Convívio com cães reduz risco de asma nas crianças

Crianças pequenas que têm um cão de estimação em casa têm menor probabilidade de desenvolver asma, segundo um grande estudo sueco.

A exposição a um cão no primeiro ano de vida está ligada a uma queda de 13% no risco de desenvolver asma durante a infância. A pesquisa reuniu dados de 650 mil crianças para chegar a esta conclusão.

O estudo foi divulgado na publicação médica JAMA Pediatrics. E baseia-se na ideia de que os animais de estimação podem ajudar o sistema imunológico e evitar alergias.

Porém ainda é necessário aprofundar a investigação, já que os estudos mais antigos que foram analisados mostram resultados conflituosos.

Além disso, comprar um cão para uma criança que é alérgica a cães não é uma boa ideia, segundo os investigadores.

O melhor amigo do homem?

Os animais são uma causa comum de alergias. Metade das crianças que têm asma são alérgicas a gatos e 40% a cães, de acordo com a ONG Allergy UK.

Os animais lambem-se para se limparem, e durante este processo, as células da pele cobertas de saliva, caspa e pêlos soltos são eliminadas. Algumas pessoas acabam por desenvolver alergia a esta caspa animal.

Mas as descobertas deste último estudo sugerem que a exposição à caspa na infância pode ser benéfica.

Crianças que cresceram com um cão em casa tinham menos possibilidades de ter asma aos sete anos do que crianças que não tiveram esse contacto. Viver numa quinta em contacto com muitos animais parece dar ainda mais protecção, diminuindo o risco de asma em 50%.

“Os nossos resultados confirmaram o ‘efeito da quinta‘ e também vimos que as crianças que cresceram com cães tinham 15% menos asma do que as crianças sem cães”, disse a cientista Tove Fall, da Universidade Uppsala, na Suécia, à BBC.

Fall acrescentou que estes resultados estão de acordo com a hipótese da higiene, segundo a qual a exposição à poeira e à sujeira melhora a nossa tolerância a agentes alergénicos.

“Estas informações são importantes para pais que estão à espera de um bebé ou que planeiam ter um. Não precisam de se preocupar por terem um cão, se quiserem”.

“Mas se tiver uma criança que já é alérgica, não deve arranjar um cão para tentar curar o seu filho, porque não vai funcionar e provavelmente vai agravar a alergia”, explica Fall.

Se vive com animais, há algumas coisas que pode fazer para diminuir os riscos de uma reacção alérgica, segundo a Asthma UK:

  • Tente manter os animais fora do seu quarto e, quando possível, também das áreas de convívio;
  • Banhos regulares a gatos e cães podem ajudar;
  • Pode tentar usar filtros de ar e um aspirador eficiente. Isto pode ser útil para pessoas com alergia a gatos, mas não há provas claras de que realmente traga benefícios;
  • Nenhuma raça de cães é à prova de alergias porque todos eles soltam caspa.

“Alguns estudos falam sobre o assunto, mas não um estudo longitudinal com tantas crianças. Desse ponto de vista, este é um estudo poderoso e é muito bem-vindo”, disse Amena Warner, da Allergy UK.

Contudo, a organização diz que é preciso fazer mais pesquisas na área para que realmente se transforme em conselhos práticos para pais de crianças pequenas.

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Beethoven deixou a 10.ª sinfonia inacabada (e a IA vai completá-la)

Um dos maiores dilemas da história da música é a obra inacabada de Ludwig van Beethoven (1770-1827), a "10ª sinfonia", com muitos músicos a esforçar-se para finalizá-la, utilizando alguns dos fragmentos disponíveis, mas sem sucesso. Desta …

Orcas bebé têm maior probabilidade de sobreviver se viverem com a avó

Crias de orca que vivam com a avó têm uma maior probabilidade de sobreviver quando comparadas às outras orcas. A experiência destas espécimes mais velhas é essencial para o grupo. Tal como nos humanos, as avós …

A "capital mundial das pessoas feias" mora na Itália

Piobbico, na Itália, é uma cidade medieval repleta de grandes edifícios de pedra cercados por florestas exuberantes. No entanto, a cidade é conhecida pela feiura dos seus habitantes. Esta cidade, com cerca de 2.000 habitantes, alberga …

Jovem norte-americano despistou-se e caiu ao rio. Siri chamou os bombeiros

Um jovem norte-americano estava a caminho da universidade quando perdeu o controlo do carro, que derrapou sobre gelo, e foi parar ao rio Winnebago. Como não conseguiu encontrar o seu telemóvel, recorreu à Siri para …

Basta uma máscara impressa para enganar os sistemas de reconhecimento facial

Especialistas da empresa de inteligência artificial Kneron testaram sistemas em três continentes e vários falharam. O reconhecimento facial é, cada vez mais, um método de controlo e de segurança encarado como credível e, inclusivamente, usado …

Pandit olha para as vacas como família e quer produzir "leite ético" para vegans

Um agricultor nos Estados Unidos quer produzir "leite ético" para vegans, mantendo como prioridade o bem-estar e a saúde das vacas. Ultimamente, o consumo de leite tem sido posto cada vez mais em causa. Não só …

Jogadores do Arsenal doam um dia de salário para ações solidárias

Os futebolistas e a equipa técnica do Arsenal vão doar um dia de salário para ações solidárias de Natal. Os elementos técnicos também entraram na iniciativa, que prevê, ainda, a doação da receita do próximo …

Turismo, indústria e energia fazem do Norte região que mais cresceu em 2018

O Norte foi a região portuguesa que mais cresceu em 2018, com um aumento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2,9%, impulsionado pelo turismo, indústria e energia, segundo dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística …

Um milhão de assinaturas contra sátira de Natal da Porta dos Fundos

A petição online contra o filme “Especial de Natal: A Primeira Tentação de Cristo”, uma sátira da produtora brasileira Porta dos Fundos, exibido na Netflix, conta com mais de um milhão de assinaturas. Lançada na semana …

Sondagem: 81% dos brasileiros defende continuidade da operação Lava Jato

Uma sondagem aponta que 81% dos brasileiros consideram que a investigação levada a cabo pela Lava Jato, maior operação contra a corrupção no país, ainda não cumpriu o seu objetivo e que deve continuar. A sondagem, …