Cientistas desenvolveram exame que deteta Alzheimer com 100% de precisão

(dr)

Investigadores norte-americanos desenvolveram um novo exame ao sangue que pode ajudar a detetar a doença numa fase mais inicial.

O que torna o Alzheimer tão aterrorizante é a sua inevitabilidade, isto porque não existem ainda vacinas ou medidas preventivas para combater a doença.

Mas e se fosse possível detetar a doença anos antes dos seus sintomas começarem a aparecer? Cientistas da Universidade de Rowan, nos Estados Unidos, desenvolveram um novo exame que pode ser a resposta para essa pergunta.

“É vulgarmente aceite que as mudanças relacionadas com o Alzheimer surgem no cérebro pelo menos uma década antes do surgimento de sintomas reveladores”, começa por dizer Robert Nagele, membro da equipa responsável.

“Do nosso conhecimento, esta é a primeira análise ao sangue que utiliza biomarcadores de auto-anticorpos que podem detetar com precisão o Alzheimer num ponto mais inicial da doença, quando os tratamentos são mais suscetíveis a serem benéficos, isto é, antes que ocorra uma devastação muito grande no cérebro”, explica.

O teste foi concebido para detetar uma fase precoce da doença, conhecida por “Leve Comprometimento Cognitivo” (MCI na sigla em inglês), e distingui-la de casos similares de declínio mental que são causados por outros fatores como, por exemplo, problemas vasculares, depressão crónica, excesso de álcool ou efeitos colaterais provocados por certas drogas.

Para experimentar o novo exame, Nagele e a sua equipa recolheram amostras de sangue de 236 pacientes, dos quais 50 foram diagnosticados com MCI, 50 eram pessoas saudáveis e os restantes tinham sido diagnosticados com doença leve a moderada de Parkinson, esclerose múltipla ou cancro da mama.

Os pacientes com MCI tinham sido diagnosticados com base em níveis baixos de beta-amilóide 42 peptídicos no líquido cefalorraquidiano, que tem sido identificado como um predecessor da rápida progressão do Alzheimer.

Para analisar o sangue, o teste utiliza uma série de micro arranjos de proteínas humanas – catálogos de 9.486 proteínas únicas – para atrair auto-anticorpos no sangue que podem estar ligados à doença.

Outras doenças

Os auto-anticorpos são um tipo particular produzido pelo sistema imunitário para atingir certas proteínas no organismo. É certo que às vezes este processo pode dar errado – e acabar como uma doença auto-imune – mas a forma como respondem a diferentes tipos de doenças faz deles um novo candidato muito promissor para a deteção e diagnóstico.

Os investigadores identificaram os 50 melhores biomarcadores de auto-anticorpos para MCI e outras doenças diagnosticadas nos seus participantes e quando os usaram para analisar as amostras de sangue, descobriram que eram 100% precisos na taxa global de precisão, sensibilidade e especificidade na deteção de amostras de sangue com MCI.

Ao utilizar este método, o teste também foi bem sucedido na deteção de Alzheimer precoce e moderado (98,7%), da fase inicial do Parkinson (98%), esclerose múltipla (100%) e cancro da mama (100%).

A equipa diz que, embora esses resultados sejam animadores, é necessário testar este método numa amostra maior e mais diversificada, para ver se a média de 100% oscila com outros dados.

Embora saber que se tem Alzheimer mais cedo não vai impedir que o paciente desenvolva a doença por completo, esta seria uma forma de dar aos pacientes a oportunidade de se inscreverem para ensaios clínicos de novos medicamentos e tratamentos, planear cuidados médicos futuros e até mesmo explorar formas de ajudar a retardar a sua progressão, define a equipa de investigadores.

O Alzheimer é responsável por 50% a 80% dos casos de demência no mundo, o que mostra que testes como este são extremamente necessários.

ZAP / Hypescience

PARTILHAR

RESPONDER

Funcionários públicos passam a receber hoje 75% do valor das progressões

Os funcionários públicos que reuniram dez pontos na avaliação de desempenho nos últimos anos começam hoje a receber com o salário 75% da progressão que esteve congelada, que passará a ser paga na totalidade em …

Pasta de dentes de carvão não branqueia os dentes (e faz muito mal)

O carvão ativado, como uma moda de saúde, começou a ficar popular em 2016. Hoje, podemos encontrá-lo em bebidas, gelados e pizza, por exemplo. Não há dúvida de que parte da atração está na estética das …

O exoplaneta mais tórrido já descoberto tem valiosas terras raras

A 650 anos-luz da Terra, o KELT-9 b, o exoplaneta mais quente até agora descoberto, tem assinaturas de alguns dos cobiçados minerais de terras-raras.  Além das assinaturas de ferro gasoso e titânio encontradas na sua atmosfera, …

Conseguirá a Terra sair ilesa se o Sol ficar sem combustível?

Planetas rochosos formados por elementos densos serão, muito provavelmente, os únicos sobreviventes da morte explosiva de uma estrela. Esta descoberta dá-nos pistas preciosas sobre o futuro da Terra. Quando uma estrela morre destrói tudo o que …

As colónias espaciais de Bezos flutuam, são auto-sustentáveis e até se podem parecer com Florença

O CEO da Amazon e fundador da empresa de transporte aeroespacial Blue Origin levantou o véu sobre os seus planos futuros, detalhando as suas ideias para a colonização do Espaço. Jeff Bezos sonha com "cápsulas" …

Descoberta nova espécie de rã de cristal na Colômbia

Uma rã de cristal com um coaxar peculiar foi descoberta na Sierra Nevada de Santa Marta, uma cordilheira localizada na Colômbia. "Foi um golpe de sorte", revelou o cientista que encontrou o novo espécime. Segundo …

O café mais caro do mundo vende-se na California. Custa 66 euros

Um café na California, nos EUA, prepara o que apresenta como o café mais caro do mundo. Chama-se Elida Natural Geisha 803 e custa 75 dólares (66 euros) por chávena. A rede Klatch Coffee Roasters, que …

Inglês pagou 265 euros por um Picasso falso. Afinal, era verdadeiro

Um residente da cidade de Crawley, na Inglaterra, comprou por 292 dólares (cerca de 261 euros) uma pintura que achava ser uma boa farsa de um conhecido trabalho de Pablo Picasso. Porém, seis meses depois, soube …

China cria aplicação de reconhecimento facial para distinguir pandas

Investigadores do Centro de Pesquisa e Conservação da China para Pandas Gigantes, juntamente com a Universidade de Tecnologia de Nanyang, em Singapura, e a Universidade Normal de Sichuan desenvolveram uma aplicação com um software de …

Corvos da Torre de Londres "salvaram" o país. Tiveram crias pela primeira vez em 30 anos

Os icónicos corvos negros da Torre de Londres "salvaram" o Reino Unido das consequências fatídicas de uma antiga profecia ao ter descendentes pela primeira vez desde 1989. O casal formado por Huginn (o pai) e Muninn …