A causa do Alzheimer pode ter sido encontrada (na nossa boca)

Elisa Paolini / Flickr

Um estudo levado a cabo por uma empresa farmacêutica norte-americana alegou ter encontrado a causa da doença de Alzheimer. O vilão seria a Porphyromonas gingivalis, uma bactéria associada a diversos tipos de periodontites – doenças inflamatórias em tecidos da cavidade bucal, como a gengivite.

As doenças periodontais afetam cerca de um terço da população mundial, e um novo medicamento que bloqueia as principais toxinas da bactéria associada a estas patologias passará por importantes testes clínicos ainda este ano.

A pesquisa, publicada esta quarta-feira na revista científica Science Advances, afirma que este novo medicamento tem o potencial para parar e até reverter o Alzheimer – incluindo ainda a possibilidade de haver uma vacina.

A doença de Alzheimer é um dos maiores mistérios da medicina. Com o aumento da esperança média de vida ao longo das últimas décadas, os casos de demência dispararam, tornando esta condição a quinta maior causa de morte em todo o mundo. Embora o Alzheimer represente cerca de 70% destes casos, a sua causa continua por definir.

A doença é frequentemente associada à acumulação das proteínas tau e beta-amiloide no cérebro. A principal teoria defende que o Alzheimer surge do controlo defeituoso destas duas proteínas. No entanto, pesquisas recentes concluíram que as pessoas podem ter placas amiloides sem se registar demência, colocando assim em xeque esta hipótese.

Várias equipas de investigação científica têm investigado a bactéria Porphyromonas gingivalis. Até o momento, os cientistas descobriram que bactéria invade e inflama as regiões do cérebro afetadas pela doença do Alzheimer.

Outros estudos concluíram também que infeções de gengiva podem piorar os sintomas em cobaias (ratos de laboratório) que foram geneticamente modificados para ter Alzheimer, e que podem causar inflamações no cérebro semelhantes ao Alzheimer, bem como danos neuronais em ratos saudáveis.

“Quando a Ciência converge de vários laboratórios independentes, é bastante convincente”, disse Casey Lynch, da empresa farmacêutica Cortexyme, sediada na cidade de São Francisco, na Califórnia.

Estudo da farmacêutica Cortexyme

A Cortexyme relatou ter encontrado enzimas tóxicas que a bactéria Porphyromonas gingivalis usa para se alimentar do tecido humano – as chamadas gingipains – em 96% das 54 amostras analisadas de cérebros com Alzheimer. A equipa também identificou a mesma bactéria em todos os três cérebros com Alzheimer cujos DNAs foram examinados.

A Porphyromonas gingivalis foi ainda encontrada no líquido da espinal medula de pessoas vivas com a patologia de Alzheimer – descoberta que pode ajudar no desenvolvimento de um método mais eficaz para diagnosticar a doença.

A Cortexyme já havia desenvolvido moléculas que bloqueiam as enzimas tóxicas gingipains. Testadas em ratos, estas moléculas reduziram as suas infeções, interromperam a produção da proteína amiloide, diminuíram a inflamação cerebral e até recuperaram neurónios que tinham sido danificados.

O antibiótico que mata a bactéria Porphyromonas gingivalis fez a mesma coisa, mas com menos eficácia, e as bactérias rapidamente desenvolveram resistência – o que não ocorreu com os bloqueadores das enzimas tóxicas.

Em outubro, a farmacêutica norte-americana revelou que o melhor dos seus bloqueadores passou nos testes iniciais de segurança em pessoas. Ainda durante este ano, a empresa pretende lançar um teste mais amplo do medicamento.

Por sua vez, uma equipa de cientistas em Melbourne, na Austrália, tem trabalhado no desenvolvimento de uma vacina contra a Porphyromonas gingivalis, tendo os testes clínicos sido iniciados em 2018. Uma vacina contra a periodontite seria um grande avanço da medicina – e, se a vacina também conseguir ajudar a deter o Alzheimer, o impacto poderá ser enorme.

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Titulo:
    “A causa do Alzheimer pode ser sido encontrada (na nossa boca)”
    Correção:
    ” A causa do Alzheimer pode ter sido encontrada (na nossa boca)”

  2. tal como muitas outras, diabetes, etc isto são doenças autoimunes….e o resto são tretas.

    aliás há já médicos a chamarem a esta a que a notícia faz referência, a diabetes 3.

RESPONDER

Magia termodinâmica. Dispositivo promete transformar água a ferver em gelo sem consumir energia

Físicos da Universidade de Zurique, na Suíça, desenvolveram um dispositivo incrivelmente simples que permite que o calor flua temporariamente de um objeto frio para outro objeto quente sem precisar de uma fonte de alimentação externa. Para …

Papagaio cúmplice de criminosos detido pelas autoridades brasileiras

No Brasil, um papagaio cúmplice de traficantes de droga foi preso pelas autoridades. O animal avisava o casal de criminosos da chegada da polícia. Na favela da cidade de Teresina, no Brasil, o papagaio dizia "a …

Há duas portuguesas desaparecidas e sete mortos após naufrágio em São Tomé e Príncipe

O número de mortos causados pelo naufrágio de um navio perto da ilha são-tomense do Príncipe subiu para sete, existindo ainda 10 desaparecidos, disse fonte do governo regional. “Mais um corpo sem vida, de uma criança, …

Casal está em risco de pena de morte por construir uma casa no mar

Um americano e a sua namorada tailandesa podem terminar os seus dias na prisão ou até serem condenados à morte. As autoridades da Tailândia acusam o casal de ter construído uma casa em águas do país …

Muitas pessoas não se conseguem localizar num mapa

Quando o mau tempo ameaça, os meteorologistas usam mapas para mostrar onde estão localizadas as tempestades e para onde vão. Mas é importante que as pessoas saibam se estão no caminho destas catástrofes. Uma percentagem substancial …

Milícia planeava assassinar Barack Obama e Hillary Clinton

O líder de uma milícia norte-americana que capturava imigrantes sem documentos na fronteira com o México, Larry Hopkins, foi detido no sábado e confessou ao FBI que o grupo planeava matar Barack Obama, Hillary Clinton …

Urina ajuda arqueólogos a acompanhar a ascensão da agricultura

Estudar os vestígios de urina de ovelhas e cabras está a fornecer aos arqueólogos um vislumbre da domesticação de animais numa aldeia turca há 10.000 anos. Uma das transições mais marcantes da História foi quando o …

Inscrição antiga revela o que aconteceu à cidade prestes a tornar-se a capital da Assíria

Cientistas decifraram um texto do Rei Sargão II da Assíria, que governou entre 722 e 705 a.C. A inscrição, mal conservada, relata a conquista da cidade de Carquemis, descobrindo os planos para transformá-la na nova …

Uma das praias mais famosas do Hawai está prestes a ficar submersa

Os legisladores estão a tomar medidas para enfrentar os efeitos da mudança climática antes que seja tarde demais numa nova tentativa de reconstruir a famosa praia de Waikiki para proteger os moradores de futuras inundações. O …

Afinal, a chita não é o animal mais rápido do mundo

A classificação dos animais mais rápidos do planeta não tem, na maioria das vezes, em conta a proporção do seu tamanho e da sua velocidade máxima. Esta classificação, que utiliza como medida a quantidade de segundos …