Cientistas encontram nova criatura gelatinosa no fundo do mar (mas podem nunca mais voltar a vê-la)

Uma equipa de investigadores da Administração Nacional de Pesca Oceânica e Atmosférica (NOAA) revelou que descobriu Duobrachium sparksae, uma nova espécie de ctenóforo – ou águas-vivas-de-pente.

A descoberta foi feita remotamente usando imagens de vídeo de alta definição capturadas no fundo do oceano pelo veículo operado remotamente (ROV) Deep Discoverer durante um mergulho na costa de Porto Rico.

O encontro do Deep Discoverer com a nova espécie ocorreu em 2015. No entanto, como a equipa tinha de confirmar a descoberta de uma nova espécie usando apenas imagens de alta definição, foi necessário mais tempo para verificar o que encontraram.

As câmaras do Deep Discoverer conseguiram captar detalhes subtis no corpo do novo espécime. Um sistema de laser também ajudou a medir a criatura marinha, mostrando que o seu corpo tinha aproximadamente 6 centímetros de comprimento e os seus tentáculos tinham aproximadamente 30 centímetros.

De acordo com o ScienceAlert, a análise do organismo mostrou que é facilmente distinguível de todas as outras espécies conhecidas de ctenóforo.

“É único porque fomos capazes de descrever uma nova espécie baseada inteiramente em vídeo de alta definição”, explicou Allen Collins, biólogo marinho da NOAA, em comunicado. “Não temos os mesmos microscópios que teríamos num laboratório, mas o vídeo pode dar-nos informações suficientes para entender a morfologia em detalhe, como a localização das suas partes reprodutivas e outros aspetos.”

Para os investigadores, a característica mais notável do Duobrachium sparksae é o seu corpo bulboso em forma de balão. Três indivíduos diferentes foram filmados durante a expedição do Deep Discoverer em 2015, a cerca de 3.900 metros sob o mar. Um deles parecia estar a usar os seus tentáculos para ancorar-se no fundo oceânico.

O próximo passo seria recuperar uma amostra física da nova espécie. No entanto, avistamentos como estes são tão raros que os cientistas admitem que outro pode nem acontecer nas nossas vidas.

Este estudo foi publicado em novembro na revista científica Plankton and Benthos Research.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Itália vai processar Pfizer e AstraZeneca devido a atrasos nas vacinas. UE pede "transparência"

A Itália vai processar a Pfizer Inc e a AstraZeneca devido aos atrasos na entrega das vacinas contra a covid-19 e para garantir os fornecimentos – não para obter compensações, disse neste domingo o ministro …

Declínio cognitivo relacionado com a idade pode ser reversível

Cientistas conseguiram reverter em ratos o declínio cognitivo causado pelo envelhecimento. O objetivo dos investigadores é que as farmacêuticas baseiem-se neste estudo para criar um composto que possa ser administrado em humanos. As células específicas do …

Afluência às urnas é menor (mas há mais votantes). Abstenção deverá ficar entre os 56 e 60%

A afluência às urnas às 16:00 nas presidenciais de hoje em Portugal, 35,4%, é a segunda mais baixa desde as eleições de 2006, ano em que este número passou a ser divulgado pela administração eleitoral. Esta …

Reino Unido já vacinou quase 6 milhões. Alemanha aumenta controlo nas fronteiras

O Reino Unido já administrou a primeira das duas doses da vacina contra o novo coronavírus em cerca de seis milhões de pessoas, quando o número de mortes no país devido à pandemia está perto …

Polícia desmantela rede de tráfico internacional de armas (e descobre santuário dedicado a Hitler)

Em dezembro, as autoridades espanholas conseguiram desmantelar uma rede ilegal de armas que operava em toda a Europa, e acabou por capturar os traficantes. O que a polícia não esperava era encontrar um armazém cheio …

Diminuição da esperança média de vida é "consequência inevitável" da pandemia

A esperança média de vida em Portugal vai necessariamente diminuir em consequência da pandemia de covid-19, defendeu um especialista, explicando que isso decorre do efeito combinado da morte de idosos, mas também de jovens em …

Novo estudo explica a importância de esterilizar os gatos antes da adolescência

Um novo estudo sugere que a idade de esterilização dos gatos deve ser antecipada de seis para quatro meses, com o objetivo de prevenir ninhadas indesejadas de gatinhos, que muitas das vezes acabam por ser …

Publicidade do Pingo Doce a promoções viola a lei do confinamento

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica está a avaliar incumprimento que visa aumentar clientes em loja durante o fim de semana. Os supermercados da Jerónimo Martins estão a publicitar promoções numa altura em que …

A tomada de posse de Joe Biden deixou os apoiantes do QAnon sem rumo

Com a tomada de posse de Joe Biden como 46.º Presidente dos Estados Unidos, esta quarta-feira, a frustração começou a infiltrar-se entre os apoiantes do QAnon. O QAnon é um movimento nascido, em 2017, no seio …

Pela quarta vez em quase 50 anos, gelo cobriu o deserto do Saara

Na terça-feira passada, um dos lugares mais secos do mundo acordou com uma geada sobrenatural. Foi apenas a quarta vez em quase 50 anos. No deserto do Saara, no noroeste da Argélia, nos arredores da cidade …