Cientistas próximos de inventar a “pílula do exercício”

Há muito tempo que os cientistas procuram desenvolver drogas que simulem os benefícios do exercício físico. Brevemente, um comprimido com essa função poderá finalmente tornar-se realidade.

Investigadores da Universidade de Sydney, na Austrália, descobriram mil alterações moleculares que ocorrem nos nossos músculos quando nos exercitamos. O estudo foi publicado na Cell Metabolism.

O exercício físico ainda é o tratamento mais eficaz para muitos problemas de saúde, incluindo diabetes tipo 2, doenças cardiovasculares e distúrbios neurológicos. No entanto, para muitas pessoas, não é uma opção viável.

“Isto significa que é essencial encontrar formas de desenvolver medicamentos que imitam os benefícios do exercício”, disse David James, principal autor do estudo, citado pela Science Daily.

Ou seja, um medicamento como este não é destinado aos preguiçosos que não querem ir ao ginásio, mas é antes fundamental para complementar o tratamento de doenças em pessoas debilitadas que não podem fazer exercício intenso.

A descoberta

Cientistas da Universidade de Sydney, em colaboração com investigadores da Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, analisaram biopsias do músculo esquelético humano de quatro homens saudáveis não treinados depois de 10 minutos de exercício de alta intensidade.

Usando espectrometria de massa para o estudo de um processo chamado fosforilação de proteínas, a equipa chegou à conclusão de que o exercício intenso provoca mais de mil alterações moleculares no corpo.

A maioria dos medicamentos tradicionais atingem moléculas individuais. A nova pesquisa mostra que é preciso um plano mais abrangente para qualquer droga que pretenda imitar com sucesso os efeitos do exercício físico.

Conjunto complexo

A maioria das mudanças descobertas no novo estudo não tinham sido previamente associadas ao exercício. A pesquisa existente foca-se apenas num pequeno número de alterações moleculares.

“O exercício produz um conjunto extremamente complexo, em cascata, de respostas dentro do músculo humano. Ele desempenha um papel essencial no controlo do metabolismo energético e sensibilidade à insulina”, diz Nolan Hoffman, coautor do estudo.

Embora os cientistas já suspeitassem que o exercício criava uma complicada série de alterações ao músculo humano, esta é a primeira vez que foram capazes de mapear exatamente o que acontece.

“Este é um grande avanço, uma vez que permite aos cientistas usar esta informação para desenvolver um medicamento que imita os verdadeiros benefícios provocados pelo exercício físico”, afirma Hoffman.

Ou seja, uma pílula que segmente várias moléculas – e possivelmente vias, que são uma combinação de moléculas que trabalham em conjunto.

“Esta é a chave para desvendar o enigma de tratamentos com drogas para imitar o exercício físico”, conclui David James.

PARTILHAR

RESPONDER

Veneno de tarântula pode ser benéfico no tratamento de dores viscerais

Uma equipa de investigadores australianos identificou dois peptídeos do veneno da tarântula, que podem ajudar a aliviar dores em órgãos do sistema digestivo. Há algum tempo que os cientistas investigam a funcionalidade do veneno em doenças, …

Cientistas propõem reciclar beatas de cigarro para fazer tijolos

Os cientistas afirmam que se apenas 2,5% dos tijolos produzidos em todo o mundo, anualmente, incluíssem 1% de beatas, seria possível reciclar todas as pontas de cigarro a nível global. Um grupo de investigadores da Escola …

Taxa de natalidade desce quase um terço em cidade chinesa

As autoridades chinesas reconheceram oficialmente que a taxa de nascimentos em Xinjiang, cidade situada no noroeste da China, desceu quase um terço em 2018, comparada com o ano anterior. De acordo com a CNN, o governo …

Dynetics revela o módulo lunar do programa Artemis (incluindo o interior)

A empresa norte-americana Dynetics revelou, no dia 15 de setembro, um modelo em escala real do módulo lunar especialmente projetado para levar os astronautas da NASA à Lua já em 2024, como parte do programa …

Polícia de Nova Iorque de origem tibetana acusado de espiar ao serviço da China

Um polícia nova-iorquino originário do Tibete foi acusado de espionagem pelas autoridades norte-americanas por, supostamente, ter recolhido para o Governo chinês informações sobre a comunidade tibetana em Nova Iorque. De acordo com a acusação das autoridades …

Football Leaks. PJ desconhecia acesso das autoridades francesas às provas

O inspetor da PJ, José Amador, revelou, esta terça-feira, que esta polícia não teve conhecimento do acesso das autoridades francesas às provas apreendidas a Rui Pinto durante a sua detenção na Hungria. Na quinta sessão do …

Aldeões ajudam tropas indianas que enfrentam militares chineses nos Himalaias

Cerca de 100 residentes da vila de Chushul atravessam o território indiano de Ladakh para chegar a um pico dos Himalaias conhecido como Black Top, a uma altitude de mais de 4500 metros, levando suprimentos …

Detido na Rússia líder religioso que diz ser a reencarnação de Jesus

O líder religioso, que diz ser a reencarnação de Jesus, foi detido, na Rússia, esta terça-feira, durante uma operação especial. De acordo com as imagens divulgadas pelo jornal The Guardian, vários agentes da polícia, armados e …

Covid-19: Universidade de Coimbra tem novo programa de rastreio aleatório para alunos e docentes

A Universidade de Coimbra (UC) preparou um Plano de Prevenção e Protocolo de Atuação para garantir o regresso às aulas em segurança para alunos, professores, docentes e comunidade. "Tendo em conta a situação pandémica que estamos …

Jogador substituído aos 14 segundos

Substituição insólita foi realizada na primeira divisão da Estónia. Jovem nem tocou na bola. Jogo da 21.ª jornada do campeonato nacional da Estónia, primeira divisão. O FCI Levadia recebe o JK Nõmme Kalju e vence por …