Copos descartáveis foram proibidos nas Festas de Lisboa. Mas foram usados na mesma

Iberian Proteus / Flickr

Em algumas bancas, os vendedores de bebidas apresentam um copo de plástico mais resistente. Mas isso não acontece em todas as barraquinhas.

No Largo da Graça, diversas bancas venderam cerveja em copos de uma só utilização; na Alameda, durante um concerto de Ruth Marlene, o cenário era idêntico. Em vários sítios da cidade, há bebidas à venda em copos descartáveis, de acordo com o Público.

A partir deste ano, os copos de plástico descartável foram proibidos nas Festas de Lisboa. Segundo o despacho que regula as “condições de realização dos arraiais de Lisboa”, publicado em dezembro de 2018 no Boletim Municipal, “as entidades organizadoras dos arraiais populares são obrigadas a garantir a) em 2019, a não utilização de copos de plástico descartável e b) em 2020, a não utilização de copos, pratos e talheres de plástico descartável”.

De entre os muitos arraiais e retiros populares que se realizam durante o mês de junho, 19 são diretamente subsidiados pela câmara de Lisboa através da EGEAC, a empresa municipal responsável pelas Festas. Nesses arraiais “foi estipulado o uso de copos reutilizáveis”, ficando o modelo de gestão à escolha de cada organizador, explica fonte oficial daquela empresa. Nos outros, apesar de a EGEAC não ter qualquer influência, “o regulamento tem de ser cumprido em qualquer caso”.

O arraial que esteve montado nos largos de São Vicente e da Graça foi organizado pela Junta de Freguesia de São Vicente e não teve apoio da EGEAC. Um responsável pelo evento, que atraiu milhares de pessoas, explicou que a autarquia mandou fazer 35 mil copos reutilizáveis, o que se revelou insuficiente para a elevadíssima procura. Por isso é que, entre os 60 feirantes, muitos houve que recorreram ao clássico copo descartável.

A junta de São Vicente contratou uma empresa de logística para produzir, distribuir, armazenar, lavar e devolver os copos reutilizáveis. Cada copo custou 75 cêntimos à junta, mas chegou ao consumidor final com o preço de um euro para que os feirantes, com um lucro de 25 cêntimos por copo, se sentissem incentivados a vendê-los em vez dos descartáveis.

Nos arraiais apoiados pela EGEAC foi a cerveja Sagres, principal patrocinadora das Festas, que se encarregou de produzir e distribuir os copos reutilizáveis. Além dos arraiais apoiados pela empresa municipal, a Sagres fez ainda acordos comerciais com juntas de freguesia e outros arraiais para fornecimento de cerveja, o que, nalguns casos, significou também a disponibilização de copos.

Os arraiais têm liberdade para escolher o modelo que preferirem na gestão dos copos reutilizáveis. São Vicente só devolve o euro se o copo for acompanhado da moeda falsa entregue na venda, mas noutras festas basta entregar o copo, desde que tenha sido adquirido naquele local.

A partir de 1 de janeiro de 2020, a venda de plásticos descartáveis no espaço público vai ser proibida pela câmara de Lisboa.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Diogo Jota no Liverpool

O Liverpool oficializou hoje a contratação do futebolista internacional Diogo Jota, de 23 anos, num contrato “de longa duração”, sem especificar a duração. A imprensa inglesa tem adiantado que o jogador vai assinar por cinco épocas, …

Companhia aérea australiana oferece voos de 7 horas (para lugar nenhum)

A companhia aérea australiana Qantas anunciou recentemente planos para um voo panorâmico de sete horas que fará um loop gigante em Queensland e Gold Coast, New South Wales e os remotos centros do interior do …

Barack Obama vai publicar um livro de memórias (mas só depois da eleições de novembro)

O livro de memórias do antigo Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, só vai ser publicado depois das eleições presidenciais de novembro. Uma enxurrada de livros políticos chegou às prateleiras nas últimas semanas, no final da …

Confrontos em Londres entre polícia e opositores das restrições devido à pandemia

A polícia de Londres, Inglaterra, entrou hoje em confronto com manifestantes que protestavam contra as restrições que visam conter a disseminação do novo coronavírus. De acordo com a agência Associated Press (AP), os confrontos ocorreram quando …

Milhares infetados por bactéria após fuga em fábrica farmacêutica chinesa

Milhares de pessoas no noroeste da China contraíram uma doença bacteriana depois de uma fuga que causou um surto numa biofarmacêutica no ano passado. De acordo com a CNN, que cita relatos dos media locais, mais …

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …

A Grândola Vila Morena abafou "a maior marcha alguma vez vista" do Chega

Com a Praça do Giraldo, em Évora, dividida por barreiras anti-motim, os participantes da concentração "Pela Liberdade" receberam os apoiantes do Chega de André Ventura ao som de "Grândola Vila Morena" e empunhando cravos vermelhos …

Pandemia assola Irão. EUA com mais 888 mortos. 19 países europeus bateram recorde de casos

Naquele que é o número mais elevado de casos diários desde abril, a Alemanha registou 2.297 novos contágios, 19 países europeus já ultrapassaram o recorde de casos do pico da pandemia. O Irão ultrapassou as …