Cerveja pré-histórica já era produzida por caçadores-coletores

Little Visuals

Recipientes de pedra encontrados num sítio arqueológico em Israel eram utilizados para triturar e fermentar trigo ou cevada há cerca de 13 mil anos.

Arqueólogos da Universidade de Stanford, nos EUA, e da Universidade de Haifa, em Israel, descobriram não só que a cerveja feita a partir de cereais já era produzida antes da origem da agricultura como também era utilizada em rituais, avança o Deutsche Welle.

A equipa de investigadores descobriu três morteiros (recipiente de pedra semelhante a um almofariz) na caverna de Raqefet, em Israel, com cerca de 13 mil anos, que foram usados para triturar e fermentar trigo ou cevada, assim como para guardar alimentos.

Além disso, os cientistas concluíram que a produção de cerveja a partir de cereais já ocorria no leste do Mediterrâneo mais de cinco milénios antes do que se pensava.

Esta caverna era frequentada pelo povo natufiano, um grupo de caçadores-coletores semi-sedentários que viveram no leste do Mediterrâneo entre os períodos Paleotítico e Neolítico, depois do fim da última Era do Gelo.

Estes indivíduos recolhiam plantas, armazenavam sementes maltadas (que contêm malte) e faziam cerveja como parte de rituais para honrar os mortos, que eram enterrados em canteiros de flores perto da caverna.

“A produção de álcool e o armazenamento de alimentos estão entre as maiores inovações tecnológicas que acabaram por levar ao surgimento de civilizações em todo o mundo”, explica Li Liu, investigador da Universidade de Stanford.

Cientistas especulam que a produção de cerveja tenha sido um dos motivos que levaram ao cultivo de cereais na região sul do Levante.

Na perspetiva do cientista, os resultados indicam que a produção de álcool não era necessariamente resultado do excesso de produção agrícola, mas foi desenvolvida com propósitos ritualísticos e espirituais, em certa medida anteriores à agricultura.

O amido de trigo ou cevada provavelmente era germinado em água, drenado, amassado, aquecido e, finalmente, fermentado com levedura selvagem.

Para chegar a estas conclusões, a equipa recriou o processo do povo natufiano. O resultado foi uma bebida menos parecida com a cerveja e semelhante ao mingau, substância de consistência pastosa. A bebida também continha menos álcool do que as cervejas atuais.

O estudo, publicado no Journal of Archaeological Science: Reports, também indica que o povo natufiano explorava pelo menos sete tipos de plantas associadas aos morteiros. Além de trigo ou cevada, aveia, legumes e fibras vegetais também constavam na sua dieta.

Os autores da pesquisa acrescentam ainda que os restos de pão mais antigos do mundo foram recentemente descobertos numa escavação natufiana no leste da Jordânia. Os vestígios de pão têm entre 11.600 e 14.600 anos, enquanto que os de cerveja estão datados entre 11.700 e 13.700 anos.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas criam material de "auto-reparação" mais resistente do mundo (e é perfeito para ecrãs de telemóveis)

Investigadores do Instituto Indiano de Educação e Investigação Científica (IISER, na sigla em inglês) podem ter encontrado o material perfeito para fazer os ecrãs de smartphones: transparente, resistente e que a capacidade de se "auto-curar" …

"A bitcoin vai criar a paz mundial"

A rainha das moedas digitais, se não construir a paz no planeta, vai ajudar na pacificação entre os seres humanos. É a opinião de Jack Dorsey. É o centro de atenções de muitos investidores, é o …

"Burrolandia". Parque temático de burros no México está a tentar salvar estes animais

Um parque temático de burros no México serve de santuário a estes animais que estão aos poucos a desaparecer no país. "O burro ajudou o homem por muito tempo. É hora de retribuirmos o favor", …

Uma mão robótica que joga Super Mario Bros na Nintendo? Sim, existe

Uma equipa de investigadores da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, imprimiu em 3D peças para criar uma mão robótica capaz de jogar Super Mario Bros na Nintendo.  A mão robótica é totalmente montada com circuitos …

"Narco Drones" apanhados a entregar drogas numa prisão chilena

Reclusos e cúmplices no exterior estão a usar drones para contrabandear droga para a prisão mais antiga do Chile. As autoridades chilenas descobriram que o esquema de contrabando tinha como objetivo transportar drogas para a Ex …

Erupção do vulcão Etna causa problemas económicos na Sicília

Nos últimos meses, o vulcão Etna tem estado em constante erupção e o custo de limpeza das cinzas está a deixar muitas cidades da Sicília à beira da falência. O vulcão Etna – um dos mais …

Argentina cria documento de identidade para pessoas não binárias

O Presidente da Argentina anunciou, esta semana, que o país tem um novo documento de identidade para incluir pessoas não binárias. É o primeiro país da América Latina a fazê-lo. De acordo com o chefe de …

Costa diz que Portugal vai ter "o dobro" de fundos comunitários para investir

O primeiro-ministro afirmou, este sábado, que Portugal vai contar, nos próximos sete anos, com "o dobro" de fundos comunitários para investimento, considerando que esta "é uma oportunidade única" que não pode ser desperdiçada. "Vamos ter a …

Chinesa morre após salvar a filha de deslizamento de terra. Bebé esteve 24 horas nos escombros

Uma mulher morreu após salvar o seu bebé quando um deslizamento de terra e uma forte inundação atingiram a sua casa na China, revelam as equipas de resgate. Como noticia a BBC, a bebé foi resgatada …

Caso Ihor. IGAI pede expulsão do ex-diretor de fronteiras do SEF

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) já entregou ao ministro Eduardo Cabrita o relatório final do processo disciplinar contra o inspetor coordenador do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) António Sérgio Henriques, que propõe a …