Edifício Transparente, discoteca Kasa e centenas de casas junto ao mar vão ser demolidas

Hugo Cadavez / Flickr

O Edifício Transparente, em Matosinhos, é uma das construções que a Agência do Ambiente quer demolir

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) quer demolir o Edifício Transparente, no Porto, e outros 33 edifícios na orla costeira entre Caminha e Espinho. O plano determina ainda a retirada de centenas de habitações construídas nas dunas.

O plano, revelado esta quarta-feira pelo Jornal de Notícias, prevê a demolição do Edifício Transparente, construído em frente ao mar, na Praia Internacional. O prédio, propriedade da Câmara do Porto, custou 7,5 milhões de euros e foi construído durante a Capital Europeia da Cultura, em 2001, com projeto do arquiteto catalão Solà-Morales.

Concessionado à empresa Hottrade até 2024, este é apenas uma numa lista em que figuram 34 edifícios, sobretudo de restauração, e centenas de casas de 14 núcleos habitacionais, sete dos quais de origem piscatória.

O novo Plano da Orla Costeira Caminha-Espinho limita ou proíbe a construção de habitações em frente ao mar e prevê o recuo planeado de 14 aglomerados, dos quais 12 estão em “áreas críticas” em termos de exposição a fenómenos extremos e ao risco de erosão e de inundações.

Entre as centenas de casas que a APA quer ver destruídas, estão as que foram construídas ilegalmente em cima das dunas nas praias da Amorosa, Pedra Alta (Viana do Castelo), Pedrinhas, Cedovém, Suave Mar, Ofir Sul (Esposende), Aver-o-Mar (Póvoa do Varzim), Congreira, Mindelo, Pucinho (Vila do Conde), Marreco (Matosinhos), Madalena, Valadares (Gaia) e Paranhos (Espinho).

Além do edifício Transparente, a proposta prevê a demolição de edifícios como o miradouro nas Caxinas (Vila do Conde), a Esplanada do Carvalhido (Póvoa de Varzim), o restaurante Pizza Hut Foz e a discoteca Kasa da Praia (Porto).

A proposta determina que sejam traçados planos de retirada e calculados os custos permitindo a deslocação faseada, quando os custos se tornarem excessivos ou surjam casos pontuais de oportunidade nessa localização.

Os nove municípios abrangidos deram parecer negativo ao novo plano, mas a proposta foi aprovada e avança para consulta pública na próxima semana. O plano identificou 46 áreas críticas ao longo dos 122 quilómetros de costa entre Caminha e Espinho.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Este “estudo” da APA é a coisa mais imbecil que eu já vi. Provavelmente foi feito por alguém que sem sair do gabinete, pegou no mapa, na régua, no lápis e no Google Maps e aí vai disto. Tão idiota, mas tão idiota, que enquanto sugere a demolição de equipamentos que não correm qualquer tipo de risco devido à morfologia do terreno e à geografia oceânica própria, apenas porque estão no alinhamente costeiro que estabeceram sem critério aparente, esquece outros que correm sérios riscos há anos, como é o caso das 2 torres de Ofir construídas praticamente sobre a praia. Enfim. Sinceramente, acho que o Ministro do Ambiente deveria era demolir os autores do “estudo”. Parece que não há mais onde gastar dinheiro.

  2. As Câmaras estão contra porque durante décadas receberam por fora para fecharem os olhos a isto. Se os donos das casas começam a velas cair, é só uma questão de tempo até alguém dar com a língua nos dentes a dizer quem recebia para deixar estas coisas passarem.

    Existe a lei. O que cumpre deve ficar. O que não cumpre deve ir. Metam os arquitectos e as câmaras nos tribunais se foram enganados com uma casa que ia ficar ilegal.
    Se já sabia quando fez o negócio, temos pena mas tem de assumir as responsabilidades.

  3. Não pode construir próximo a uma auto estrada a menos de 100 metros por que raio aparece imoveis recentes a Beira Mar, para uns tudo é possível, para outros nem pensar.
    Inventaram o PDM pois bem, cumpram a Lei custe a quem custar.

RESPONDER

Esta é a cidade com mais Alzheimer do mundo (e a culpa é de uma estranha mutação genética)

Na Colômbia, os habitantes da cidade de Yarumal parecem estar condenados a uma maldição que os faz esquecerem-se da sua vida, morrendo pouco tempo depois do início dos sintomas. Milhares de pessoas, pertencentes a apenas 25 …

Idosa de 93 anos recuperou de Covid-19 (e há 6 crianças em estado grave no Dona Estefânia)

Uma mulher de 93 anos que esteve internada em Lisboa, com Covid-19, recuperou da infecção ao cabo de 11 dias. Enquanto isso, há seis crianças com idades entre 4 meses e 17 anos que estão …

"Grande erro" da Europa é não usar máscaras, considera especialista chinês

George Gao, diretor dos Centros de Controlo e Proteção de Doenças da China (CDC), considera que o "grande erro" da Europa no combate à pandemia de covid-19 é o facto de as pessoas não usarem …

Obama critica Trump. "Cada um de nós deve exigir mais dos nossos líderes"

O ex-Presidente norte-americano, Barack Obama, considerou esta terça-feira que o seu sucessor, Donald Trump, ignorou os avisos sobre os riscos de uma pandemia do novo coronavírus, e recordou o mesmo comportamento quanto às alterações climáticas, …

Covid-19. Hotel cinco estrelas na Austrália vai acolher sem-abrigo

A Austrália vai levar a cabo um projeto piloto que visa retirar das ruas alguns sem-abrigo e transferi-los para hotéis de luxo, protegendo-os assim do novo coronavírus oriundo da China (Covid-19).  O projeto, Hotels With Heart, …

Red Bull equacionou infeção voluntária dos seus pilotos

Um responsável da Red Bull admitiu que propôs aos pilotos da marca austríaca, que participa no Mundial de Fórmula 1, uma estratégia de infeção voluntária de covid-19, visando ficarem imunes no início da temporada. Helmut Marko …

TAP avança com lay-off para 90% dos trabalhadores (e reduz atividade para cinco voos semanais)

Numa mensagem enviada aos seus funcionários, a TAP revelou que vai mesmo avançar com um processo de 'lay-off' para 90% dos trabalhadores e com a redução do período normal de trabalho em 20% para os …

Estado vai devolver 3 mil milhões em reembolsos do IRS

O Estado vai devolver 3 mil milhões de euros aos contribuintes em reembolsos do IRS, cuja entrega arranca esta quarta-feira e se estende até 30 de junho. A informação foi avançada pelo ministro de Estado, …

Há quatro infetados no sistema prisional. Estão todos em isolamento domiciliário

O Ministério da Justiça revelou esta terça-feira que aumentou para quatro o número de infetados com covid-19 no sistema prisional e que estão todos em isolamento domiciliário segundo indicação da saúde pública. Em comunicado, o Ministério …

Sousa Cintra diz que Rafael Leão "não ficou no Sporting porque foi apertado"

Sousa Cintra, ex-líder da SAD do Sporting no tempo da Comissão de Gestão, lamenta a rescisão do jogador Rafael Leão, considerando que "ele não continuou porque foi apertado". O jovem jogador foi, recentemente, condenado a …