Cineasta americana luta para anular copyright de “Happy Birthday” (e pode ganhar)

Um processo judicial que parecia uma causa perdida contra uma gigante do entretenimento, envolvendo uma das músicas mais cantadas no mundo, sofreu repentinamente uma reviravolta.

A cineasta norte-americana Jennifer Nelson moveu uma acção judicial contra a Warner-Chappell, editora do grupo Warner Music, por cobrar indevidamente direitos de autor pela reprodução de “Happy Birthday to You”, a versão anglófona da popular música “Parabéns a Você”.

Para usar a música num dos seus filmes, Jennifer Nelson descobriu que teria de pagar cerca de 1300 euros.

Indignada, a cineasta decidiu procurar provas contra a apropriação da canção pela empresa fonográfica, e apresentou em 2013 um processo judicial para anular os direitos de autor da música.

“Happy Birthday to You”, escrita em 1893 pelas professoras primárias Mildred e Patty Hill, chamava-se originalmente “Good Morning to All” e era usada para receber os alunos na sala de aula.

Uma das mais famosas músicas do mundo, foi adaptada para aniversários em 1924. É considerada pelo Guinness Book of World Records como a “música de língua inglesa mais conhecida no mundo”.

A canção foi comprada pela já extinta editora Summy, que a registou em 1935 – garantindo com isso, pelas leis de propriedade intelectual norte-americanas, direitos de autor sobre a música até 2030.

Omnipresente em todas as festas de aniversário americanas, a música rende 1.8 milhões de euros por ano nos Estados Unidos. O lucro é dividido entre a editora e os herdeiros das irmãs Hill.

Em 1988, a Warner comprou a parte que pertencia à Summy, numa transacção estimada em 22 milhões de euros.

Mas, numa inesperada reviravolta, Jennifer Nelson apresentou em tribunal provas que podem anular os direitos de autor da obra, e colocá-la livremente disponível a todos.

Os advogados de Nelson encontraram uma versão de 1922 da música, já assinada pela Summy.

Ou seja, a editora já era proprietária da canção em 1922, e as leis da propriedade intelectual nos EUA definem que qualquer obra anterior a 1923 está automaticamente no domínio público.

O advogado de acusação, Mark Rifkin, citado pela Folha de São Paulo, adianta que a Justiça americana deverá decidir o caso dentro dos próximos dois meses.

“Estamos otimistas, embora a Warner alegue que não tem certeza se o registo de 1922 era mesmo da Summy”, diz Rifkin.

Na Europa, “Parabéns a Você” tem direitos de autor válidos até 31 de Dezembro de 2016 – mas não se preocupe, pode continuar a cantar a música nas suas festas de aniversário.

Apenas não publique o vídeo no YouTube.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Procuradora do caso Alcochete castigada com multa de meio salário

A procuradora encarregada do caso Alcochete, Cândida Vilar, foi condenada a 15 dias de multa, por falta de zelo na acusação do ataque à academia do Sporting. Todos os membros do plenário do Conselho Superior do …

Ateneu de Lisboa perdeu exemplar raro de "Os Lusíadas"

Um exemplar raro da obra "Os Lusíadas", avaliado em 100 mil euros, desapareceu do Ateneu Comercial de Lisboa. Segundo o Observador, que cita o jornal i, desapareceu do Ateneu Comercial de Lisboa um exemplar raro da …

Pais da bebé Matilde ajudaram Tomás a tratar cancro nos ossos

Tomás Leal, de 5 anos, tal como a irmã, Marta, de 9 anos, sofre de cancro nos ossos. Os pais recorreram à Clínica Universidad de Navarra, em Espanha, para uma solução médica que evite …

Já é conhecido o novo Governo. Há mais mulheres e cinco novos ministros

António Costa levou esta tarde os nomes do novo Governo que foram validados pelo Presidente da República. Costa quis deixar o assunto encerrado antes de partir para o Conselho Europeu de quinta e sexta-feira. A …

Relação de Lisboa reconhece insónias como motivo para indemnização

Uma empresa foi obrigada a indemnizar três funcionários que tinham sido despedidos e a reintegrá-los. A Relação de Lisboa considerou que os trabalhadores "passaram a andar deprimidos e ansiosos, dormindo mal" e por esse motivo …

Incêndio no Pinhal de Leiria terá originado de dois reacendimentos

O incêndio na Mata Nacional de Leiria, no dia 15 de outubro de 2017, resultou de dois reacendimentos de um incêndio após uma queimada e outro de um possível fogo posto, refere o despacho de …

Peste suína leva China a proibir carne de Timor-Leste

A China interditou a entrada de carne de porco proveniente de Timor-Leste devido ao surto de peste suína africana detetado no arquipélago. Segundo um edital publicado esta terça-feira pela Administração Geral da Alfândega da China, mas …

Lisboa está entre as cem cidades com os melhores hospitais do mundo

Lisboa figura na lista das cidades com os melhores hospitais do mundo segundo o estudo "Best Hospital Cities Ranking 2019", realizado pela primeira vez pela tecnológica da área da saúde Medbelle, uma startup baseada em …

Gaudêncio demite-se da liderança do PSD/Açores e pede eleições internas antecipadas

O líder do PSD/Açores, Alexandre Gaudêncio, demitiu-se esta terça-feira do cargo e vai pedir eleições internas diretas, não adiantando se se irá recandidatar ao cargo que assumiu há um ano. Alexandre Gaudêncio anunciou esta terça-feira, em …

Mortes causadas por agentes da polícia crescem 4,3% com Bolsonaro no poder

Agentes da polícia no Brasil causaram a morte de pelo menos 2.886 pessoas nos primeiros seis meses deste ano, mais 4,3% que os 2.766 registados no mesmo período do ano passado. Segundo um levantamento divulgado na …