Cientistas descobriram vida antiga na Biosfera Profunda da Terra

A Mina de Kidd Creek, em Ontário, Canadá, é o lar de algumas das águas mais antigas do planeta. Agora, ao que parece, o sulfato do riacho e a água rica em hidrogénio podem abrigar vida microbiana.

Estudos anteriores determinaram que a água foi aprisionada a 2,4 quilómetros abaixo da superfície na rocha pré-cambriana do riacho durante milhares de milhões de anos. No mês passado, um estudo publicado na revista especializada Geomicrobiology Journal descobriu a existência de vida microbiana intocada pela água da superfície.

Investigadores da Universidade de Toronto, no Canadá, encontraram células microbianas entre os sedimentos em amostras recolhidas através de dois furos. Os resultados acrescentam mais peso à evidência de que existe uma biosfera subsuperficial na crosta terrestre – uma área considerada hostil à vida – que tem muito pouca interação com a superfície.

Em dezembro de 2018, um projeto de uma década expôs uma biosfera profunda composta de milhares de milhões de micróbios que vivem a quilómetros abaixo do subsolo. Na verdade, suspeitam que até 70% de todos os microorganismos que vivem na Terra existem no subsolo quente, muito escuro e com muito pouco nutrientes para sustentar seres vivos.

Acredita-se que esses micróbios criem 15 a 23 mil milhões de toneladas de carbono – o que é 245 a 385 vezes maior do que a massa de carbono dos seres humanos acima da superfície.

Os cientistas envolvidos descreveram-no como um “Galápagos subterrâneo”, composto por bactérias, micróbios sem um núcleo ligado à membrana e micróbios e organismos multicelulares com um núcleo e organelas ligadas à membrana. Diferentemente dos seus parentes que vivem na superfície, os micróbios vivem em escalas de tempo quase geológicas. Alguns subsistem apenas com energia das rochas.

Esses microrganismos são um fenómeno pouco estudado que precisa de muito mais exploração, mas a evidência inicial sugere que os níveis de diferença genética podem ser tão amplos como a superfície acima – e talvez ainda mais.

Quanto aos que existem na Mina de Kidd Creek, a equipa da Universidade de Toronto analisou a sua atividade metabólica medindo a rapidez com que metabolizavam certos tipos de alimentos. Os resultados mostram que a comunidade de micróbios eram quase todos redutores de sulfato – ou seja, os microorganismos que realizam respiração anaeróbica que utiliza sulfato, reduzindo a substância ao sulfeto de hidrogénio (H2S).

“A identificação de organismos redutores de sulfato nesses fluidos, tanto no passado geológico como nos dias atuais, é uma descoberta importante que amplia a nossa compreensão sobre a profunda biosfera subsuperficial”, escrevem os autores do estudo. “Compreender quando esses fluidos de fratura foram colonizados pela vida continua a ser uma questão pendente, mas pode começar a ser restringido pela aplicação de uma variedade de abordagens de datação de águas subterrâneas.”

Os resultados levantam questões sobre quanto tempo os ecossistemas microbianos existentes podem durar, os cientistas esperam que as descobertas possam ser usadas para melhorar a nossa compreensão da biosfera profunda da Terra e tentar encontrar vida extinta em Marte – ou em qualquer outro lugar do Sistema Solar.

ZAP //

 

 

PARTILHAR

RESPONDER

Revelada causa da morte de 300 elefantes no Botsuana

O Governo do Botsuana anunciou, esta segunda-feira, que uma cianobactéria foi a causa da misteriosa morte de cerca de 300 elefantes no Botsuana em meados deste ano. A causa da morte dos paquidermes foi determinada após …

Cavani: brasileiros com milhões... mas pessimistas

O Grémio estabelece quatro parcerias para contratar o uruguaio. No entanto, a direção do clube não acredita que Cavani se vai mudar para Porto Alegre. "Na vida, se não conversas, nada sabes. Até pode surgir uma …

Ministério da Saúde indiano sem dados sobre médicos que morreram de covid-19. Associação fala em 382 óbitos

Depois de o Ministério da Saúde indiano ter afirmado esta semana que o não dispõe dos dados sobre os profissionais de saúde que morreram devido à covid-19, a Associação Médica do país publicou uma lista …

Chega apresenta proposta que prevê castração química para pedófilos

O projeto de revisão constitucional do Chega, entregue hoje no parlamento, prevê a remoção dos órgãos genitais a criminosos condenados por violação de menores, algo que em si mesmo encerra dúvidas de conformidade com a …

Fluminense: as derrotas pós-Evanilson e as quatro ausências de Fred

O reforço do FC Porto deixou a equipa brasileira que, desde essa transferência, contabiliza mais derrotas do que vitórias. A instabilidade de Fred não ajuda. Portugal continua mais atento ao Flamengo do que ao Fluminense, mesmo …

MP suíço pede 28 meses de prisão para presidente do PSG e 3 anos para Valcke

O Ministério Público suíço pediu, esta terça-feira, uma pena de 28 meses de prisão para Nasser Al-Khelaïfi, presidente do Paris Saint-Germain, e de três anos para Jérôme Valcke, antigo número dois da FIFA. Trata-se dos primeiros …

Empresa japonesa cria lâmpada UV inócua para humanos que inativa coronavírus

Uma empresa japonesa desenvolveu uma lâmpada de radiação ultravioleta que inativa o novo coronavírus, recorrendo a um comprimento de onda que um estudo científico diz ser inócuo para os seres humanos. A lâmpada Care 222 foi …

Trump pede à ONU atribuição de sanções à China por ter "ocultado factos relevantes"

O Presidente dos EUA, Donald Trump, exortou hoje as Nações Unidas a “pedirem responsabilidades à China” pela sua atuação na fase inicial da expansão da pandemia de covid-19. Na sua intervenção durante o debate geral da …

Há um "clima de medo e insatisfação" nas Forças Armadas, diz Associação de Sargentos

O presidente da Associação Nacional de Sargentos (ANS), Lima Coelho, disse à Rádio Renascença que se vive um "clima de medo e insatisfação nas Forças Armadas", que inclui ameaças, avaliações injustas, demora excessiva das reclamações …

Teletrabalho e questões ambientais são prioridade para o PS no início da sessão legislativa

A líder parlamentar do PS afirma que duas das principais prioridades da sua bancada no início da presente sessão legislativa vão passar pela regulamentação do teletrabalho e pela aprovação de uma lei de bases do …