Chega de André Ventura e Democracia 21 avançam juntos para as europeias

ppdpsd / Flickr

André Ventura

O Chega e o Democracia 21 (D21), dois movimentos que ainda não foram formalmente reconhecidos como partidos políticos, chegaram a acordo para formar uma coligação para as eleições europeias de 26 de maio.

A notícia, inicialmente avançada pela revista Visão, dá conta que o Chega de André Ventura e o D21, liderado por Sofia Afonso Ferreira, líder do movimento que diz pertencer à direita liberal, vão concorrer juntos às europeias.

Em comunicado, citado pela revista, os dois movimentos confirmam oficialmente a assumem a coligação pré-eleitoral e asseguram que o candidato a cabeça de lista e programa eleitoral serão anunciados “em breve”. “Chegámos a acordo com o D21 e vamos juntos”, adianta André Ventura. “Ficou tudo fechado entre quarta-feira e hoje [segunda-feira]”, acrescenta Sofia Afonso Ferreira.

Sofia Afonso Ferreira fará parte da lista às europeias e em lugar elegível. De acordo com a Visão, não é ainda certo que André Ventura, ex-vereador do PSD na Câmara de Loures, integre a lista, podendo reservar-se apenas para as legislativas de 6 de outubro.

Por definir, nota ainda a revista, está ainda a parte formal do acordo, ou seja, em que moldes é que o Chega e o D21 vão a votos, uma vez que o partido de André Ventura entregou já as 7500 assinaturas necessárias para se constituir como partido e aguarda luz verde do Tribunal Constitucional e o D21 ainda não o fez.

Sofia Afonso Ferreira, contudo, assume vontade de o fazer ainda a tempo de concorrer às eleições europeias disputadas em maio. Caso não o consiga fazer, escreve a Visão, terá de ser o Chega – se os juízes do Palácio Ratton o legalizarem – a acolher as personalidades indicadas pelo D21 nas suas listas.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. É uma maravilha haver cada vez mais partidos de direita, assim é a melhor maneira de esfrangalha-la, e adeus poder, e ainda bem, que quando chegam ao poder é sempre a roubar, e temos os exemplos dos bancos, onde 99% dos corruptos e ladroes envolvidos são de direita, portantao nada de admirar. Os Portugueses têm é que abrir os olhos, e fazer uma pausa para pensar: Afinal quem foi que me roubou à grande à francesa, a conclusao só pode ser uma: A DIREITA, então só têm uma coisa a fazer nao votar nessa direita ladra e corrupta e fugir a 7 pés, por outro lado o PS nao é muito melhor, e os Portugueses também têm que pensar se querem um governo que subservientemente obedece como um caozinho amestrado aos eua e à UE. Eu como Português embora apoie este governo, nao me revejo nesta politica Portuguesa de assinar por baixo actos criminosos como apoiar abertamente o golpe militar em Kiev, em apoiar impostores e fantoches como na venezuela, etc. A portugal devia inclusive abando nar a nato para nao participarmos em actos belicistas e ofensivos sobre outras nações, como as provocações com o deslocamentos de tropas da nato para leste, e vão para leste fazer o quê, fazer turismo nao é de certeza, porque até são regioes frias. A nato quando existia o pacto de varsovia tinha razão de existir e era uma organização defensiva, agora não, é uma organização ofensiva e desejosa de entrar em guerra, por isso devemos sair, por isso eu digo, os Portugueses têm que pensar bem nisso, e votar em partidos que apoiem a saida da nato, para nao sermos acusados depois de um povo que apoia crimes e actos terroristas, porque podemos nao ter operacionas nas acções, mas como membros apoiamos. já para nao falar de podermos ser alvos de bombas nucleraes russas devido a esse apoio. EU NAO QUERO. Conclusao, votar na direita e no PS. NÃO.

RESPONDER

Concorrência quer novas regras para fidelizações nas telecomunicações

A Autoridade da Concorrência (AdC) quer mudanças nas regras impostas pelas operadoras de telecomunicações nos contratos de fidelização. Segundo um relatório da AdC, ao qual o Jornal de Negócios teve acesso e que será esta segunda-feira …

Se Trump fosse julgado perante um júri, seria condenado "em três minutos"

Caso o processo de impeachment avance, e Trump seja apresentado perante um júri, Jerry Nadler acredita que o presidente norte-americano seria considerado culpado "em três minutos". O presidente da comissão de Justiça da Câmara dos Representantes, …

Sangue, lágrimas e crianças escoltadas na primeira despromoção da história do Cruzeiro

O Cruzeiro desceu de divisão pela primeira vez na sua história. O último jogo do campeonato, que selou a despromoção, ficou marcado por episódios violentos entre adeptos e polícia. O cenário vivido no 'Mineirão', este domingo, …

Movimento "Convergência" prepara moção para convenção do Bloco (mas rejeita cisão)

Largas dezenas de elementos do Bloco de Esquerda (BE) estiveram reunidos para preparar uma moção para apresentar na próxima convenção do partido, mas rejeitam estar a criar uma nova tendência ou a preparar uma cisão. João …

Empresário lesou Fisco em 60 milhões, mas não tem de devolver nada

Um empresário do setor do ouro condenado a sete anos de prisão por fraude fiscal agravada não terá de devolver nenhuma parte dos 60 milhões de euros de prejuízo que deu ao Estado por não …

Maioria das pistolas Glock roubadas da PSP pode ter estado sempre com a polícia

Luís Gaiba defende que a contagem do armamento não estava atualizada e que, por isso, a maioria das armas alegadamente desaparecidas pode nunca ter saído da posse da polícia. O agente Luís Gaiba, suspeito do roubo …

Rússia banida dos Jogos Olímpicos e Mundiais por quatro anos

A Rússia foi banida, esta segunda-feira, de Jogos Olímpicos e Mundiais por quatro anos, na sequência de uma decisão, tomada por unanimidade, do comité da AMA que avalia o cumprimento dos regulamentos. A Rússia foi excluída dos …

Governo chinês bane compras públicas de computadores e software estrangeiros

O Governo chinês ordenou que todos os escritórios governamentais e instituições públicas removam computadores e software estrangeiros, ao longo dos próximos três anos, depois da decisão de Washington de banir aquisição de equipamentos da Huawei. A …

Arbitragem, relvado e azar. Sérgio Conceição explica deslize com o Belenenses

Desde a arbitragem ao relvado e de o azar à falta de discernimento, Sérgio Conceição explicou o empate contra o emblema de Belém. A equipa de arbitragem foi a principal visada. O FC Porto não foi …

A nova primeira-ministra da Finlândia é a pessoa mais nova de sempre a ocupar o cargo

A ministra dos Transportes da Finlândia, de 34 anos, foi escolhida para ser a próxima primeira-ministra do país, o que fará dela a pessoa mais nova de sempre — e terceira mulher — a ocupar …