Cientistas descobriram uma múmia do século XVIII com cancro

Tel Aviv University

Uma equipa de investigadores da Universidade de Tel Aviv, em Israel, detectou indícios de cancro colo-rectal numa múmia húngara do século XVIII.

Este dado, fruto de uma investigação em torno de múmias desenterradas na Hungria, está a ser interpretado como decisivo, pois pode vir a dar pistas essenciais para perceber com mais detalhe as causas deste tipo de cancro que está entre os mais letais em vários países do mundo.

Na pesquisa publicada no PLoS ONE, refere-se que foi encontrada numa das amostras de tecido de uma múmia do século XVIII a predisposição genética para o cancro colo-rectal. Está em causa uma mutação no gene APC (Polipose Adenomatosa Coli) que se sabe potenciar os riscos de se sofrer deste tipo de cancro em quase 100%.

Se a mesma mutação genética for encontrada noutras múmias, isso significaria que factores hereditários relacionados com o ADN têm um papel mais relevante na evolução do cancro do que factores ditos modernos, como o sedentarismo, o consumo de tabaco ou a fast-food.

“Hoje em dia, o cancro colo-rectal é o terceiro tipo de cancro mais comum e tem um claro background genético que está bem estudado nas populações modernas. À luz das muitas mudanças ambientais e no estilo de vida que a sociedade humana viveu, durante os últimos séculos, achamos que é importante comparar o espectro das mutações históricas com o espectro moderno”, explica ao Live Science o investigador líder do estudo, Michal Feldman, que trabalhava na Universidade de Tel Aviv, aquando da pesquisa.

A investigação vai prosseguir com a análise a amostras de tecido de 20 múmias desenterradas de uma cripta selada numa Igreja Dominicana, em Vác.

Nesta cripta terão sido enterradas várias famílias de classe média e padres, desde 1731 até 1838, tendo os cadáveres mumificado graças à baixa temperatura do local, combinada com a ventilação constante e a baixa humidade.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …