Cientistas descobrem que medicamento para Alzheimer pode regenerar os dentes

Uma novo medicamento desenvolvido por uma equipa de cientistas do King’s College de Londres pode reduzir a necessidade de obturações dentárias.

Os especialistas desenvolveram uma substância química que, em testes com cobaias, estimulou as células da polpa dentária a taparem os pequenos buracos nos dentes. Para isso, foi colocada na cavidade uma esponja biodegradável embebida no produto.

No estudo publicado na revista científica Scientific Reports, os cientistas revelam que a substância teve um efeito reparador “completo, eficaz e natural”.

Os dentes têm uma capacidade limitada de regeneração. Podem produzir uma pequena faixa de dentina – a camada coberta pelo esmalte – se a polpa fica exposta, mas não podem consertar cavidades maiores.

A restauração dos dentes mais afetados pelas cáries é feita com obturação, um tratamento no qual os dentistas usam uma amálgama metálica ou um composto feito de vidro em pó e cerâmica.

Mas, como esses reparos precisam de ser substituídos ao longo da vida, os cientistas tentaram ampliar a capacidade regenerativa natural dos dentes. Foi assim que descobriram o medicamento, chamado Tideglusib – que já foi utilizado em ensaios clínicos para tratar desordens neurológicas como o Alzheimer.

A substância aumentou a atividade de células-tronco na polpa dentária das cobaias, o que provocou reparos em buracos de 0,13 milímetros nos dentes dos roedores.

(dr) King's College

O efeito do medicamento na regeneração dos dentes, em 4 semanas

O efeito do medicamento na regeneração dos dentes, em 4 semanas

“A esponja é biodegradável, e isso é a chave. O espaço ocupado pela esponja fica cheio de minerais enquanto a dentina regenera, então não há nada que possa falhar no futuro”, disse à BBC Paul Sharpe, um dos cientistas da equipa do King’s College.

Agora, os cientistas pretendem descobrir como aumentar o poder de ação do Tideglusib.

“Acho que não vamos ter de esperar muito tempo. Tenho esperanças de que o tratamento vai estar disponível em três a cinco anos“, destacou Sharpe.

O Tideglusib altera uma série de sinais químicos nas células, algo que já foi ligado à ocorrência de alguns tipos de tumor. Mas o fármaco foi usado em testes com pacientes humanos em estudos sobre demência e, segundo os especialistas, “os testes de segurança já foram realizados em concentrações bem maiores”.

Esta é apenas a mais recente abordagem em termos de reparos dentais. Outro grupo de cientistas do King’s College está a estudar o uso de eletricidade para reconstituir o esmalte dentário com minerais.

O cálcio e o fosfato produzidos por bactérias na boca contribuem para a perda de minerais nos dentes, e os cientistas conseguiram reverter esse efeito usando vários minerais conduzidos por uma corrente elétrica de baixa intensidade.

O método, chamado “Remineralização Eletricamente Acelerada” pode fortalecer os dentes, reduzindo cáries.

ZAP // BBC

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Os dentistas actualmente não querem que as pessoas saibam que os dentes podem ser remineralizados.
    sim, é possível com a dieta adequada e sobretudo com minerais tais como a Vit. D, cálcio, magnésio, K2 nas devidas proporções. Mas eles não apostam numa medicina preventiva, mas servem sim para tapar buracos, pois é isso que lhes dá €€€€€€…
    Agora com esta inovação vai ser ainda mais fácil!é claro que lá nos vão cobrar um balúrdio para utilizar esta nova engenhoca…

RESPONDER

Penálti que deu vitória ao Sporting devia ter sido repetido

Um penálti convertido por Pedro Porro deu a vitória, este domingo, ao Sporting. Especialistas entendem que a grande penalidade devia ter sido repetida. O Sporting CP conquistou uma vitória sofrida, este domingo, após derrotar o Estoril …

Marques Mendes: Governo vai abrir discotecas e acabar com limite à lotação no comércio e restaurantes

Marques Mendes considera também que a task force para a vacinação deve ser extinta em Outubro e que em Dezembro deve ser decidida uma terceira dose para os cidadãos acima de 65 anos. No seu habitual …

OE2022: Governo negocia englobamento obrigatório de rendimentos no IRS

O englobamento obrigatório de rendimentos no IRS é uma medida que está incluída no programa do Governo e é um dos temas de grande interesse no núcleo comunista. O assunto está a ser negociado no …

Falcao marcou mas o protagonista foi o árbitro: "Já nem sei quem viu amarelo"

Falhas na comunicação com os outros árbitros e confusão numa suposta expulsão, após 13 cartões amarelos: um jogo que Cordero Vega não vai esquecer. Radamel Falcao estreou-se neste sábado pelo Rayo Vallecano e já terá reunido …

Descoberta de ossos com mais de 120 mil anos pode revelar a primeira evidência de uma fábrica de roupa

Uma equipa de arqueólogos encontrou aquela que pode ser a primeira evidência de uma fábrica de roupa. A descoberta foi feita numa caverna em Marrocos e foi datada de há cerca de 120 mil anos. Emily …

Câmaras de videovigilância nas ruas portuguesas disparam em oito anos

Desde que foram autorizadas pela primeira vez em território nacional, os sistemas de videovigilância com recurso a câmaras nos espaços públicos tem sido cada vez mais requisitado pelas forças de segurança. Em 2009 foi autorizada pelo …

João Félix: o "louco" e o "calvário"

Avançado do Atlético de Madrid só esteve em campo durante 18 minutos, contra o Atlético Bilbau. Simeone defendeu o português. João Félix foi o nome mais comentado após o empate entre Atlético de Madrid e Atlético …

PCP quer limite de quatro dias por semana em teletrabalho

O projeto do PCP propõe limitar o teletrabalho a quatro dias por semana e que as empresas paguem o acréscimo das contas da luz, água, internet e telefone. O PCP quer limitar o regime de teletrabalho …

"The Crown" domina Emmys e "The Handmaid's Tale" é a derrotada da noite

A série da Netflix “The Crown” foi a grande vencedora da 73.ª edição dos Prémios Emmy, levando pela primeira vez a estatueta de Melhor Série Dramática e dominando por completo a categoria na maior noite …

Vacina contra a covid-19 em spray nasal tem vários benefícios - e pode estar para breve

Atualmente, receber uma vacina contra a contra a covid-19 é sinónimo de levar uma injeção no braço. Contudo, esta realidade pode mudar, já que um novo estudo garante a eficácia de vacinas administradas de forma …