Costa aventurou-se em terreno inimigo e deu o mote para as críticas aos comunistas

Nuno Veiga / Lusa

António Costa mandou algumas indiretas ao PCP, mas as principais críticas ao parceiro de ‘geringonça’ ficaram sob responsabilidade dos candidatos socialistas.

Esta terça-feira, António Costa aventurou-se em terreno inimigo. No espírito de disputa com comunistas, o primeiro-ministro passou por Alcácer do Sal, depois Évora e Beja. Se há quatro anos, nas últimas eleições autárquicas, passou cá sem criticar o seu parceiro de geringonça, agora já lançou a umas farpas à crónica força dominante nestas terras: o PCP.

A passagem por Alcácer do Sal foi rápida, mas com o intuito bem demarcado. Ora, em 2017, o PS ficou apenas a 300 votos de ‘roubar’ mais uma autarquia aos comunistas, precisamente nesta cidade sadina.

Costa seguiu então para Évora, onde discursou brevemente sobre a “posição algo ingrata” em que o PS se encontra. Como nestas eleições a disputa é sempre entre “PS e PSD/CDS ou PS e CDU”, “todos lhe batem em vez de dizerem o que querem fazer pelo país”, disse o chefe do Governo, citado pelo Expresso.

O semanário explica que as críticas de António Costa aos comunistas não foram muito vincadas — foram mais indiretas.

“Precisamos de autarcas que não sejam contra a União Europeia, que sejam a favor da União Europeia e que percebem que é na UE que temos o nosso espaço de desenvolvimento”, disse, por exemplo, numa crítica ao PCP, mas sem nunca mencionar o nome do partido.

“Fico muito perplexo quando ouço os partidos a dizerem que o PRR é para servir o grande capital e os interesses de Bruxelas. É para investirmos na habitação, na saúde, nas redes de cuidados continuados”, disse também António Costa, horas antes, em Évora.

“Os outros em vez de dizerem o que querem fazer, só se limitam a criticar o PS pelo que o PS se propõe fazer”, continuou. “Sim, não estamos aqui só para que na noite das eleições possamos pôr mais uma bandeirinha no mapa de Portugal a dizer que é do PS”.

Os candidatos socialistas foram menos discretos na hora de endereçar as críticas aos comunistas. José Calixto, presidente da Câmara de Reguengos de Monsaraz que se candidata à capital de distrito, fez um “apelo ao voto útil e à consciência de todos de que existem duas alternativas nestas eleições”.

O presidente da Câmara de Beja e recandidato, Paulo Arsénio, disse que “a grande frustração do PCP neste território é que já ninguém está atento a eles, toda a gente quer saber é que soluções temos”.

  Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ai-Da, a robô artista, foi detida no Egito antes da sua mais recente exposição

Ai-Da, a primeira robô artista ultrarrealista do mundo, foi detida pelas autoridades egípcias na alfândega por "questões de segurança". De acordo com o jornal The Guardian, está previsto que Ai-Da apresente o seu último trabalho na …

Albertina Museum, em Viena, na Áustria

Cansados de ver posts removidos por nudez, museus de Viena aderiram ao OnlyFans

Cansados de ver as obras de arte que partilhavam nas redes sociais removidas por serem demasiado "explícitas", vários museus austríacos decidiram abrir uma conta na plataforma mais liberal OnlyFans. No passado, tanto o Conselho de Turismo …

O pior desastre nuclear da história dos EUA pode ter sido fruto de uma brincadeira

O SL-1 era um reator nuclear experimental de baixa potência, localizado no Idaho, nos EUA, que tinha como objetivo fornecer energia a pequenas instalações militares remotas no início dos anos 1960. O reator acabou por ficar …

PJ deteve quarto suspeito da morte de jovem no metro das Laranjeiras

A Polícia Judiciária (PJ) deteve, ao final da tarde desta quinta-feira, um quarto suspeito da morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa. Durante a tarde de hoje, em conferência …

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, a ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, a ministra da Cultura, Graça Fonseca, e a ministra da Saúde, Marta Temido

Saúde, Trabalho e Cultura. As medidas aprovadas pelo Governo para facilitar a negociação do OE

Novo Estatuto do Serviço Nacional de Saúde, Agenda do Trabalho Digno e a versão final do Estatuto dos Profissionais da Cultura foram os grandes destaques da conferência de imprensa após o Conselho de Ministros desta …

Banido do Facebook, Donald Trump aposta na criação da sua própria rede social

Nova rede social deverá estar disponível a partir do início do próximo ano e é uma resposta do antigo presidente às empresas que o decidiram banir. O antigo Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump anunciou o …

Um cigarro aceso

"Fumar mata." Deputados britânicos querem que o aviso seja impresso em cada cigarro

Para desencorajar os fumadores, os deputados britânicos querem imprimir o slogan "Fumar mata" em cada cigarro de um maço de tabaco. Deputados britânicos apresentaram, no Parlamento, uma emenda à Lei de Saúde e Cuidados de Saúde …

Ludogorets 0-1 Braga | Horta bracarense dá frutos cedo

O Sporting de Braga conseguiu um importante triunfo por 1-0 na deslocação ao terreno do Ludogorets, no Grupo F da Liga Europa. A formação lusa não quis perder tempo e marcou logo aos sete minutos, por …

PJ admite mais pessoas envolvidas na morte de jovem no metro das Laranjeiras

A Polícia Judiciária (PJ) admitiu, esta quinta-feira, que estejam mais pessoas envolvidas na morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa. Os dados foram avançados esta tarde, em conferência de …

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa

Marcelo continua a "desejar e a esperar que haja uma possibilidade de o OE passar"

O Presidente da República afirmou, esta quinta-feira, que continua "a desejar e a esperar que haja uma possibilidade de o Orçamento passar" e considerou que os próximos dias, com reuniões partidárias até ao fim-de-semana, "são …