Cientistas mais perto de comprimido capaz de curar a constipação

Cientistas do Reino Unido acreditam ter encontrado uma maneira de combater a constipação. Em vez de atacar o vírus em si – com centenas de variações e em constante mutação – o novo tratamento tem como alvo o hospedeiro infetado.

O tratamento bloqueia uma proteína nas células do corpo que os vírus normalmente sequestram e usam para se auto-replicar e espalhar, explica a BBC.

Isso deve ser capaz de imobilizar qualquer vírus se o tratamento for ministrado logo no início da infeção, de acordo com estudos feitos em laboratório. Testes em humanos devem começar dentro de dois anos.

Os investigadores do Imperial College, em Londres, trabalham na criação de um novo formato para que o remédio possa ser inalado, o que reduziria a probabilidade de efeitos colaterais. Em laboratório, a substância foi aplicada em células pulmonares e fez efeito em minutos, bloqueando uma enzima chamada NMT.

Todas as cepas dos vírus que causam a constipação precisam dessa enzima para produzir novas cópias. “A ideia é que podemos tratar alguém assim que a pessoa é infetada e isso impediria o vírus de se replicar e espalhar“, explica Ed Tate, o professor de bioquímica do Imperial College e um dos cientistas responsável pela pesquisa.

“Mesmo que a consitpação já esteja em curso, o remédio pode ajudar a diminuir os sintomas”, explica. “Isso poderia ser muito útil para pessoas com doenças crónicas, como asma e fibrose cística, por exemplo, que podem ficar realmente doentes quando apanham uma constipação.”

Tate afirma que focar no utilizador é uma abordagem “um pouco radical”, mas que faz sentido, porque atacar o vírus é muito difícil.

Os vírus que causam a constipação são muitos e muito diversos entre si. Além disso, estão em constante mutação e evolução, podendo desenvolver resistência a remédios muito rapidamente.

Os testes em laboratório bloquearam completamente diversas cepas de vírus da constipação sem causar danos nas células humanas. No entanto, testes mais aprofundados são necessários para comprovar que o tratamento não é tóxico para o corpo.

“Esse estudo é muito promissor, embora tenha sido feito integralmente in vitro – usando células para imitar uma infeção por rinovirus”, diz o cientista Peter Barlow, da Sociedade Britânica para Imunologia.

A constipação espalha-se rapidamente de pessoa para pessoa, já que o vírus que causa a doença pode permanecer em mãos e superfícies por até 24 horas. Analgésicos e anti-inflamatórios podem ajudar a combater os sintomas, mas atualmente não há nada que consiga combater a infeção.

É possível contaminar-se inalando pequenas gotas de fluído que contenha o vírus e que são espalhadas no ar quando uma pessoa infetada tosse ou espirra. Também é possível ficar doente depois de tocar uma superfície contaminada e levar a mão à boca, aos olhos ou ao nariz.

Os sintomas – nariz entupido, espirros, garganta inflamada – começam rápido e atingem um pico depois de cerca de dois dias. A maioria dos infetados melhora depois de cerca de uma semana, mas pessoas com outros problemas de saúde podem ficar doentes por mais tempo.

O estudo foi publicado na revista Nature Chemistry na segunda-feira.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Na Colômbia, há um "arco-íris líquido" que é descrito como a 8ª maravilha do mundo

Escondido nos confins da Serra da Macarena, na Colômbia, está o rio Caño Cristales. De dezembro a maio, o curso de água é como outro qualquer, apesar de estar rodeado de um dos ecossistemas mais …

Com uma nova interface neural, a telepatia já é possível

Uma equipa internacional de cientistas deu um passo adiante no desenvolvimento de interfaces neuronais para propor uma interface que envolve a transferência de informação entre as pessoas diretamente. As interfaces cérebro-computador podem melhorar as habilidades individuais …

Bombeiros profissionais ameaçam deixar de prestar serviço voluntário nas corporações

Os bombeiros voluntários das associações humanitárias admitem deixar de prestar serviço voluntário nas corporações, caso a Liga dos Bombeiros Portugueses continue por concluir o acordo coletivo de trabalho, que está em negociação há mais de …

Baleia encontrada morta nas Filipinas com 40 quilos de plástico no estômago

Uma baleia foi encontrada morta na sexta-feira, na costa sudeste das Filipinas, com 40 quilos de plástico no estômago, informou a imprensa local. O cetáceo, uma baleia-bicuda-de-cuvier, apareceu na sexta-feira à beira-mar no município de Mabini, …

Macron convoca reforços após novos confrontos de coletes amarelos

A nova manifestação de "coletes amarelos", no sábado, registou distúrbios violentos na capital francesa. Como resposta, o presidente francês Emmanuel Macron convocou um reforço das forças de segurança. O dia de sábado marcou mais um protesto …

Pedidos de nacionalidade portuguesa aumentaram 50% em dois anos

Nos últimos dois anos, o número de pedidos de nacionalidade portuguesa aumentou cerca de 50%, avança o jornal Público esta segunda-feira. Se em 2016 foram 117.629 os cidadãos estrangeiros que pediram a nacionalidade portuguesa, em 2018 …

Não há democracia na Coreia do Norte? "É uma opinião", diz Jerónimo

Jerónimo de Sousa evitou classificar o regime de Kim Jong-un em termos "de ser ou não ser" uma democracia. A Coreia do Norte é ou não uma democracia? "É uma opinião", respondeu Jerónimo de Sousa. Numa …

Afinal, o esparguete à bolonhesa não existe

Quando se trata de refeições italianas clássicas, a maioria das pessoas pensa em pratos simples como uma pizza Margherita, lasanha e esparguete à bolonhesa. Contudo, segundo Virginio Merola, presidente de Bolonha, em Itália, o esparguete à bolonhesa …

Javalis tomaram o lugar dos coelhos. "Muitos animais estão doentes"

Para já, não há perigo de saúde pública, mas os javalis carregam doenças que podem passar a outros animais. Se antes se matavam mil coelhos, abatem-se agora 10 javalis. Jacinto Amaro, presidente da Fencaça - Federação …

Maduro prepara reestruturação do Governo venezuelano

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, pediu aos ministros do seu Governo que ponham os seus cargos à disposição, a fim de impulsionar uma "reestruturação profunda" do Executivo. O anúncio foi feito este domingo através do …