Em 35 anos, a maior colónia de pinguins-rei diminuiu quase 90%

Situada na ilha Aux Couchons, no Sul do oceano Índico, a maior reserva de pinguins-rei era constituída por 500 mil casais nos anos 80. Hoje, são apenas 60 mil.

Nos últimos 35 anos, a maior reserva de pinguins-rei (Aptenodytes patagonicus) diminuiu 88%. Esta reserva situa-se na ilha Aux Couchons, no Sul do oceano Índico.

Esta ilha tem uma áres de apenas 67 quilómetros quadrado e é uma das três ilhas do quase inacessível arquipélago de Crozet, parte dos territórios austrais franceses, que é reserva natural desde 1938. Quando a colónia de pinguins-rei foi descoberta, em 1962, foi automaticamente distinguida como a maior colónia da espécie do mundo.

A partir das fotografias tiradas na altura, estimou-se que a colónia fosse constituída por 300 mil casais. Nos anos 80, a colónia aumentou para 500 mil, mas hoje, e com base nas imagens de alta resolução captadas no ano passado, o número de casais desta espécie é de apenas 60 mil, avança o jornal Público.

Henri Weimerskirch, um dos autores principais do estudo e ecologista no Centro de Estudos Biológicos de Chize, refere que esta descoberta foi “completamente inesperada“, além de ser “particularmente significativa“, dado que a colónia representa um terço de todos os pinguins-rei de todo o mundo.

De acordo com o Science Daily, as imagens captadas por um satélite apontavam para um aumento do número de casais nos anos 80. Ao todo, estimava-se que a colónia era constituída por mais de dois milhões de pinguins-rei.

Os dados sugerem que o número de casais tenha começado a diminuir no ano de 1990, anos que coincidiu com o aumento da temperatura das águas do oceano Índico, e que empurrou involuntariamente peixes e lulas para longe do arquipélago – estes animais são a base de alimentação destes pinguins.

Segundo o artigo científico, publicado recentemente na Antarctic Science, este fenómeno afetou “negativamente as capacidades de alimentação” dos pinguins na ilha De La Possession, a 100 quilómetros da ilha Aux Couchons, e os especialistas afirmam que os pinguins-rei de Aux Couchons também foram afetados.

Além do decréscimo da população, esta problemática traduziu-se também num fraco sucesso reprodutivo para todos os pinguins-rei da região.

Esta pode ser uma das explicações, mas os cientistas descrevem ainda outros fenómenos como causa deste decréscimo brusco, como o facto de, em 2005, ter sido identificada uma nova colónia, mais pequena e mais próxima da praia, que não existia em 1962.

No entanto, não parece haver qualquer ligação entre o aparecimento da nova colónia e o desaparecimento de um número tão grande de indivíduos da colónia mais antiga.

Outra das razões apontadas pelos especialistas prende-se com as doenças e parasitas. Contudo, é necessária mais investigação no que diz respeito a esta temática. Investigação e conclusões que se tornam cruciais, isto porque o declínio desta população “ainda está a acontecer” e as causas “parecem estar ativas”, lê-se no artigo científico.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Os cogumelos podem ser muito mais antigos do que pensávamos

Os cogumelos podem ser mais antigos do que pensávamos, concluíram cientistas que dataram vestígios de micélio (constituinte dos cogumelos) com 800 milhões de anos, divulgou esta quarta-feira a Universidade Livre de Bruxelas, na Bélgica. Estudos anteriores …

Comer iogurte natural pode ajudar a reduzir o risco de cancro da mama

Uma das causas mais apontadas para o cancro da mama é a inflamação causada por bactérias nocivas. Esta tese ainda não foi provada, mas é apoiada pelas evidências até agora disponíveis de que a inflamação …

Primeiro caso suspeito de infeção por coronavírus detetado em Portugal

Foi detetado o primeiro caso suspeito de infeção infeção pelo novo coronavírus , em Portugal, anunciou este sábado a Direção-Geral de Saúde. “Este doente, regressado hoje [este sábado] da China, onde esteve na cidade de Wuhan …

Slava Semeniuta transforma chuva em atmosfera néon

O artista e fotógrafo russo Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, mistura elementos naturais e faz mágica com eles. Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, retoca fotografias de poças de água para criar composições …

Empresa quer vender dispositivos que extraiem água potável do ar

A empresa israelita Watergen está a planear começar a vender uma versão para o consumidor do seu aparelho que extrai água potável do ar ainda este ano. A tecnologia do gerador atmosférico da empresa está em …

"Sem padrinhos, nem donos". Líder da JP levanta congresso centrista

O candidato à liderança do CDS Francisco Rodrigues dos Santos arrancou este sábado no congresso centrista, que está a decorrer em Aveiro, a maior ovação dos delegados, com um discurso inflamado, em defesa de um …

Quando chegaram à Europa pela primeira vez, as batatas eram "hereges"

Os espanhóis foram os primeiros europeus a encontrar batatas na América do Sul nos anos 1530. Porém, quando foram trazidas para o Velho Continente, não foram bem recebidas por todos. Depois de terem sido encontradas pelos …

Ano vai ser "inevitavelmente" de contestação social, avisa CGTP

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, disse esta sexta-feira que este ano vai ser “inevitavelmente” de contestação social se o Governo e as empresas continuarem a insistir num modelo de baixos salários. O líder da intersindical …

Maior ameaça ao crescimento português vem de Espanha

Diz o ditado popular que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento. Mas, na verdade, o crescimento económico do país vizinho tem contribuído para puxar pela economia portuguesa. Agora, quando se prevê um abrandamento …

Cabo Verde esteve sem Internet durante 24 horas

O arquipélago de Cabo Verde voltou a ter acesso à Internet na tarde desta sexta-feira, cerca de 24 horas depois de uma instabilidade provocada por falhas no fornecedor internacional do serviço. O país tinha ficado sem …