil a 70 mil anos.

Os investigadores descobriram que estas crianças começaram a comer alimentos sólidos com cerca de cinco ou seis meses de idade, tal como ainda acontece nos dias de hoje.

“Agora, sabemos que também os Neandertais começavam a deixar de amamentar os seus filhos quando os humanos modernos o fazem”, diz a antropóloga Alessia Nava, da Universidade de Kent, no Reino Unido, e uma das autoras do estudo publicado, no dia 2 de novembro, na revista científica PNAS.

“O início do desmame está mais relacionado com a fisiologia do que com fatores culturais. No ser humano moderno, de facto, a primeira introdução de alimentos sólidos ocorre por volta dos seis meses de idade, quando a criança precisa de um suprimento alimentar mais energético”.

Segundo o mesmo site, tal como acontece connosco quando somos pequenos, parece que foi o cérebro em crescimento e as necessidades por outro tipo de alimentos que promoveram o desmame dos Neandertais.

“Estes fatores possivelmente sugerem que os recém-nascidos Neandertais tinham um peso parecido ao dos recém-nascidos humanos modernos, apontando para uma provável história gestacional e ontogenia de início de vida semelhantes, assim como um intervalo entre nascimentos potencialmente mais curto”, declara o antropólogo Stefano Benazzi, da Universidade de Bolonha, em Itália.

  ZAP //

1 Comment

  1. Nos dias de hoje os bebés mamam até aos 3 anos ou até mais para terem o sistema imunitário completamente formado.
    Não mamam só seis meses como a notícia sugere.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.