Comunistas acham António Costa um sapo mais fácil de engolir

drcursor / Flickr

-

Comunistas ouvidos pela Lusa na 38.ª Festa do Avante!, no Seixal, pouco ou nada esperam do PS, mas consideram que António Costa poderá vir a ser um ‘sapo’ mais fácil de engolir.

Em 1986, o histórico líder do PCP Álvaro Cunhal apelou aos militantes que fechassem os olhos para votar no pai socialista, Mário Soares, para presidente – em vez do então democrata-cristão Freitas do Amaral, um cenário que poderá ter eco num eventual acordo governamental futuro entre o PCP e o PS, cuja liderança António Costa disputa a António José Seguro.

António Costa, o atual presidente da Câmara Municipal de Lisboa reúne alguma, mas pouca, simpatia na Quinta da Atalaia face ao secretário-geral do PS, António José Seguro, numa ‘mini-sondagem’ de câmara e microfone.

Achar bem, não acho (eventual acordo governamental com PS), mas se tivermos de engolir essa pedra, engolimos, em prol do país. Já uma vez engolimos um sapo, se calhar, lá teremos de engolir outro novamente. Acho que eles são iguais, não há diferença, ninguém vai endireitar isto. É um barco à deriva o nosso país”, lamentou Luísa Santos, de 52 anos, uma jardineira desempregada de Sesimbra para quem “se o PS já lá esteve e não fez nada, não é agora que vai fazer depois de isto estar da maneira que está“.

Não sou do PS, mas se fosse, se calhar escolheria o António Costa. Dá-me mais confiança do que o António José Seguro. Apesar de ter seguro no nome, dá-me um bocado de insegurança. Há ali qualquer coisa que me diz que ele vai fazer muito pouco ou nada. O Costa dá-me uma certa segurança“, opinou o estudante de 19 anos Bruno Brandão, acrescentando que o Governo da maioria PSD/CDS-PP está a “fazer políticas erradas, excessivas”.

Um ourives de 62 anos e militante do PCP desde 1972 revelou-se também descontente, “desde as primeiras eleições” (1975) e a manutenção da responsabilidade nas “mesmas forças políticas, que nunca conseguiram levar o país (para a frente), depois da luta que se fez”, enquanto “o país continua na mesma para pior, mais hipotecado, sem emprego”.

O que o PS está a fazer é uma fantochada. Tanto um como outro. O mais novo tem desculpa porque nunca lá esteve, mas o mais velho, o António Costa, já lá esteve e não mudou nada, mesmo dentro do próprio partido. Esta palhaçada de ter apoios daqui e de acolá, não o vai fazer desenvolver uma política diferente. Já esteve lá com camaradas dele que se intitulam de esquerda, mas não são nada“, previu.

Mãe de dois filhos, aos 34 anos e empresária no ramo do artesanato, Andreia Valente defendeu que “é preciso manter sempre a esperança” e manter “o enfoque e lutar por um futuro melhor”, mas “o PS não estará suficientemente à esquerda (para acordos de Governo com o PCP)”.

Com franqueza, não (tenho preferência), mas há um que tem mais cabedal que o outro“, afirmou, alinhando com a maioria dos inquiridos, ou seja, apontando António Costa como mais capaz.

O PS não se diferencia muito daqueles que lá estão atualmente, a política é exatamente a mesma” e “os interesses que defendem não é o das pessoas é de outros, dos capitais e daqueles que têm alguma coisa a usufruir deste estado de coisas“, condenou o advogado Carlos Fernandes, de 41 anos, rejeitando escolher qualquer um dos candidatos “rosa”.

Modista toda a vida, mas agora ocupada nas limpezas num hospital, Francisca, com 58 anos, manifestou-se “sem esperança nos próximos anos em tudo o que falem e digam”, mas prometeu continuar a “fazer muito esforço, a poupar o mais possível para poder vir à Festa do Avante!, até podendo “não ir a mais lado nenhum o ano inteiro”.

O Seguro foi mais um menino de gabinete. Ao sê-lo, tem muita teoria, mas não tem a prática. Quem está com o povo, quem ouve o povo, no trabalho, na rua, que se apercebe dos problemas, essa pessoa tem a prática. Ouve e sofre com os outros e é capaz de ir mais ao coração das pessoas. Uma pessoa que trabalhe só em gabinetes não vai mais além“, afirmou, referindo-se ao atual líder socialista.

Segundo Francisca, “não militante, mas comunista”, entre Costa e Seguro, o autarca lisboeta “dá mais segurança”.

Nem pertenço à zona de Lisboa, sou de Torres Vedras. Conheço-o mais da televisão. Dá ideia de que é uma pessoa mais honesta“, disse.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Guerra das matrículas" faz escalar tensão entre Sérvia e Kosovo

Esta semana, a fronteira entre o norte do Kosovo e a Sérvia esteve bloqueada por protestos de elementos da etnia sérvia, que não aceitam a decisão do governo kosovar, de etnia albanesa, de proibir a …

Num golpe de "fake it until you make it", Hong Kong vai a eleições a saber o vencedor

Hong Kong prepara-se para as primeiras eleições legislativas após as mudanças no sistema eleitoral implementadas pela China para garantir a vitória dos seus aliados. Aos olhares mais desatentos, as eleições em Hong Kong são mais um …

Stefano Pioli propõe regra de basquetebol que contribui para um "futebol de ataque"

O treinador do Milan, Stefano Pioli, propõe uma alteração nas regras do futebol que promete revolucionar o desporto rei. De forma semelhante ao basquetebol, uma vez dentro do meio campo adversário, as equipas não poderiam voltar …

Um dos maiores sites de dados sobre a covid-19 na Austrália é, afinal, gerido por adolescentes

Aproveitando o momento em que passaram a integrar as estatísticas que os próprios fazem chegar diariamente à população australiana, o grupo de três jovens revelou a sua identidade para surpresa de muitos dos seus seguidores. …

Mais cinco mortes e 713 casos confirmados em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais cinco mortes e 713 casos confirmados de covid-19, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Este sábado registaram-se mais cinco mortes e 713 novos casos …

Dirigente da Huawei detida no Canadá pode voltar à China após acordo com EUA

A justiça dos EUA aceitou hoje o acordo entre o Departamento da Justiça e a Huawei, que vai permitir à filha do fundador e diretora financeira do conglomerado chinês de telecomunicações regressar à China. Uma juíza …

Depois do coro de críticas, brasões da Praça do Império passam do jardim para a calçada

Os brasões florais que representam as capitais de distrito e as ex-colónias portuguesas vão mesmo ser retirados da Praça do Império, em Lisboa, mas passarão a estar representados em pedra da calçada. É a solução …

Vulcão, La Palma

Aeroporto de Las Palmas inoperacional devido à acumulação de cinzas

O aeroporto de La Palma, na Ilha de Tenerife, nas Canárias, está inoperacional por acumulação de cinzas, resultante da erupção do vulcão Cumbre Vieja, informou hoje a empresa gestora dos aeroportos e do tráfego aéreo …

Siza Vieira reforça que é "trabalho" dos Bancos discutir com os clientes o reembolso das moratórias

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, reforça que cabe aos Bancos "discutir com os seus clientes que têm moratórias nos sectores mais afectados" pela pandemia o reembolso das dívidas após o fim destes mecanismos …

Domingos Soares de Oliveira de saída do Benfica

Além de João Varandas Fernandes e José Eduardo Moniz, o administrador Domingos Soares de Oliveira também não vai integrar a lista de Rui Costa para as próximas eleições. Rui Costa confirmou na terça-feira que é candidato …