/

Cientistas querem abrir “um portal para o mundo paralelo”

4

A física Leah Broussard, do Laboratório Nacional de Oak Ridge, no estado norte-americano do Tennessee, prepara-se para demonstrar a existência de um “universo espelho” composto por um material semelhante ao do nosso mundo.

A informação foi avançada pela especialista em declarações à cadeia televisiva NBC. De acordo com Broussard, o “universo espelho”, que deverá ser testado este verão, é composto por um tipo de matéria escura, a misteriosa matéria que ocupa cerca de 85% do Universo e não pode ser observada exceto através da sua influência gravitacional.

“[O “universo espelho”] manifesta-se como uma cópia perfeita de partículas e interações do Modelo Padrão de tal forma que a paridade e a inversão do tempo são simetrias exatas (…) [este universo] interage muito fracamente com o nosso Universo conhecido, principalmente do ponto de vista gravitacional”, pode ler-se num estudo publicado no arXiv.org em 2017 por uma equipa de cientistas liderados por Broussard.

No entanto, a física acredita que a matéria escura pode ser detetada se um feixe de partículas subatómicas acelerado com um íman poderoso colidir com uma parede impenetrável – e é exatamente esta experiência que vai levar agora levar a cabo.

Se a teoria da “matéria-espelho” estiver correta, algumas desta partículas vão tornar-se “imagens espelhadas” de si mesmas e continuarão o seu movimento para trás da barreira. “Este é um experimento experimental bastante simples que improvisamos com peças que descobrimos, usando os equipamentos e recursos que já tínhamos disponíveis”.

Apesar da sua simplicidades, a experiência – que os média rotularam já como uma tentativa de “abrir um portal para o mundo paralelo” – pode refutar a visão existente sobre o mundo criado pela Física convencional. “Se descobrirmos algo novo deste género, o jogo muda completamente”, assegurou a cientista.

A cientista não acredita, contudo, que seja possível encontrar vida inteligente no “universo paralelo”. Ainda assim, Broussard não duvida que o “universo-espelho” seja tão complexo quanto o nosso. “É improvável que na matéria escura existam pessoas (…) mas é muito provável que a matéria escura seja tão rica quanto a nossa“, assume Broussard.

  ZAP //

4 Comments

  1. E se estes cientistas tomassem uns calmantes? A maioria são gente completamente descompensada e desligada da realidade, alguns deles são mesmo autistas. Não lhes bastou a m*** que fizeram com a energia nuclear? Agora querem abrir um “portal” para o universo paralelo, sem querer saber das eventuais consequências negativas de tal temeridade.

    • Realmente estes físicos só fazem porcaria: Inventaram a internet e agora podem andar por aqui assalariados como o Joca a espalhar verborreias. Realmente…estes físicos…

  2. No outro dia um vizinho meu já com alguma idade e que recorrentemente tem por hábito encharcar a vela, caiu num poço aqui na terra. Na altura ele disse que tinha entrado noutra dimensão, como que num universo paralelo quando caiu ao poço. O nome dele é Ti Fernando.
    Caso este conhecimento venha a ser provado, pode a lei dos universos paralelos ficar conhecida como a Lei Ti Fernando?

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.