Cientista que criou bebés geneticamente modificados foi despedido

Alex Hofford / EPA

He Jiankui apresentou o seu trabalho durante a conferência

O cientista chinês He Jiankui, que anunciou a criação da primeira modificação genética de bebés, foi acusado pelo Governo chinês de driblar a fiscalização e de quebrar as diretrizes em busca de fama e fortuna.

Esta segunda-feira, a equipa de investigação da província de Cantão anunciou os resultados preliminares da averiguação desencadeada após o anúncio do cientista chinês He Jiankui que, em novembro, reclamou ter editado geneticamente os primeiros dois bebés.

O grupo de trabalho criado pela Comissão de saúde confirmou a existência dos bebés e concluiu que o investigador “desafiou as proibições do Governo chinês“, agindo em busca de “fama e fortuna”. A universidade onde He Jiankui dava aulas já anunciou que rescindiu contrato com o cientista, avança o Público.

Desta forma, com base nas conclusões do grupo de trabalho, a Universidade de Ciência e Tecnologia do Sul da China, em Shenzhen, divulgou uma declaração pública no seu site na qual informa que decidiu rescindir o contrato de trabalho do cientista, com efeito imediato, ficando He Jiankui impedido de exercer ali qualquer atividade de ensino ou investigação.

Segundo a equipa de trabalho, o cientista “evitou intencionalmente a supervisão do seu trabalho, angariou fundos e organizou um grupo de investigadores por conta própria para realizar a edição genética de embriões humanos destinados à reprodução, que é explicitamente proibida”, adianta a agência de notícias estatal Xinhua.

Em novembro do ano passado, o professor associado da Universidade de Ciência e Tecnologia do Sul afirmou que os primeiros bebés geneticamente editados do mundo tinham nascido com a sua ajuda, referindo ainda que o ADN foi alterado para evitar que contraíssem HIV.

A equipa confirmou que o cientista iniciou a sua investigação em junho de 2016 com uma equipa de cientistas que incluía alguns “membros estrangeiros” e que “conduziu as atividades de edição de genes usando tecnologias sem garantia de segurança e eficácia”.

He Jiankui conseguiu recrutar oito casais de voluntários com um certificado falso de aprovação ética na mão. O grupo de trabalho confirmou duas mulheres grávidas – uma que terá dado à luz as gémeas Lulu e Nana e outra que ainda se encontra grávida -, um casal que desistiu da experiência e outros cinco que não terão conseguido conceber.

As atividades violaram seriamente princípios éticos e integridade científica e violaram regulamentos relevantes da China, de acordo com a investigação”, lê-se no comunicado, que adianta apenas que os responsáveis “receberão punição de acordo com as leis e regulamentos”, sem especificar.

O comunicado adianta ainda que tanto os bebés como as mulheres grávidas vão receber todos os cuidados e observação médica através de regulares visitas de acompanhamento.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Em Málaga, pode comer-se o pão mais caro do mundo. É feito com ouro e prata

É na padaria espanhola Pan Piña que se confeciona aquele que é, de momento, o pão mais caro de todo o mundo. Este é vendido por uma quantia que pode chegar até aos 3.700 euros …

Novas evidências apontam eventual localização dos destroços do MH370. Jornalista sugere que foi abatido

O chefe da busca fracassada pelo voo MH370 da Malaysia Airlines está a pedir um novo inquérito com base em novas evidências que podem finalmente resolver o mistério do desaparecimento da aeronave há sete anos. De …

Cidade nos EUA testou o rendimento básico universal. "Os números foram incríveis"

Além de a percentagem de pessoas que tinham um emprego a tempo inteiro ter subido, os participantes da iniciativa também relataram sentir-se menos ansiosos. De acordo com o estudo publicado esta quarta-feira, citado pela agência …

Belenenses 0-3 Benfica | Vendaval suíço após o descanso

O Benfica venceu o dérbi com a Belenenses SAD, em jogo a contar para 22ª jornada da Liga NOS, por 3-0. Uma partida que teve uma primeira parte mal jogada e com muitas dificuldades para as …

Investigador apresenta nova geração de drones minúsculos e ágeis. São inspirados em mosquitos

Os mosquitos são insetos incrivelmente acrobáticos e resistentes durante o voo, o que os ajuda a navegar entre rajadas de vento, obstáculos e incertezas. Agora, uma equipa de investigadores construiu um sistema que se aproxima …

OMS considera que a pandemia podia ter sido evitada se alguns países não tivessem sido lentos a reagir

O diretor-geral da OMS afirmou esta segunda-feira que alguns países reagiram lentamente à declaração de emergência sanitária global em janeiro de 2020, desperdiçando-se uma "janela de oportunidade" para evitar a pandemia de covid-19. "A 30 de …

Louvre recupera armadura do século XVI roubada há quase 40 anos

O peitoral e o capacete elaboradamente decorados, que estavam desaparecidos desde 1983, datam do século XVI e voltaram finalmente ao museu do Louvre, em França. Quase quatro décadas depois, um peitoral e um capacete do século …

Queixas por cibercrime disparam. Fraude com MB Way foi o crime mais denunciado

O Ministério Público (MP) da Comarca de Lisboa registou 6676 denúncias por crimes informáticos em 2020, um aumento de 15% (mais 998) face a 2019. MB Way é um dos sistemas onde estão associadas mais …

Centro Hospitalar Lisboa Norte vai alargar uso de medicamento para fibrose quística a mais cinco doentes

O diretor clínico do Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte (CHULN), Luís Pinheiro, disse hoje que a instituição já usa há cerca de um mês um novo medicamento para a fibrose quística, que poderá chegar em …

No Porto, haverá transporte para vacinação disponível para todos a partir de terça-feira

Todos os munícipes do Porto que forem convocados no âmbito do plano de vacinação contra a covid-19 vão poder usufruir de um programa de transporte em colaboração com as centrais de táxis, anunciou hoje a …