Cientistas próximos de inventar a “pílula do exercício”

Há muito tempo que os cientistas procuram desenvolver drogas que simulem os benefícios do exercício físico. Brevemente, um comprimido com essa função poderá finalmente tornar-se realidade.

Investigadores da Universidade de Sydney, na Austrália, descobriram mil alterações moleculares que ocorrem nos nossos músculos quando nos exercitamos. O estudo foi publicado na Cell Metabolism.

O exercício físico ainda é o tratamento mais eficaz para muitos problemas de saúde, incluindo diabetes tipo 2, doenças cardiovasculares e distúrbios neurológicos. No entanto, para muitas pessoas, não é uma opção viável.

“Isto significa que é essencial encontrar formas de desenvolver medicamentos que imitam os benefícios do exercício”, disse David James, principal autor do estudo, citado pela Science Daily.

Ou seja, um medicamento como este não é destinado aos preguiçosos que não querem ir ao ginásio, mas é antes fundamental para complementar o tratamento de doenças em pessoas debilitadas que não podem fazer exercício intenso.

A descoberta

Cientistas da Universidade de Sydney, em colaboração com investigadores da Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, analisaram biopsias do músculo esquelético humano de quatro homens saudáveis não treinados depois de 10 minutos de exercício de alta intensidade.

Usando espectrometria de massa para o estudo de um processo chamado fosforilação de proteínas, a equipa chegou à conclusão de que o exercício intenso provoca mais de mil alterações moleculares no corpo.

A maioria dos medicamentos tradicionais atingem moléculas individuais. A nova pesquisa mostra que é preciso um plano mais abrangente para qualquer droga que pretenda imitar com sucesso os efeitos do exercício físico.

Conjunto complexo

A maioria das mudanças descobertas no novo estudo não tinham sido previamente associadas ao exercício. A pesquisa existente foca-se apenas num pequeno número de alterações moleculares.

“O exercício produz um conjunto extremamente complexo, em cascata, de respostas dentro do músculo humano. Ele desempenha um papel essencial no controlo do metabolismo energético e sensibilidade à insulina”, diz Nolan Hoffman, coautor do estudo.

Embora os cientistas já suspeitassem que o exercício criava uma complicada série de alterações ao músculo humano, esta é a primeira vez que foram capazes de mapear exatamente o que acontece.

“Este é um grande avanço, uma vez que permite aos cientistas usar esta informação para desenvolver um medicamento que imita os verdadeiros benefícios provocados pelo exercício físico”, afirma Hoffman.

Ou seja, uma pílula que segmente várias moléculas – e possivelmente vias, que são uma combinação de moléculas que trabalham em conjunto.

“Esta é a chave para desvendar o enigma de tratamentos com drogas para imitar o exercício físico”, conclui David James.

PARTILHAR

RESPONDER

Luis Enrique volta a assumir o comando da seleção espanhola

O treinador vai reassumir as funções de selecionador de futebol de Espanha, que deixou para acompanhar a doença da filha, que faleceu em agosto com um cancro ósseo. Luis Enrique, de 49 anos, regressa aos comandos …

Governo suspendeu 18 obras na ferrovia consideradas prioritárias

A Infraestruturas de Portugal (IP) adiou e/ou atrasou ou 18 obras do setor ferroviário que estavam contemplados no programa Ferrovia 2020 e eram consideradas prioritárias. De acordo com o Jornal de Notícias, que avança a notícia …

Suspeito do roubo das pistolas Glock implicou Direcção da PSP (mas nunca foi interrogado sobre isso)

O polícia que está acusado do roubo das pistolas Glock da PSP insinuou, em conversas telefónicas, que haveria chefias da Direcção Nacional desta força policial envolvidas na prática do crime. Apesar disso, nunca terá sido …

O Natal traz emoções fortes. Viva-as intensamente

Quando o tempo frio faz as suas primeiras aparições, quase imediatamente alguém afirma “não tarda nada estamos no Natal”. De facto, a quadra natalícia é o grande prémio de consolação do Inverno: o motivo pelo qual …

Estádio para os Jogos Olímpicos concluído antes da data prevista

O estádio Nacional Japonês, sede dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio de 2020, está concluído, a um mês da estreia oficial, informou esta terça-feira o organismo proprietário do complexo. De acordo com o Conselho de …

Suécia deixa cair investigação de violação contra Julian Assange

O Ministério Público sueco deixou cair a investigação de um caso de violação alegadamente cometido por Julian Assange, fundador do WikiLeaks, em 2010. "O Diretor Adjunto do Ministério Público, Eva-Marie Persson, decidiu hoje [terça-feira] descontinuar a …

Portugal produz menos lixo do que a média da OCDE (mas é o 3.º que menos recicla)

Portugal produz menos lixo do que a média da OCDE, mas é o 3.º que menos recicla, revelaram dados recentes da organização internacional. Em 2017, cada português produzir quase 500 quilogramas de lixo, valor inferior …

Novas demissões na Agência de Informações Financeiras do Vaticano

Um membro da entidade de regulação financeira do Estado do Vaticano, Marc Odendall, demitiu-se na sequência de buscas realizadas pela polícia e que originaram na suspensão do organismo do sistema de comunicações global. Marc Odendall, banqueiro …

Governo e Liga de clubes discutem redução do IVA para espetáculos desportivos

Secretário de Estado do Desporto afirma querer ouvir as reivindicações do organismo, mas sem se comprometer. O secretário de Estado da Juventude e do Desporto anunciou ontem que vai reunir-se com representantes da Liga Portuguesa de …

Tufão obriga a retirada de cerca de cinco mil pessoas do norte das Filipinas

Cerca de cinco mil pessoas foram retiradas do norte das Filipinas devido à aproximação do tufão Kalamaegi, que deverá tocar terra na província de Cagayan nas próximas horas, disseram esta terça-feira as autoridades locais. "Estamos preparados …