Câmaras instaladas na cabeça revelam segredos dos pinguins da Antártida

Pela primeira vez, um grupo de cientistas capturou imagens surpreendentes de pinguins-gentoo e as suas rotinas nas águas geladas do Oceano Antártico.

Usando câmaras em miniatura estilo GoPro, presas às cabeças das aves marinhas, a equipa descobriu que a comunicação vocal entre os pinguins está ligada à sua organização em grupos e não à recolha de alimentos.

A filmagem também mostrou que, depois de fazerem certas vocalizações, os pinguins realizam mergulhos mais curtos e nadam para outras áreas, o que poderá sugerir que estas “chamadas” em alto mar podem ter várias funções.

Os pinguins-gentoo (Pygoscelis papua) têm cerca de 90 centímetros de altura e pesam até 8,5 quilos, sendo a terceira maior espécie de pinguins do mundo. Tal como os seus parentes, o pinguim-de-adélia (Pygoscelis adeliae) e o pinguim-azul (Eudyptula minor), os gentoo reúnem-se em grandes colónias de reprodução, de até 300 mil pares.

Além disso, os gentoo emitem sons que lembram os brinquedos para os cães, ou uma buzina de festa. Tais chamadas agudas não são para incomodar: como outras aves, os pinguins dependem de uma grande variedade de sinais vocais para trocar informações, formar grupos e coordenar movimentos.

Os cientistas tinham dificuldade em entender o comportamento dos pinguins enquanto caçavam krill e peixes no oceano, por isso optaram por usar uma câmara de vídeo de tamanho reduzido para acompanhar 26 pinguins-gentoo.

A descoberta

O cientista Won Young Lee, do Korea Polar Research Institute (KOPRI, na Coreia do Sul), disse que a filmagem apresenta um vislumbre raro sobre o misterioso comportamento destas aves marinhas.

“Os pinguins passam muito tempo no oceano, mas a forma como comunicam no mar é mal compreendida. O que nos surpreendeu foi que estes animais parecem emitir sons para atrair outros indivíduos”, disse o especialista ao ScienceAlert.

Ao longo de duas estações de reprodução, Young Lee e os seus colegas registaram um total de 598 pinguins nas costas da Ilha King George, na Antártica.

Ao reproduzir os arquivos de vídeo, os cientistas analisaram a acústica dos sons e os padrões de comportamento do mergulho, exploração de recursos alimentares e formação de grupos dos pinguins.

Segundo o estudo publicado na Scientifis Reports, os especialistas descobriram que quase metade dos pinguins formaram grupos cerca de um minuto após serem emitidas vocalizações. Cada um dos sons variava em comprimento e frequência, e era semelhante às chamadas observadas em pinguins africanos (Spheniscus demersus).

Dúvidas

No entanto, apesar de procurarem alimentos em grupo, não havia nenhum sinal de interação vocal entre os pinguins – para além disso, houve pequenas mudanças nos mergulhos ou na captura de presas depois da emissão de sons.

Isso sugere que as chamadas vocais podem ter mais a ver com a formação de grupos do que com interagir com os vizinhos ou ajudar uns aos outros na alimentação.

Quando a equipa examinou as filmagens percebeu que os pinguins realizavam mergulhos rápidos pouco profundos depois das vocalizações. Como a emissão de sons requer energia, os mergulhos mais curtos provavelmente foram devidos a níveis de oxigénio diminuídos.

“Não sabemos porque é que estes pinguins realizam chamadas vocais ou como é que reconhecem essas chamadas no oceano. Suspeitamos que existem outros mecanismos envolvidos na comunicação vocal”, afirmou Young Lee.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. A ciência está tão desenvolvida que as mini câmaras, tipo gopro, nem se notam na cabeça. Vejo algo, mini, na asa, será isso?

  2. Boa, Altamente, podemos fazer isso também em 212 pinguins ali perto das Janelas verdes, não iam mostrar segredos nenhuns, mas por a nú o que se passa naquela comunidade, e acreditem mais de 98% da população ia ficar impressionada com o que as câmaras iam mostrar

RESPONDER

Cientistas encontraram uma forma de levitar objetos usando apenas luz

Os cientistas afirmam que a sua nova tecnologia de levitação seria capaz de enviar uma nave espacial para a estrela mais próxima em apenas 20 anos. Cientistas do Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech) dizem ter …

Estrela hiper-fugitiva foi expulsa do disco da Via Láctea

De acordo com investigadores da Universidade de Michigan, uma estrela veloz pode ter sido ejetada do disco estelar da Via Láctea por um enxame de estrelas jovens. Os cientistas dizem que a estrela não teve …

Cientistas portugueses participam na criação do maior telescópio do mundo

O SKA, Square Kilometre Array, está já em construção e será o maior telescópio do mundo. Cientistas portugueses estão a participar no seu design e alguns dos testes serão feitos em território luso. A construção do …

Bolsonaro pondera não assinar qualquer acordo na próxima cimeira do clima

O Brasil está a considerar não assinar qualquer acordo climático na próxima COP25, anunciou este sábado em Santiago o Presidente brasileiro Jair Bolsonaro, após uma reunião que manteve no sábado no Palácio de La Moneda …

Portugal vs Sérvia | Massacre luso com pólvora seca

Segunda jornada do Grupo B da qualificação para o Euro 2020, segundo empate de Portugal, ambos em casa. Após o nulo ante a Ucrânia na primeira jornada, os campeões da Europa não foram além de …

O "homem-milagre". Carteiro português esteve morto 21 minutos e acordou a caminho da morgue

Declarado morto pelos médicos, depois de ter tido um ataque cardíaco, e "ressuscitado" 21 minutos depois, quando já ia a caminho da morgue, o português João Araújo continua a ser conhecido como o "homem milagre" …

Um dos fármacos mais promissores para tratar o Alzheimer falha nos testes em humanos

Uma onda de choque instalou-se na comunidade de pesquisa sobre o Alzheimer na sexta-feira, depois que a empresa farmacêutica Biogen anunciou a suspensão - na fase final em humanos - dos testes com o fármaco …

Gerente de agência de viagens deixou 84 clientes em terra. Em tribunal, foi absolvida

Paula chegou a tribunal acusada de burla qualificada por ter deixado 84 clientes da agência de viagens que geria no Montijo com as férias ou viagens estragadas em agosto de 2016. Chegou a ser detida …

Italiana de 91 anos distinguida pelos seus feitos na II Guerra Mundial. Aos 17 anos, salvou 38 pessoas

Gabriella Ezra, de 91 anos, vai receber a Estrela de Itália. O Estado decidiu homenageá-la depois de a embaixada italiana em Inglaterra, onde Gabriella vive, ter recebido uma carta do filho, Mark, de 65 anos, …

Moscovo enviou dois aviões com soldados e armamento para a Venezuela

Duas aeronaves russas aterraram no aeroporto de Caracas, este sábado, trazendo 100 soldados e 35 toneladas de armamento. As tropas chegaram sob supervisão do chefe do comando principal das forças terrestres russas, Vasilly Tonkoshkurov. A chegada …