Criança de 11 anos escreve carta ao árbitro a pedir desculpa após expulsão num jogo

(dr) Tiago Tavares

Tiago Tavares, atleta de 11 anos do Samora Correia.

Tiago Tavares, de apenas 11 anos, foi expulso num jogo do Grupo Desportivo Samora Correia. Arrependido, escreveu uma carta ao árbitro a pedir desculpas, que já viralizou nas redes sociais.

Um exemplo de fair play chegou de onde talvez menos se esperava: de um miúdo de 11 anos de idade. Depois de ter uma atitude incorreta no jogo dos benjamins do Samora Correia contra o Clube Amador dos Desportos do Entroncamento, Tiago Tavares decidiu escrever uma carta ao árbitro a pedir desculpas pela sua atitude.

Em declarações ao Jornal de Notícias, o diretor desportivo da equipa, André Ferreira, explica a situação: “as duas equipas estavam empatadas e o adversário marcou o golo já no final do prolongamento. Alguns dos jogadores ficaram desiludidos e o Tiago acabou por dirigir alguns insultos ao árbitro“.

No próximo treino, a equipa técnica mostrou o seu descontentamento com a atitude do menino de 11 anos. “Ele é bem-educado, mas às vezes é um bocado impulsivo“, explicou André Ferreira ao JN.

Arrependido pelas suas ações, Tiago decidiu redimir-se escrevendo uma carta ao árbitro do jogo, Ricardo Ramos. A carta, que a mãe garante que a criança escreveu sozinha, foi divulgada pelo clube nas redes sociais.

O Tiago, na semana passada, teve uma atitude menos própria para o árbitro da partida de Sub-11 da Associação de Futebol…

Publicado por Grupo Desportivo Samora Correia em Sexta-feira, 12 de abril de 2019

“Escrevo-lhe esta carta para pedir desculpa da minha atitude. Sei que lamentar e pedir desculpa não anula a suspensão, mas é bom saber reconhecer os nossos erros“, escreve Tiago na sua carta. A carta tornou-se viral, levando já mais de 3 mil gostos e quase 2 mil partilhas no Facebook.

O árbitro da partida com o Clube Amador dos Desportos do Entroncamento, Ricardo Ramos, respondeu à publicação, desculpando a criança e congratulando-a pela atitude.

“É com enorme satisfação que estou a ler as tuas palavras e que considero que saber reconhecer os erros é uma atitude de humildade e de um vencedor. Aceito as tuas desculpas como te desejo as maiores felicidades na tua vida. Saliento e louvo a atitude do Grupo Desportivo Samora Correia”, escreveu o árbitro.

A criança de 11 anos também aproveitou para agradecer pelo apoio recebido. “Obrigado a todos. Eu não mereço tanto. Fiz mal e merecia ser ainda mais castigado. O que eu fiz não tem qualquer tipo de perdão imaginável e só posso tentar ‘despiorar’ as coisas“, comentou Tiago Tavares.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Rocha desafia teoria da escassez de oxigénio na Terra primitiva

Uma rocha sedimentar única rica em carbono, depositada há dois mil milhões de anos, deu aos cientistas novas pistas sobre as concentrações de oxigénio na superfície da Terra nessa época. De acordo com a agência Europa Press, …

As bactérias formam comunidades na nossa língua (e uma imagem revela como)

Cientistas norte-americanos descobriram que as bactérias que vivem na nossa língua têm uma organização complexa e altamente estruturada. Os micro-organismos estão em toda a parte - até no interior da nossa boca. Um novo estudo revela …

Como sobreviver ao isolamento? Astronautas explicam

Em todo o mundo, cidades e até países inteiros estão em quarentena como forma de travar a propagação do novo coronavírus, Covid-19. Alguns astronautas deixaram conselhos sobre como sobreviver ao isolamento. Para alguns, o auto isolamento …

"Indiana Jones do mundo da arte" recupera manuscrito do poeta persa Hafez

Uma das primeiras cópias do reverenciado Divan do autor do século XIV Hafez, iluminado com ouro, será leiloado no início de abril. O famoso poeta persa do século XIV, Hafez, escreveu uma coleção de versos místicos …

O palco onde os Beatles atuaram pela primeira vez está à venda

O palco de madeira onde os Beatles atuaram pela primeira vez está à venda. Agora, alguém poderá replicar o primeiro concerto da famosa banda. A 10 de abril, em comemoração dos 50 anos da separação da …

Células estaminais podem ajudar a proteger os astronautas da radiação espacial

Assim que os astronautas deixam a proteção do campo magnético da Terra, ficam automaticamente expostos a níveis elevados de radiação cósmica. A Agência Espacial Europeia (ESA) está cada vez mais focada em investigações para reduzir …

Pandemia pode trazer nova geração de robôs capazes de realizarem tarefas perigosas

A pandemia de Covid-19 pode trazer uma nova geração de robôs capazes de realizarem tarefas perigosas como limpeza de superfícies infetadas ou vigiar pessoas em quarentena, afirmam esta quarta-feira alguns dos principais investigadores internacionais em …

Multimilionários refugiam-se da Covid-19 a bordo de iates

Vários multimilionários têm procurado refugiar-se da pandemia de Covid-19, que nasceu em dezembro passado na China, em alto mar, a bordo de iates de luxo. Em declarações ao jornal The Telegraph, Jonathan Beckett, executivo da …

Este mamífero consegue sobreviver a quase sete mil metros de altura

Cientistas pensam ter confirmado que um pequeno rato descoberto no vulcão Llullaillaco, nos Andes, é o mamífero que consegue viver à maior altitude já conhecida (6739 metros). Segundo o IFLScience, o Phyllotis xanthopygus rupestris foi descoberto, …

O glaciar Denman recuou quase cinco quilómetros nos últimos 22 anos

O glaciar Denman, na Antártica Oriental, recuou cerca de cinco quilómetros nos últimos 22 anos. Investigadores da Universidade da Califórnia, Irvine e do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA estão preocupados coma topografia exclusiva …