Em 1918, crianças da Califórnia foram convocadas para exterminar um “exército de esquilos”

John J. Mosesso / NBII / Wikimedia

Esquilo terrestre da Califórnia

Em abril de 1918, enquanto o mundo tinha os olhos postos numa Grande Guerra, as crianças da Califórnia, nos Estados Unidos, massacravam mais de 100 mil esquilos.

Nessa altura, conta o site IFLScience, os esquilos terrestres da Califórnia (Otospermophilus beecheyi) eram considerados uma praga neste estado norte-americano, por devorarem, todos os anos, colheitas que valiam muitos milhões de dólares.

Depois das várias tentativas frustradas dos agricultores na sua perseguição, as autoridades da Califórnia tiveram uma ideia: dar essa árdua tarefa às crianças. Para isso, lançaram uma campanha de propaganda, no valor de 40 mil dólares, contra estes animais.

A campanha, que envolveu a criação de competições entre escolas e alunos para ver quem conseguia matar mais esquilos, foi lançada pelo comissário estadual George H. Hecke. O responsável convocou as crianças a formarem uma verdadeira “companhia de soldados”, que seria responsável por destruir “o exército de esquilos”.

E depois da campanha de propaganda, veio a matança. Naquela que foi chamada de “semana do esquilo”, as crianças foram convidadas a levar para a escola as caudas como prova da morte dos animais.

Segundo o mesmo site, os métodos para tirar a vida aos esquilos iam desde veneno a tiros. “Todos os dispositivos de extermínio da guerra moderna serão usados no esforço para aniquilar o exército de esquilos, incluindo cevada envenenada e outros agentes destrutivos”, pode ler-se numa reportagem daquela época.

A campanha foi claramente eficaz, já que, em apenas uma semana, foram levadas para as escolas quase 105 mil caudas. Então, o comissário felicitou as crianças através do jornal local pelo seu “serviço patriótico” e encorajou-as a fazê-lo nas suas horas livres.

Filipa Mesquita Filipa Mesquita, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Costa recusa responder a Sócrates. Carlos César reafirma "tristeza" e "raiva"

O primeiro-ministro António Costa recusou responder às críticas feitas por José Sócrates. Carlos César, presidente do PS, reafirma o que disse em 2018. Este sábado, António Costa recusou responder às críticas feitas por José Sócrates e …

Cientistas sugerem que os gorilas não batem no peito apenas para se exibir

Os cientistas sugerem que o ato de bater no peito permite aos gorilas machos sinalizar o seu tamanho e assim evitar brigas desnecessárias. De acordo com o jornal The Guardian, cientistas que estudam gorilas-das-montanhas (Gorilla beringei …

Médicos alertam que Navalny pode sofrer paragem cardíaca "a qualquer momento"

Alexei Navalny está cada vez mais em risco de insuficiência renal. Médicos próximos do opositor russo alertam que pode sofrer uma paragem cardíaca "a qualquer momento". Médicos próximos do opositor russo Alexei Navalny, detido e em …

Perto de sequenciar 1 milhão de genomas, cientistas querem desvendar segredos genéticos

O projeto All of Us está a recolher informações genéticas, registos médicos e hábitos de saúde de mais de um milhão de pessoas. Os dados podem ser usados para desvendar segredos genéticos. O primeiro esboço do …

"Besta dos cinco dentes". Descoberta nova espécie de mamífero na Patagónia

Paleontólogos descobriram uma nova espécie de mamífero, com dentes peculiares, que viveu na Patagónia durante o período Cretáceo. De acordo com a agência Europa Press, os fósseis foram encontrados em Cerro Guido, na província chilena de …

Com os zoos fechados, tudo serve para entreter uma família de lontras. Até um simples galho de bambu

O confinamento serviu como um lembrete indesejado de que ficar preso dentro de casa sem muito o que fazer pode ser desgastante. O mesmo é verdade para os animais, por isso os jardins zoológicos tiveram …

Uma ilha, cinco géneros. Os Bugis têm palavras para as "cinco maneiras de estar no mundo"

Uma ilha, cinco géneros. O povo Bugis é um poderoso grupo étnico que se destaca pelo reconhecimento de cinco géneros distintos. Na Indonésia, a ilha Sulawesi é a casa de um povo que reconhece cinco …

O "aeroporto do amanhã" está abandonado no meio de um pântano dos Estados Unidos

Era para ser o "aeroporto do amanhã", um centro intercontinental para aviões supersónicos com seis pistas e conexões ferroviárias de alta velocidade para as cidades vizinhas. Hoje, é pouco mais do que uma pista no …

Facebook remove (acidentalmente) página oficial de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa

O Facebook apagou a página de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa. O município passou um mês a apelar à rede social para repor a página. "Recebemos uma mensagem no Facebook e também percebemos que …

NASA escolheu SpaceX de Elon Musk para a próxima missão tripulada à Lua

Elon Musk fecha contrato de 2,9 mil milhões de dólares para levar o Homem novamente à Lua. O contrato é a mais importante vitória da SpaceX e reforça a posição da empresa como parceira …