EUA pensaram instalar centro de espionagem nas Lajes. Mas não confiaram nos portugueses

A instalação do centro da Agência Nacional de Seguranças dos EUA na ilha Terceira não avançou porque os Estados Unidos desconfiaram da capacidade das secretas portuguesas em lidar com dados confidenciais.

Os Estados Unidos equacionaram a instalação de um centro de processamento de informação da Agência Nacional de Segurança norte-americana, a NSA, na Terceira, nos Açores, durante o Governo de Pedro Passos Coelho.

No entanto, de acordo com o New York Times, a ideia não terá avançado porque, tanto a NSA, como a CIA, desconfiaram da capacidade dos serviços secretos portugueses de lidar com dados confidenciais dos EUA.

O Público revela também que o Executivo terá mesmo sido informado desta iniciativa, que partiu do congressista republicano lusodescendente com origens açorianas Devin Nunes.

A reportagem do New York Times, intitulada “Como Devin Nunes virou a Comissão dos Serviços Secretos ao contrário” revela ainda várias iniciativas que o lusodescendente, descrito como “obcecado” pelos Açores, lançou enquanto membro da Comissão de Serviços Secretos da Câmara dos Representantes, para contrariar o desinvestimento norte-americano na Base das Lajes.

De acordo com fontes oficiais em Washington, Nunes foi responsável, por exemplo, pela proposta de instalação na Terceira de uma base de drones para combater o extremismo islâmico no Norte de África. O luso-descendente tentou ainda transformar as Lajes numa base avançada para o Comando Africano do Exército Norte-Americano, que está colocado em Estugarda, na Alemanha.

Nenhuma dessas ideias foi considerada válida pelo Pentágono, mas o congressista não desistiu.

A proposta de instalação de um centro de espionagem da NSA nas Lajes, confirmou o Público junto de uma fonte do anterior Ministério dos Negócios Estrangeiros, chegou a ser falada com o Palácio das Necessidades.

“Foram apresentadas várias opções durante os contactos que mantivemos e essa foi uma delas”, disse um alto funcionário do MNE do tempo do Governo de Pedro Passos Coelho.

Ao que consta, o projeto só não avançou porque as secretas norte-americanas colocaram muitos entraves. Além de Portugal não integrar a Five Eyes – a aliança entre os serviços secretos da Austrália, Grã-Bretanha, Canadá, Nova Zelândia e Estados Unidos – as agências norte-americanas não confiaram na capacidade de Portugal em garantir a integridade de informação classificada pelos EUA.

Na altura em que a ideia de Devin Nunes foi anunciada, já as denúncias de Edward Snowden sobre o programa de vigilância global conduzido pela NSA tinham abalado a confiança daquela agência de segurança.

O gabinete do atual ministro dos Negócios Estrangeiro, Augusto Santos Silva, garante que essa hipótese nunca foi falada desde a tomada de posse deste executivo.

“No mandato deste Governo, o ministro dos Negócios Estrangeiros não discutiu com ninguém qualquer projeto de instalar um centro da NSA nas Lajes”, sublinha fonte do MNE, ressalvando que a única opção que esteve sobre a mesa foi a localização do Joint Intelligence Analysis Complex (JIAC) que, por decisão do Pentágono, será construído em Croughton, numa base da força britânica, próxima de Londres.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Não creio que fosse realmente por falta de confiança.
    Na verdade acredito que foi mais pela estúpida burocracia que Portugal pediria aos EUA e eles temeram que por causa dessa trapalhada toda acabasse por haver fuga de informação.
    O grande problema no geral não é falta de confiança nos Portugueses, mas no governo ou “sistema” em Portugal.

    • Tinham razão?!
      Então e os espiões americanos que divulgaram informação muitíssimo mais sensível de forma gratuita?!..
      Até o Snowden se riu!….

  2. Pois… já “capacidade” dos serviços secretos americanos é bem conhecida, quer dentro dos EUA quer pelo mundo fora!…

    • Eles TÊM a capacidade de lidar com a informação: guardam a que querem e divulgam a que querem…

      Obviamente, duvidam que os outros tenham os mesmos critérios… que os critérios deles sejam “duvidosos”, è um problema dos outros…

      • É um problemas dos “outros” e dos próprios americanos – como se tem verificado em inúmeros fiascos bastante comprometedores!…

RESPONDER

Inscrição hebraica com 2.800 anos revela antigo nome bíblico

Uma equipa de arqueólogos encontrou um jarro com 2.8000 anos com a inscrição em hebraico "Benayo" no sítio arqueológico de Abel Beth Maacah, no norte de Israel, local várias vezes mencionado na Bíblia Hebraica.  De …

Braga vence FC Porto e conquista Taça da Liga. Sérgio coloca lugar à disposição

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 1-0 e conquistou a Taça da Liga, com Ricardo Horta a marcar o golo decisivo aos 90+5, garantindo um troféu que os bracarenses já tinham …

Rara moeda de ouro com a cara de Eduardo VIII vendida por preço recorde

Uma rara moeda de ouro com o perfil do rei britânico Edward VIII foi vendida a um comprador particular pelo valor recorde de 1,3 milhões de dólares. A informação é avançada pela Royal British Mint, a …

Depois dos incêndios, Austrália está prestes a experimentar uma "bonança" de aranhas mortais

Depois dos incêndios florestais que assolaram o país, os australianos começaram a implorar por chuva. O bónus de aranhas mortais não estava incluído no pedido, mas os especialistas do Australian Reptile Park acreditam que é …

Governo admite retirar cidadãos nacionais de Wuhan

As autoridades portuguesas estão a cooperar com outros países europeus para reforçar o apoio aos cidadãos nacionais que se encontram em Wuhan, onde ocorreram os primeiros casos do novo coronavírus, admitindo a possibilidade de retirá-los …

Os cogumelos podem ser muito mais antigos do que pensávamos

Os cogumelos podem ser mais antigos do que pensávamos, concluíram cientistas que dataram vestígios de micélio (constituinte dos cogumelos) com 800 milhões de anos, divulgou esta quarta-feira a Universidade Livre de Bruxelas, na Bélgica. Estudos anteriores …

Comer iogurte natural pode ajudar a reduzir o risco de cancro da mama

Uma das causas mais apontadas para o cancro da mama é a inflamação causada por bactérias nocivas. Esta tese ainda não foi provada, mas é apoiada pelas evidências até agora disponíveis de que a inflamação …

Primeiro caso suspeito de infeção por coronavírus detetado em Portugal

Foi detetado o primeiro caso suspeito de infeção infeção pelo novo coronavírus , em Portugal, anunciou este sábado a Direção-Geral de Saúde. “Este doente, regressado hoje [este sábado] da China, onde esteve na cidade de Wuhan …

Slava Semeniuta transforma chuva em atmosfera néon

O artista e fotógrafo russo Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, mistura elementos naturais e faz mágica com eles. Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, retoca fotografias de poças de água para criar composições …

Empresa quer vender dispositivos que extraiem água potável do ar

A empresa israelita Watergen está a planear começar a vender uma versão para o consumidor do seu aparelho que extrai água potável do ar ainda este ano. A tecnologia do gerador atmosférico da empresa está em …