Afinal, o círculo de pedras de Aberdeenshire não é tão ancestral como se pensava

Um círculo de pedras no nordeste da Escócia, que os arqueólogos acreditavam ter sido construído há milhares de anos, revelou ser uma réplica com apenas algumas décadas de idade.

No início deste mês, arqueólogos do Aberdeenshire Council e da agência Historic Environment Scotland anunciaram que o círculo de pedras num campo remoto perto de Alford, a oeste de Aberdeen, era um antigo monumento com entre 3.500 e 4.500 anos de idade.

Mais de 90 círculos de pedra com uma grande pedra “inclinada” deitada de lado e datando deste período foram encontrados no nordeste da Escócia – mas quase em nenhum outro lugar nas Ilhas Britânicas.

Embora o círculo de pedras fosse desconhecido da ciência, algumas pessoas locais lembravam-se de ver grandes pedras naquela área, muito longe das estradas principais.

Mas, na segunda-feira, o arqueólogo do Aberdeenshire Council, Neil Ackerman, fez um anúncio no Twitter. Estudos adicionais determinaram que o círculo de pedras perto de Alford era uma réplica relativamente moderna e não antiga.

“Se está a ter um dia embaraçoso no trabalho, pelo menos você não é a pessoa que identificou um novo círculo de pedra pré-histórico à imprensa que, afinal, tem cerca de 20 anos”, escreveu Ackerman. O Conselho de Aberdeenshire também publicou um comunicado, descrevendo as últimas descobertas sobre o círculo de pedras.

O círculo de pedras perto de Alford inicialmente desconcertou os arqueólogos, porque não foi notado em nenhum registo de terra ou relatórios arqueológicos sobre aquela área.

Um dos ex-donos de uma quinta contactou os arqueólogos que estudavam o monumento, informando que foi ele que construiu o círculo a partir de rochas nos anos 90.

Embora alguns detalhes do círculo de Alford não correspondessem a algumas características arqueológicas dos círculos de pedra noutras partes da região, essas discrepâncias não eram vistas como grandes problemas na época, disse o agricultor. Além disso, o agricultor que construiu o círculo parecia saber bastante sobre o estilo local dos antigos círculos de pedra.

“Existem várias réplicas por aí, mas geralmente não são tão boas como esta”, disse o arqueólogo. “O homem que construiu realmente sabia o que estava a fazer. É bastante interessante que, ao construir um círculo de pedra, não tenha colocado apenas um monte de pedras num círculo, ele copiou muito de perto um tipo de monumento regional”.

O agricultor não tentou convencer as pessoas a pensar que o círculo era antigo. Na verdade, nunca contou a ninguém – e é por isso que não apareceu em nenhum registo.

PARTILHAR

RESPONDER

A longo prazo, o distanciamento social pode até ser melhor para a economia

O isolamento social durante uma pandemia, como é o caso da covid-19, que já fez mais de 48.000 vítimas mortais por tudo o mundo, pode revelar-se melhor para a economia a longo prazo, revelou uma …

Elon Musk doou 1.000 ventiladores a hospitais (mas eram do tipo errado)

Nos últimos dias, Elon Musk, CEO da Tesla, recebeu muitos elogios por ter doado mil ventiladores a hospitais da Califórnia, que enfrentam um número esmagador de casos de coronavírus. Porém, os ventiladores não eram do …

Coronavírus pode replicar-se na boca e nariz durante uma semana antes de infetar pulmões

O coronavírus pode permanecer e replicar-se na boca e no nariz durante uma semana antes de infetar aos pulmões, à traqueia e aos brônquios, revela um estudo, que mostra igualmente que é expulso do organismo …

PSP vai utilizar câmaras portáteis em drones no estado de emergência

A PSP vai utilizar 20 câmaras portáteis de videovigilância, 18 das quais vão ser instaladas em ‘drones’, durante o estado de emergência devido à pandemia de covid-19, anunciou esta quinta-feira o Ministério da Administração Interna …

Em Nova Iorque, prisioneiros são usados para cavar valas comuns

Nova Iorque está a oferecer seis dólares por hora e material de proteção individual aos prisioneiros de Rikers Island que aceitem ajudar a cavar valas comuns. Projeções da Fundação Gates apontam que, em Nova Iorque, o …

EUA estará a pagar para desviar carregamentos de máscaras adquiridas por França

As autoridades francesas estão a acusar os Estados Unidos de terem pago para desviar um carregamento de máscaras faciais oriundo da China. Este episódio é apenas mais um na saga sobre a escassez de máscaras de …

Cerca de 1200 reclusos podem vir a ser libertados

Cerca de 1200 reclusos podem vir a ser libertados antecipadamente para prevenir a propagação da pandemia de covid-19 no meio prisional, revelou esta quinta-feira a ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, em declarações à RTP3. A …

OMS e EUA ponderam alargar recomendação para uso de máscaras

A Organização Mundial de Saúde (OMS) vai reavaliar as suas recomendações sobre o uso de máscaras para prevenir a contaminação com covid-19, disse esta quinta-feira o presidente do grupo de especialistas que vai discutir o …

Covid-19. Mais de 95% das vítimas mortais na Europa tinham mais de 60 anos

O diretor regional para a Europa da Organização Mundial de Saúde (OMS), Hans Kluge, revelou esta quinta-fera que mais de 95% das vítimas mortais da covid-19 na Europa têm mais de 60 anos de idade. Em …

Curva portuguesa mostra abrandamento de novos casos (mas é preciso "cautela")

Portugal tem assistido desde o dia 25 de março a um abrandamento do aumento percentual diário de novos casos de covid-19, segundo dados divulgados pelo Barómetro Covid-19 da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP). Segundo Carla …