Crenças religiosas e espirituais reduzem o risco de depressão

Um estudo recente concluiu que as crenças religiosas e espirituais reduzem o risco de depressão, uma vez que estão associadas a mudanças na microestrutura da substância branca, os caminhos de comunicação do cérebro.

Dongrong Xu, da Universidade de Columbia, explicou que “um estudo anterior concluiu que as pessoas que afirmaram que a religião ou a espiritualidade eram altamente importantes para elas estavam protegidas contra a depressão durante cinco anos, apesar de estarem sob alto risco devido ao histórico familiar”.

Por esse motivo, os investigadores tentaram entender o que acontece no cérebro dessas pessoas para causar esse efeito.

Um outro estudo, publicado em 2014, descobriu que a crença na importância da religião ou espiritualidade estava associada a córtices mais espessos em várias regiões do cérebro, incluindo as regiões parietal e occipital esquerda e direita, o que poderia conferir resiliência à depressão.

Neste novo estudo, publicado recentemente na Brain and Behavior, os cientistas usaram imagens de tensores de difusão para examinar a microestrutura cerebral de 99 participantes. Este é um método de neuroimagem, baseado em ressonâncias magnéticas, que permite a visualização de tratos da substância branca dentro do cérebro.

Os investigadores descobriram então que os cérebros dos participantes que tinham alto risco familiar para depressão se assemelhavam aos cérebros daqueles com baixo risco familiar quando relataram que a religião ou a espiritualidade era altamente importante.

“As nossas descobertas sugerem que a alta importância relatada das crenças pode ter efeitos sobre a integridade da substância branca no lobo frontal bilateral, no lobo temporal e no lobo parietal. Embora essas regiões também estejam associadas ao risco de desenvolver depressão, a reorganização da matéria branca por meio da religião ou espiritualidade pode ajudar a proteger os indivíduos de desenvolver a doença”, escreveram os autores.

Na prática, “os indivíduos com alto risco familiar de depressão normalmente compartilham uma assinatura neuronal semelhante à que pode ser encontrada em pessoas com baixo risco familiar, desde que considerem as crenças religiosas ou espirituais como altamente importantes”.

Ainda assim, segundo o PsyPost, o estudo faz algumas ressalvas, nomeadamente o facto de as crenças religiosas das pessoas poderem mudar ao longo do tempo de vida. “Este estudo foi baseado na medida de religiosidade e espiritualidade em apenas 5 anos“, explicou Xu.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Coreia do Sul pede desculpas por não ter protegido homem morto no Norte

O Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, pediu esta segunda-feira desculpas pelo assassínio de um homem atingido a tiro por militares norte-coreanos na semana passada, afirmando que o seu Governo falhou a responsabilidade de proteger um cidadão, …

Baixas na Segurança Social. Dois pesos pesados saem em plena crise

A vice-presidente e uma vogal do conselho diretivo do Instituto da Segurança Social abandonaram funções no final de agosto. A razão da saída não foi avançada. No final de agosto, o Instituto da Segurança Social (ISS) …

"Esforço coletivo para salvar o Natal". Nóbeis da Economia querem novo confinamento em dezembro

Esther Duflo e Abhijit Banerjee, prémios Nobel da Economia de 2019, propõem quarentena em França em dezembro, para que seja possível "festejar o Natal". O casal acredita que só assim será possível festejar a quadra …

Venda de vinhos alentejanos para a Suécia disparou (e foi graças à pandemia)

Nunca se tinham vendido tantos vinhos alentejanos para a Suécia como durante o período de confinamento em Portugal. A estratégia menos restritiva dos suecos contra a covid-19 ajuda a explicar esse cenário, verificando-se a mesma …

Spray nasal investigado na Austrália pode travar covid-19 (e tem uma taxa de eficácia de 96%)

É simples: com apenas uma ou duas aplicações por semana, o novo spray pode evitar que as pessoas infetadas com o novo coronavírus contagiem as outras à sua volta. Muito se tem falado sobre uma potencial …

Brad Parscale, ex-diretor de campanha de Trump, hospitalizado após tentativa de suicídio

O antigo diretor digital de campanha de Donald Trump, Brad Parscale, foi hospitalizado depois de a mulher ter alertado para tentativa de suicídio. Brad Parscale, ex-diretor digital de campanha do atual Presidente dos Estados Unidos, Donald …

Variante de SARS-CoV-2 oriunda de Itália marcou início da pandemia. Circulou durante dias sem controlo

O arranque da epidemia em Portugal foi marcado pela “disseminação massiva” de uma variante do SARS-CoV-2 com uma mutação específica, que começou a circular nas regiões Norte e Centro mais de uma semana antes do …

Existem 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas

Existem atualmente em Portugal 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas, revelou esta segunda-feira, em conferência de imprensa, a diretora-geral da Direção-Geral da Saúde, Graça Freitas. Sem identificar especificamente os lares …

Catalunha. Supremo Tribunal espanhol confirma inabilitação de Quim Torra

O Supremo Tribunal espanhol confirmou esta segunda-feira a inabilitação por um ano e meio do presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, por desobediência à junta eleitoral central. O acórdão, aprovado por unanimidade, obriga Torra …

Já há mais 6.829 mortes do que em 2019, mas covid-19 só fez 2 mil. Óbitos em casa subiram 18%

Desde o início da pandemia, há registo de um aumento de 18% de óbitos que ocorrem em casa e as mortes em investigação subiram 24%. Nos hospitais há uma subida de 5,6% na taxa de …