Brilho, cores, texto ou imagens? Estudo revela como é que as apps captam a nossa atenção

Um novo estudo mostrou quais são os elementos que captam o interesse e a atenção visual das pessoas em smartphones e tablets.

As aplicações são desfrutadas de forma distinta num telefone e num computador: no fundo, uma tela mais pequena que oferece um layout vertical influencia a forma como os utilizadores usam uma determinada app. “Até agora não estava claro de que forma estes fatores afetam a maneira como as aplicações atraem a nossa atenção”, disse Antti Oulasvirta, da Universidade de Aalto, citado pelo EurekAlert.

Uma nova investigação, levada a cabo por cientistas da universidade finlandesa, mostrou que o comportamento que ocorre com telas maiores, como computadores, não é necessariamente replicado em dispositivos mais pequenos, como smartphones ou tablets.

Este é o primeiro estudo a testar empiricamente de que forma os olhos dos utilizadores acompanham os elementos das aplicações móveis, enquanto que as investigações anteriores se concentraram em interfaces de desktop e web. O artigo científico foi publicado na IEEE Explore.

Pesquisas anteriores, que se concentraram em monitores de computador, indicaram que os olhos focavam nos elementos maiores e mais brilhantes, e que permaneciam nessas áreas durante mais tempo. Além disso, em certas imagens, a atenção localizava-se no centro da tela movendo-se horizontalmente, em vez de apresentar um movimento vertical.

Nas interfaces móveis não se verifica o mesmo comportamento: na verdade, as cores brilhantes não afetam a maneira como as pessoas veem os detalhes da app. Os cientistas avançam que uma possível explicação para o brilho ser desvalorizado nos telemóveis é o facto de a interface móvel estar repleta de elementos brilhantes e coloridos.

Ainda assim, há princípios de design que devem ser tomados em consideração. O olhar do utilizador move-se para o canto superior esquerdo, como uma indicação de exploração.

O texto também desempenha um papel fundamental, devido ao seu papel na transmissão de informações. Isto significa que os utilizadores tendem a concentrar-se nos elementos de texto de uma aplicação móvel, em vez de prestarem atenção aos ícones ou logotipos.

Apesar de as imagens atraírem atenção visual com mais frequência, o tempo médio que os utilizadores gastam a olhar para elas é muito semelhante ao tempo gasto em outros detalhes.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

MP e Sócrates pedem anulação da decisão de Ivo Rosa na Operação Marquês

O Ministério Público (MP) e a defesa de José Sócrates pedem a nulidade da decisão instrutória do juiz Ivo Rosa no processo judicial da Operação Marquês, considerando que houve uma "alteração substancial dos factos". Os procuradores …

Físicos criaram um novo e extremamente raro tipo de urânio

Físicos criaram um novo e extremamente raro tipo de urânio, considerada a versão mais leve de um átomo daquele elemento. Os investigadores realçam que a sua produção "é muito difícil". Uma equipa de investigadores produziu a …

Uma das estrelas mais próximas da Terra pode ser uma fábrica de matéria escura

A estrela vermelha gigante Betelgeuse pode estar a produzir toneladas de partículas hipotéticas de matéria escura chamadas axiões que, se existirem, emitirão um sinal revelador. Sendo um ponto vermelho brilhante na constelação de Órion, Betelgeuse é …

Quem bebe café tem melhor controlo motor e maior nível de atenção, diz estudo

Um investigador da Universidade do Minho (UMinho) concluiu que consumidores de café têm melhor controlo motor, maiores níveis de atenção e alerta e que a cafeína tem "benefícios na aprendizagem e na memória", divulgou esta …

Pas de Deux cósmico. NASA mostra dois buracos negros a distorcer a luz à sua volta

A NASA publicou um vídeo em que mostra um par de buracos negros com milhões de vezes a massa do Sol que executam um pas de deux hipnótico. A visualização da NASA mostra como os buracos …

Inteligência Artificial recriou a voz de Einstein (e é possível fazer-lhe perguntas)

Graças à Inteligência Artificial, os fãs do Nobel da Física Albert Einstein podem agora "falar" com o físico alemão online. Segundo o site IFLScience, a ideia partiu das empresas Aflorithmic e UneeQ, sediadas no Reino Unido …

O SUV BZ4X lança o mote para a nova sub marca de elétricos da Toyota

A Toyota apresentou o primeiro modelo 100% elétrico da BZ, acrónimo de Beyond Zero (além do zero), sub marca da fabricante nipónica dedicada exclusivamente aos elétricos. O SUV BZ4X será o primeiro de uma ofensiva …

A "tele-escola" em 2006: Gisela conta como era

20 de abril de 2020: o regresso da escola à RTP, agora com a designação Estudo Em Casa. Um ano depois desse momento, cruzámo-nos com uma jovem que nasceu em 1994 e que ainda estudou …

O famoso consumo de chá de Jane Austen liga a escritora ao comércio de escravos

O consumo de chá de Jane Austen vai ser submetido a "interrogatório histórico" sobre as suas ligações à escravatura, de acordo com o diretor de um museu dedicado à autora inglesa. A casa da escritora na …

Júri declara ex-polícia Derek Chauvin culpado da morte de George Floyd

Os jurados do julgamento do ex-agente da polícia acusado do homicídio do afro-americano George Floyd chegaram a acordo sobre o veredito esta terça-feira. Derek Chauvin foi considerado culpado. A decisão dos jurados, reunidos desde segunda-feira num …