Cavaco vai ser questionado sobre o que sabia antes da queda do BES (mas não tem de responder)

José Sena Goulão / Lusa

O ex-presidente da República, Aníbal Cavaco Silva.

O requerimento do PS para questionar Cavaco Silva sobre o que sabia antes do colapso do BES foi aprovado. No entanto, o ex-Presidente da República não é obrigado a responder.

Na comissão parlamentar de inquérito à resolução do Banco Espírito Santo, em 2014/2015, o pedido de audição a Cavaco Silva foi bloqueado por uma maioria formada por PSD/CDS. A justificação dada na altura era que o Parlamento não tinha competências para fiscalizar a atividade do então Presidente da República.

Esta foi uma exceção às regras, já que nesta comissão parlamentar de inquérito não pode haver oposição aos pedidos de audição e documentação dos partidos, explicou Fernando Negrão ao Observador.

Agora, seis anos depois, o requerimento do PS para questionar Cavaco Silva sobre o que sabia antes da queda do BES passou, sem chegar a ir a votos. O PSD voltou a contestar. Não relativamente ao ex-Presidente, mas quanto a Carlos Moedas, que foi chamado para uma audição presencial.

Os sociais-democratas defendem que não faz sentido voltar a chamar Moedas, visto que o político já foi ouvido da primeira vez e que não se conhecem factos novos que justifiquem a sua chamada de volta.

O PSD argumenta que se possa tratar de uma jogada política dos socialistas, visto que Carlos Moedas é o candidato social-democrata à Câmara Municipal de Lisboa para as próximas autárquicas.

Tudo acabou por avançar e o próximo passo é os partidos enviarem perguntas para o presidente da comissão de inquérito, Fernando Negrão, que consequentemente tratará de encaminhá-las para Cavaco Silva.

De acordo com o regulamento das comissões de inquérito, Cavaco Silva não será obrigado a responder.

“O Presidente da República, bem como os ex-Presidentes da República, por factos de que tiveram conhecimento durante o exercício das suas funções e por causa delas, têm a faculdade, querendo, de depor perante uma comissão parlamentar de inquérito, gozando nesse caso, se o preferirem, da prerrogativa de o fazer por escrito”, explicou Negrão, estando o foco da questão na palavra “querendo”. Tudo depende da sua vontade própria.

Quando ainda era Presidente, Cavaco Silva tinha afirmado não ter esclarecimentos adicionais a dar à comissão de inquérito ao BES.

O que os deputados querem saber, escreve Observador, é o que foi dito pelo ex-presidente do Banco Espírito Santo, Ricardo Salgado, quando se reuniu com o então Presidente numa ronda de encontros ao mais alto nível, semanas antes de o banco colapsar.

De todos os interlocutores institucionais a quem Salgado bateu à porta naqueles meses decisivos antes do colapso, Cavaco Silva foi o único que não prestou esclarecimentos sobre o conteúdo dessas reuniões. Durão Barroso, Pedro Passos Coelho e outros membros do Governo da altura, em contrapartida, foram ouvidos relativamente a este tema.

Daniel Costa Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Homem de confiança, este Cavaco! Ajudou tantos nos BES a salvar as suas poupanças, avisando os depositantes do que estava para vir. Noutra dimensão paralela. Claro. Porque nesta que vivemos, só se serviu a si e aos outros emproeirados. O maior hipócrita que algumas vez existiu neste país. Bolo Rei, cavaco. Muito bolo rei para ti!

  2. Claro que não sabia de nada, tal como no BPN dos seus amigos – por isso é que foi a correr vender as accões por um bom lucro quando o banco já estava completamente falido e depois os portugueses pagaram a conta!…

  3. Cavaco nunca deu muito cavaco…
    O homem so se preocupou com sua carreira e em chegar ao topo… fome pelo poder da nacao…
    Entender e criar e desenvolver a nacao, o pais real nunca soube e nunca vai saber… e muito teorico…
    O que vejo nestes novos politicos mais do mesmo…teoricos, sabichoes… compreender o pais real…tassar planos de desenvolvimentos…criar concensos a nivel nacional ta quieto e muito….

    A politica ta cheia de desgracados quem entram pobres e saiam ricos ou bem de vida…e assim que muitos veem a politica uma tabua de salvacao…. a educacao esta falhar e escolas e pais estao errados…e preciso pensar em dar boa educacao e nao mimar criancas para exercer trabalhos finos…porque o mundo real nao e isso…nao sao so cientista e enginheiros, tecnicos…etc…o mercados so absorvem uma pequena percentagem dos formados, resto fica por sua conta …. no mundo real a mioria das pessoas estao na base da piramide e sustentam esses tais aloados que pensam que sao donos de tudo e da razao….e preciso e ugente mais modestia, mais a terra, mais humildes….
    E urgente pedir responsabilidade a quem tem o poder…. se nao sabe mandar saia do poleiro….
    Eu sou da opiniao que nao deveriam existir primeiro ministro nem presidentes…. mas sim todos os presentantes dos partidos, um pouco como na suica…. todos sao responsaveis, todos deveriam trabalhar em conjuntos para solucoes… assim o consenso seria mais alargado e pediriamos responsabilidades a todos….
    Tenho certeza com uma pessoas no poder nao funciona porque complexidade, hoje e muita.Devemos exigir que quem la vai seja capaz de trabalhar para todos e nao para dentro dos partidos…

RESPONDER

Xanana Gusmão dorme à frente de centro de isolamento em protesto (e é filmado a esbofetear pessoas)

Xanana Gusmão quer que o corpo de um homem vítima de covid-19 seja entregue à família para que faça as cerimónias fúnebres. O comportamento do líder histórico timorense, que se encontra em protesto, está a …

SEF oficialmente extinto. Serviço de Estrangeiros e Asilo entra em funções esta quinta-feira

O processo de reestruturação do SEF foi publicado em Diário da República, esta quarta-feira, entrando em vigor no dia seguinte, ou seja, esta quinta-feira. O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) foi oficialmente extinto esta quarta-feira, …

União Europeia não vai renovar contrato com AstraZeneca e Johnson & Johnson

A União Europeia não vai renovar os contratos da vacina contra a covid-19 com empresas como Astrazeneca e Johnson & Johnson no próximo ano. A notícia da decisão de não renovação dos contratos da vacina contra …

Entre um Porto "dominante" e "ineficaz", a bicicleta de Taremi foi um "inútil golo de bandeira"

A imprensa internacional realça a boa prestação do FC Porto e o golo de bandeira de Taremi, que acabou por revelar-se insuficiente para dar continuidade às aspirações portistas. O FC Porto está fora da Liga dos …

Eventual criação do indicador "incidência vizinha" pode influenciar planos do Governo

Esta terça-feira, na reunião no Infarmed, o matemático Óscar Felgueiras defendeu a criação de um novo indicador, "incidência vizinha", que teria como vantagens sinalizar risco associado à proximidade de zonas mais críticas e evitar a …

Relatório secreto de Costa Pinto defende que Banco de Portugal podia ter feito mais no BES

O "Relatório Costa Pinto" argumenta que o Banco de Portugal tinha conhecimento dos problemas do BES e tinha poderes para fazer mais, melhor e mais cedo. O "Relatório Costa Pinto" tem vindo a ser negado ao …

Lopetegui viu Corona em Sevilha e pode avançar com proposta

Julen Lopetegui, treinador do Sevilha, está atento a Tecatito Corona. O extremo portista mostrou-se em bom plano frente ao Chelsea. O antigo treinador dos 'dragões' Julen Lopetegui, atualmente no comando técnico do Sevilha, esteve esta terça-feira …

Especialistas aconselham Governo a não avançar no desconfinamento

Manuel Carmo Gomes, o epidemiologista que deixou de participar nas reuniões no Infarmed, aconselhou o Governo a não avançar para a terceira fase de desconfinamento. E não é o único a defender a suspensão. De acordo …

Oposição quer redução de portagens. Governo responde com cortes ou aumento de impostos

O Governo disse hoje que a redução de portagens nas ex-SCUT "é legal e constitucional", defendendo que a Assembleia da República deve ajudar a encontrar a compensação para encargos de até 149 milhões de euros …

Bispo do século XVII foi enterrado com um feto. Cientistas já sabem porquê

Cientistas já sabem porque é que foi encontrado o cadáver de um feto junto dos restos mortais de um antigo bispo de Lund, na Suécia. Peder Pedersen Winstrup foi um bispo de Lund, cidade na atual …