Eczema, obesidade ou hiperatividade. Crianças que tomam antibióticos muito cedo têm um maior risco de desenvolver doenças crónicas

Crianças com menos de dois anos que tomam antibióticos enfrentam um maior risco de desenvolver doenças crónicas, como é o caso da obesidade, eczema, ou hiperatividade, concluiu um novo estudo levado a cabo nos Estados Unidos.

Asma no início da infância, alergias respiratórias, eczema, doença celíaca, obesidade, défice de atenção e hiperatividade são as doenças crónicas que crianças que tomam antibióticos muito cedo têm maior suscetibilidade de desenvolver, segundo os cientistas.

De acordo com a nova investigação, cujos resultados foram recentemente publicados na revista Mayo Clinic Proceedings, os cientistas analisaram 14.572 crianças nascidas no condado de Olmsted, no estado norte-americano do Minnesota, entre 2003 e 2011.

Destas 14.572 crianças, 70% recebeu pelo menos uma prescrição de antibióticos durante os primeiros dois anos de vida, principalmente para infeções respiratórias ou de ouvido.

Tal como escreve o portal Futurity, as descobertas são consistentes com a hipótese que sustenta que a composição do microbioma – os milhões de micro-organismos benéficos que vivem dentro e fora dos nossos corpos – desempenha um papel crítico no desenvolvimento inicial da imunidade, metabolismo e comportamento.

“A evolução das bactérias resistentes aos medicamentos exemplifica uma consequência não intencional do uso excessivo de antibióticos”, disse o co-autor Martin Blaser, diretor do Centro de Biotecnologia Avançada e Medicina da Universidade Rutgers, nos Estados Unidos.

“O aumento da prevalência de problemas de saúde que começam na infância gerou uma preocupação sobre a exposição a antibióticos durante os principais períodos de desenvolvimento por causa do seu impacto no microbioma”, continuou.

Embora estudos anteriores tivesse já analisado a associação entre antibióticos e doenças isoladas, este é o primeiro a analisar a associação em doenças múltiplas.

Os cientistas descobriram que os antibióticos estavam associados a doenças metabólicas (obesidade, excesso de peso), doenças imunológicas (asma, alergias alimentares, febre do feno) e condições ou distúrbios cognitivos (TDAH, autismo).

Os efeitos dos fármacos variaram consoante os diferentes antibióticos administrados, sendo as cefalosporinas associadas a um maior risco de doenças múltiplas e, exclusivamente, de desenvolvimento de autismo e alergias alimentares.

A equipa descobriu ainda que o risco era maior quanto mais antibióticos fossem administrados, sendo o risco também mais elevado quando estes são tomados no início de vida da criança, especialmente nos primeiros seis meses

“As descobertas de Olmsted fornecem evidências sobre os efeitos amplos e tardios das exposições iniciais a antibióticos e devem mudar as práticas dos médicos na frequência com que prescrevem antibióticos, especialmente para condições leves”, rematou Blaser.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

A polícia holandesa achava que tinha em mãos o mafioso mais procurado da Europa. Afinal, era só um fã de F1

Um homem de Liverpool de 54 anos pensava que o grande evento da sua viagem aos Países Baixos seria assistir ao Grande Prémio de Fórmula 1, mas acabou detido numa prisão de alta segurança por …

Cobertura global de corais caiu para metade desde 1950, revela relatório

A cobertura global de recifes de coral caiu para metade desde 1950, cenário originado pelo aquecimento global, pesca excessiva, poluição e destruição de habitats naturais, revelou uma análise divulgada esta sexta-feira. Desde a Grande Barreira de …

O sonho de Christo concretizou-se, 60 anos depois. O Arco do Triunfo foi embrulhado como um presente

Já desde o início dos anos 60 que Christo imaginava como seria cobrir o Arco do Triunfo em tecido. A sua visão foi finalmente concretizada e pode ser visitada entre 18 de Setembro e 3 …

Holanda. Ministra da Defesa renuncia devido à crise de evacuação do Afeganistão

Após a ministra das Relações Externas holandesa, Sigrid Kaag, renunciar devido ao desastre da evacuação do Afeganistão, esta sexta-feira foi a vez da ministra da Defesa, Ank Bijleveld. Segundo relatou o Guardian, acredita-se que os ministros …

Tribunal da África do Sul recusa anular pena de prisão do ex-Presidente Jacob Zuma

O mais alto tribunal da África do Sul rejeitou o pedido do ex-Presidente Jacob Zuma para anular a sua sentença de 15 meses de prisão por não comparecer a uma sessão de inquérito por corrupção. Em …

EUA. Advogado planeou o próprio assassinato para o filho receber seguro. Foi detido por fraude

Um influente advogado norte-americano, cuja esposa e um dos filhos foram assassinados, foi acusado de fraude contra uma empresa de seguros e falso testemunho por organizar o seu próprio assassinato. Segundo avançou a agência France-Presse, …

Norberto Mourão conquista bronze nos Mundiais de canoagem adaptada

Norberto Mourão já tinha conquistado o bronze nos Jogos Paralímpicos de Tóquio e junta agora mais uma medalha à colecção, desta vez nos Mundiais de canoagem adaptada. O atleta de canoagem adaptada Norberto Mourão conquistou hoje …

Caso George Floyd. Polícia condenado a 22 anos de prisão pode ver a sentença revertida

A intervenção do Supremo Tribunal do Minnesota num outro caso de violência policial para reduzir a pena de um agente pode abrir um precedente para que haja alterações na sentença de Derek Chauvin. Segundo avança a …

Futebol português contra Campeonato do Mundo de dois em dois anos

O futebol português está contra a intenção da FIFA de aumentar a periodicidade do Campeonato do Mundo, passando de quatro para de dois em dois anos, refere um comunicado conjunto divulgado hoje. O documento, assinado pela …

Governo quer proibir empresas de recorrer ao 'outsourcing' após despedimento coletivo

O Governo quer proibir as empresas que façam despedimentos coletivos de recorrerem ao 'outsourcing' (contratação externa) durante os 12 meses seguintes, disse hoje a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. No final …