Cientistas criaram retina artificial que poderá devolver a visão a milhões de pessoas

Uma equipa de investigadores do Instituto Italiano de Tecnologia desenvolveu um implante de retina que pode devolver a visão para ratos de laboratório, e estão a planear testar o procedimento em humanos até o final do ano.

O implante converte a luz em sinais elétricos, que estimulam os neurónios da retina, e devolve a esperança para milhares de pessoas que sofrem de degeneração da retina, com doenças como a retinite pigmentosa, em que as células fotorrecetoras morrem, tendo impacto na visão periférica, central e na distinção das cores.

O implante é feito de uma camada fina de polímero condutor, colocado numa base e coberto por um polímero semicondutor. Este polímero semicondutor age como um material fotovoltaico, absorvendo fotões quando a luz penetra na lente dos olhos. Quando isso acontece, a eletricidade estimula os neurónios retinais, preenchendo a falha que existe na retina do paciente.

Para testar este implante, os investigadores colocaram-no nos olhos de cobaias geneticamente selecionados para desenvolver esta degeneração da retina. 30 dias depois da cirurgia, os cientistas testaram a sensibilidade relativamente à luz, comparando o reflexo pupilar deste grupo com os de cobaias saudáveis e cobaias com a degeneração mas que não passaram pelo tratamento.

Os cientistas observaram que, com a baixa intensidade de 1 lux (o equivalente à luz da lua cheia), os cobaias tratados não mostravam resultados muito melhores do que os ratos sem tratamento. No entanto, quando essa luminosidade aumentava para 4-5 lux (a luminosidade do crepúsculo), mostravam resultados semelhantes aos animais saudáveis.

Dez meses depois da cirurgia, o implante ainda se mostrou eficaz nos cobaias, mas todos os grupos (saudáveis, tratados e não tratados) apresentaram uma perda visual provocada pelo avanço da idade.

Ao usarem um aparelho de tomografia para controlar as atividades cerebrais durante os testes de sensibilidade à luz, os cientistas viram uma melhoria na atividade do córtex visual primário, responsável por processar a informação visual.

Com base nestes resultados, agora publicados na revista científica Nature, a equipa concluiu que o implante ativa diretamente os circuitos neuronais residuais da retina degenerada. Porém, ainda são necessárias novas investigações para perceber exatamente como é que esta estimulação funciona a nível biológico.

Por enquanto, não há garantias de que estes resultados se vão repetir em humanos, mas a equipa está otimista. “Esperamos replicar estes resultados excelentes em humanos”, afirmou a investigadora Grazia Pertile.

“Estamos a planear realizar o primeiro teste em humanos na segunda metade do ano e recolher resultados preliminares em 2018”, acrescentou.

2 COMENTÁRIOS

  1. “.e estão planejando testar o procedimento em humanos até o final do ano.”
    Mais rigor por favor com aquilo que escrevem… É um “erro grosseiro”… ou mais parece uma “cópia grosseira”?!

RESPONDER

Os famosos autocarros de Londres agora são movidos a café

É a primeira vez que um biocombustível derivado do café é usado nos transportes públicos de Londres. A partir desta segunda-feira, parte do combustível usado nos double deckers londrinos vai ser feito a partir de …

Tribunal confirma incapacidade de centenário que se casou com empregada em Bragança

O centenário milionário de Bragança que se casou com uma empregada em maio, dois meses antes de morrer, estava incapaz de tomar decisões, indica uma sentença judicial datada desta segunda-feira, a que a Lusa teve …

Alemanha proíbe smartwatches que espiam crianças

O órgão regulador das telecomunicações alemãs anunciou, este fim de semana, a proibição da utilização de smartwatches a todas as crianças. Aos pais, o Bundesnetzagentur pediu que destruíssem estes equipamentos. A decisão foi tomada pelo órgão …

Ministério Público pede 3 anos e 4 meses de pena suspensa para Carrilho

O Ministério Público pediu, esta segunda-feira, três anos e quatro meses de prisão, com pena suspensa, para Manuel Maria Carrilho pelo crime de violência doméstica contra a ex-mulher Bárbara Guimarães. Foram mais de três horas de …

El Mundo aponta Centeno como favorito à presidência do Eurogrupo

Faltam duas semanas para serem tornados públicos os nomes dos candidatos à presidência do Eurogrupo que vão suceder a Dijsselbloem. O espanhol El Mundo já tem um favorito e é português: Mário Centeno. "Mário Centeno, o …

João Lourenço exonera comandante da polícia e chefe da secreta militar

O Presidente angolano exonerou hoje o comandante-geral da Polícia Nacional, Ambrósio de Lemos, e o chefe da secreta militar, general António José Maria, nomeando respetivamente, para os mesmos lugares, o comissário-geral Alfredo Mingas e o …

Porto perde a Agência Europeia do Medicamento para Amesterdão

A cidade do Porto foi eliminada, esta segunda-feira, na votação no Conselho da União Europeia para escolher a futura sede da Agência Europeia do Medicamento (EMA), que vai abandonar o Reino Unido devido ao Brexit. À …

NASA mostra como o furacão Ofélia influenciou os incêndios em Portugal

A agência espacial norte-americana NASA divulgou um vídeo que ilustra o impacto dos furacões que atingiram o Oceano Atlântico, nos últimos meses, mostrando em particular como o Ofélia teve influência nos grandes incêndios que abalaram …

Cesarianas e tempos de espera nas urgências vão condicionar financiamento

Os hospitais com taxas de cesariana superiores a 29,5% ou 31,5%, consoante o grau de diferenciação, não vão receber do Estado o pagamento pelos respetivos episódios de internamento, no âmbito do programa para a redução …

Empresas públicas escondem das Finanças os salários dos gestores

Cerca de metade das empresas públicas não comunicaram dados sobre os salários dos membros do conselho de Administração ao Ministério das Finanças, como está estipulado na Lei. O Correio da Manhã apurou que, em 2016, 118 …