/

China quer castigar pais de crianças mal-educadas

4

O regime chinês está a analisar um projeto de lei que prevê que os pais possam ser punidos se os seus filhos exibirem um mau comportamento ou cometerem crimes.

De acordo com a agência Reuters, o projeto de lei para a promoção da educação da família prevê que os pais sejam repreendidos e obrigados a frequentar programas de orientação de educação familiar se for detetado um comportamento muito mau ou criminoso em crianças sob os seus cuidados.

“Há muitas razões para os adolescentes se portarem mal, e a educação familiar inadequada ou falta dela, é a principal causa”, disse Zang Tiewei, porta-voz da Comissão de Assuntos Legislativos do Congresso Nacional do Povo (o mais alto órgão do poder estatal e poder legislativo).

O projeto de lei, que será analisado esta semana pelo Congresso Nacional do Povo, também pede aos pais que arranjem tempo para os seus filhos descansarem, brincarem e fazerem exercício.

Tal como recorda a agência noticiosa, o regime chinês tem exercido um maior controlo sobre a educação das crianças, tendo lançado várias medidas nesse sentido como, por exemplo, tentando combater o vício dos jovens por jogos online (considerados uma forma de “ópio espiritual”) e a reprimir a adoração “cega” por celebridades da Internet.

Nos últimos meses, o Ministério da Educação já tinha limitado o tempo em que os mais novos podem jogar online para apenas uma hora às sextas-feiras, sábados e domingos. Também reduziu os trabalhos de casa e proibiu o apoio escolar extra-curricular ao fim-de-semana e feriados, para evitar que as crianças fiquem sobrecarregadas.

Ao mesmo tempo, o país também está a incitar os jovens chineses a serem menos “femininos” e mais “masculinos”. Na sua “Proposta para Prevenir a Feminização de Adolescentes do Sexo Masculino”, divulgada em dezembro, o ministério instou as escolas a promoverem desportos que “cultivam a masculinidade”, como o futebol.

  ZAP //

4 Comments

  1. Longe de apoiar ditaduras, neste caso apoio a China. Trata-se de uma medida, que adaptada ao contexto ocidental, poderia transformar muito positivamente o desregramento civilizacional que nos assola.

  2. Não concordo com todas as medidas mencionadas mas responsabilizar e castigar os paizinhos que deixam os seus filhos andarem a correr e a gritar no meio dos restaurantes e cafés, por exemplo, apoio na totalidade.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE