Contestação dos índios Sioux faz parar construção de oleoduto nos EUA

Tony Webster / Flickr

O Dakota Access Pipeline vai atravessar quatro estados norte-americanos

O Dakota Access Pipeline vai atravessar quatro estados norte-americanos

O governo dos EUA solicitou esta sexta-feira a suspensão da construção de um controverso oleoduto nas grandes planícies do norte do país, para apaziguar tensões, apesar de também hoje um juiz ter autorizado a continuação dos trabalhos.

Perante uma situação que “merece uma solução clara e oportuna”, os ministérios da Justiça e do Interior solicitaram “que a sociedade que está a construir o oleoduto suspenda voluntariamente toda a atividade num raio de 20 milhas (32 quilómetros) a leste e a oeste do Lago Oahe”.

A tribo sioux de Standing Rock afirma que o oleoduto ameaça as fontes de água potável e vários locais sagrados, onde estão sepultados os seus antepassados.

A obra suscitou nos últimos dias um movimento de contestação crescente nos EUA por parte e tribos índias, ecologistas e defensores dos direitos dos ameríndios.

As autoridades receavam confrontos no Estado do Dakota do Norte, epicentro da controvérsia, e tinham mobilizado efetivos da Guarda Nacional para os locais.

Alguns instantes antes do anúncio do governo, um juiz federal em Washington tinha autorizado a continuação dos trabalhos, argumentando com muito cuidado, uma vez que o tema tornou-se muito sensível.

“Desde a fundação desta nação, as relações com as tribos índias têm sido tensas e trágicas“, escreveu no preâmbulo o magistrado James Boasberg.

Garantindo que “não considerava de forma ligeira qualquer degradação das terras consideradas importantes pelos Sioux de Standing Rock” e declarando-se “consciente as humilhações sofridas por esta tribo desde há dois séculos”, o juiz considerou porém que “esta não tinha demonstrado que se justificava uma injunção” de paragem das obras.

O projeto de trajeto do oleoduto, batizado Dakota Access Pipeline, atravessa quatro Estados norte-americanos, para encaminhar o petróleo extraído no Dakota do Norte, na fronteira com o Canadá, até ao Illinois, mais a sul.

Em última instância, compete à Justiça decidir este espinhoso dossier, estando previsto para 16 de setembro uma primeira reunião entre as partes, na capital federal.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …

Irão corta acesso à Internet após protestos contra a subida do preço da gasolina

O Irão cortou o acesso à internet no sábado, após os protestos contra o aumento do preço da gasolina, que provocaram fortes confrontos entre manifestantes e forças de segurança. O Irão cortou o acesso à internet …

A maior parte das Testemunhas de Jeová não apresenta queixa em caso de abuso sexual. Mas uma nova lei pode alterar essa realidade

Em casos de abuso sexual dentro organização religiosa Testemunhas de Jeová, a maior parte das vítimas não acusa os agressores por receio de serem excluídas, revelou um artigo da Vice. Agora, uma nova lei norte-americana, …

Hong Kong. Agente atingido por flecha e operação policial reforçada com canhão de água

Um polícia foi atingido numa perna por uma flecha lançada por manifestantes antigovernamentais e pró-democracia, informaram as forças de segurança, que reforçaram a operação no local com um canhão de água. Um polícia foi atingido …

Príncipe André nega ter abusado sexualmente de jovem de 17 anos

O príncipe André, filho de Isabel I, é acusado de ter abusado sexualmente de Virginia Giuffre, uma jovem que na altura tinha 17 anos. O caso remonta ao dia 10 de março de 2001 e, este …

FC Porto tira pão da boca ao Sporting ao desviar central brasileiro

Os 'dragões' podem estar perto de chegar a acordo para a transferência de Gustavo Henrique. O central do Santos estava em negociações com o Sporting, mas uma forte investida do FC Porto, pode ter mudado …