Cientistas chineses confirmam avanços no estudo da matéria escura

Colaboração KiDS/H. Hildebrandt & B. Giblin/ESO

Um satélite chinês detetou “sinais inesperados e misteriosos” na sua medição de raios cósmicos de alta energia, algo que, segundo os cientistas do país, poderá levar a novos conhecimentos sobre a matéria escura, informou a agência Xinhua.

Assim, o Explorador de Partículas de Matéria Escura da China (DAMPE) mediu mais de 3,5 biliões de partículas de raios cósmicos com a energia mais alta até 100 tera-electrão-volts (TeV) e com uma resolução de energia sem precedentes.

“O DAMPE abriu uma nova janela para observar o universo de alta energia, descobrindo novos fenómenos físicos além do nosso entendimento atual”, disse o cientista chefe do projeto, Chang Jin.

Segundo explicou, esta é a primeira vez que uma experiência espacial informa sobre o espectro detalhado e preciso de eletrões e positrões de até aproximadamente 5 TeV.

“Encontraram-se as 61 partículas elementares preditas pelo modelo padrão de física de partículas. As partículas de matéria escura estão além da lista. Portanto, se encontramos uma nova partícula elementar, será um grande avanço para a física”, acrescentou.

A medição precisa dos raios cósmicos é importante para que os cientistas procurem rastos de aniquilação ou decomposição da matéria escura, bem como para compreender fenómenos astrofísicos como pulsares, núcleos ativos de galáxias e superestrelas novas.

“Os nossos dados podem inspirar algumas ideias novas em física de partículas e astrofísica”, disse Chang.

A matéria escura, que não se pode ver ou tocar, é um dos grandes mistérios da ciência. Os cientistas calculam que a matéria normal, como galáxias, estrelas, árvores, rochas e átomos, representa apenas 5% do universo.

Ao redor de 26,8% do universo é matéria escura e 68,3% é energia escura, pelo que tudo o que se sabe hoje em dia é uma pequena fração da realidade.

A exploração da matéria escura é revolucionária para a física e a ciência espacial e qualquer descoberta nesta área poderia ser tão significativa como a teoria heliocêntrica, a lei da gravidade, a teoria da relatividade e a mecânica quântica.

O DAMPE foi enviado a uma órbita de uns 500 quilómetros sobre a terra a 17 de dezembro de 2015 e é parte do programa de satélites científicos desenvolvidos pela China, de forma paralela ao plano de exploração da lua e aos de envio de missões tripuladas, que incluem o estabelecimento de uma estação orbital permanente.

// EFE

PARTILHAR

RESPONDER

Mark Zuckerberg tem medo do TikTok (e já se sabe porquê)

Mark Zuckerberg já deixou claro, mais do que uma vez, que não gosta do TikTok. No entanto, agora sabemos o que está por trás desta hostilidade pelo rival: a aplicação está a crescer muito, mesmo …

A empresa mãe da Google já vale um bilião de dólares

Esta quinta-feira, a Alphabet, empresa mãe da Google, conseguiu uma cotação na bolsa de 1 bilião de dólares, cerca de 900 mil milhões de euros. A Alphabet tornou-se, esta quinta-feira, a quarta empresa norte-americana a conseguir …

Cientistas criam "cimento vivo" capaz de se "curar"

Uma equipa de cientistas dos Estados Unidos criou um "cimento vivo" juntando areia e bactérias num material de construção capaz de se auto-reproduzir, de absorver dióxido de carbono e manter a resistência. "Já usamos materiais biológicos …

Sporting 0-2 Benfica | Águia vence dérbi e foge na frente

O Benfica foi o grande vencedor do dérbi lisboeta. Na visita ao Sporting, os “encarnados” marcaram dois golos sem resposta, ambos na segunda parte, por Rafa Silva, entrado no decorrer da segunda parte, após ter …

Um em cada seis homens é vítima de abuso sexual antes dos 18 anos

Um em cada seis homens é vítima de abuso sexual antes dos 18 anos e podem levam décadas até pedir ajuda, por nem sempre aceitarem e entenderem que sofreram violência sexual. Na maior parte dos …

"Messiah", da Netflix, reacende controvérsia sobre os limites da liberdade de expressão

A série Messiah, disponível na plataforma de streaming Netflix, acende a controvérsia em torno dos limites da liberdade de expressão e da criatividade no mundo das artes e do entretenimento. Messiah, uma série produzida por Michael …

Quadro encontrado por jardineiro era mesmo a obra desaparecida de Klimt

Em 1997, Retrato de uma Senhora desapareceu da Galeria de Arte Moderna Ricci Oddi, em Piacenza. Em dezembro, o quadro foi descoberto. Estava escondido numa parede da instituição. O quadro encontrado em dezembro, escondido na reentrância …

Terramotos modificaram a geografia de Porto Rico (e a NASA mostra como)

Os terramotos que Porto Rico tem sentido desde dezembro passado, que causaram pelo menos um morto e milhões de dólares em prejuízos, estão também a mudar a geografia desta ilha das Caraíbas. A agência espacial …

Maldivas desesperam por fundos enquanto continuam a afundar

As Maldivas correm o risco de desaparecer completamente a menos que o Governo consiga aceder a financiamentos para combater a subida das águas. Atualmente, 80% do país está um metro abaixo do nível do mar. "Não …

O avião-baleia da Airbus já fez o seu primeiro voo

https://vimeo.com/385554265 O BelugaXL, da Airbus, é um avião-baleia e é a aeronave com mais espaço de carga do mundo. O avião foi desenvolvido para transportar peças de aviões entre as várias fábricas da empresa europeia e …