Casal separado após sobreviver a Auschwitz reencontra-se 72 anos depois em Nova Iorque

jechstra / Flickr

Entrada do antigo campo de concentração de Auschwitz, na Polónia.

Em 1944, David Wisnia e Helen “Zippi” Spitzer eram dois prisioneiros judeus e secretamente namorados que, miraculosamente, conseguiram sobreviver ao campo de concentração nazi Auschwitz, na Polónia.

Porém, no final da guerra, foram separados depois de Wisnia ter sido transferido para o campo de concentração de Dachau. Os dois perderam-se um do outro e não tinham como entrar em contacto.

O único plano era voltarem a reunir-se num centro comunitário em Varsóvia, quando o conflito terminasse. No entanto, esse encontro nunca aconteceu e as suas vidas levaram-nos em direções completamente diferentes.

De acordo com o jornal norte-americano The New York Times, o encontro há muito esperado do casal sobrevivente aconteceu em agosto de 2016 no apartamento de Spitzer na cidade de Nova Iorque, nos Estados Unido. Foi a primeira vez que os dois se viram desde que foram presos em Auschwitz décadas antes.

Spitzer, que usava o apelido do falecido marido, Tichauer, contou que esperou por ele no lugar combinado em Varsóvia. Mas Wisnia nunca apareceu.

Os dois conheceram-se em Auschwitz em 1943. Os prisioneiros eram separados por género portanto, apenas aqueles que tinham privilégios especiais podiam circular livremente pelo campo, como Wisnia e Tichauer. As habilidades de canto de Wisnia levaram-no de remover corpos de prisioneiros suicidas para se tornar o artista dos guardas nazis e recebeu um trabalho no escritório para desinfetar as roupas dos prisioneiros.

Depois de trabalhar no campo como trabalhadora e a sofrer de tifo, malária e diarreia, as habilidades de design de Tichauer, combinadas com a sua capacidade de falar alemão, fizeram com que tivesse um trabalho privilegiado como designer gráfica do campo. As suas tarefass incluíam a marcação de uniformes de prisioneiras e o registo de novas chegadas de mulheres.

Após a primeira reunião do casal, Tichauer dava comida aos prisioneiros para que pudessem continuar a encontrar-se em segurança e em segredo. Encontravam-se num pequeno espaço entre as roupas dos prisioneiros cerca de uma vez por mês, enquanto outros ficavam de vigia durante 30 minutos a uma hora cada vez que se encontravam.

“Eu não sabia o quê, quando, onde”, disse Wisnia, agora com 93 anos, ao mesmo jornal. “Ela ensinou-me tudo”. Na reunião, Wisnia descobriu o quanto Tichauer usou a sua influência para mantê-lo vivo.

“Eu salvei-te cinco vezes de remessas más”, disse. Tichauer também usou o seu trabalho no escritório para ajudar a resistência contra os nazis, manipulando a papelada para transferir os presos para diferentes empregos e quartéis e esgueirando relatórios oficiais do acampamento para vários grupos de combatentes.

O tempo dos amantes chegou ao fim quando se espalhou a notícia de que os russos estavam a aproximar-se. Ambos conseguiram escapar durante a transferência de prisioneiros entre os campos e casaram-se com outras pessoas. De acordo com o All That’s Interesting, Wisnia estabeleceu-se com sua família em Levittown, na Pensilvânia, enquanto Tichauer acabou em Nova Iorque com o marido.

Finalmente, depois de uma tentativa fracassada, viram-se novamente em 2016. Antes de deixar o apartamento, Tichauer pediu que cantasse para ela, como fez em Auschwitz. Wisnia pegou a mão dela e cantou uma música especial para os dois: uma música húngara que Tichauer lhe tinha ensinado no campo.

Tichauer faleceu, com 100 anos, em 2018.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

United faz nova proposta por Bruno Fernandes. Saída pode ficar fechada esta quarta-feira

Sporting e Manchester United retomaram as negociações por Bruno Fernandes esta semana, podendo a saída do médio dos leões ser confirmada ainda esta quarta-feira, segundo escreve o desportivo A Bola. De acordo com o jornal, …

Portugal tem de ser "implacável" no combate à corrupção, diz Santos Silva

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, assegurou na terça-feira que o Governo vai continuar a aprofundar a cooperação com Angola, a respeitar a independência judicial e "não ser precipitado a tirar conclusões", após as …

Ministério das Finanças já admite “documento de trabalho” sobre injeção no Novo Banco

Depois de negar ter recebido uma proposta do Banco de Portugal (BdP) com a hipótese de uma injeção final de 1,4 mil milhões no Novo Banco, o Ministério das Finanças, liderado por Mário Centeno, já …

Lobo d'Ávila: "No dia em que quisermos ser um Chega II não seremos o CDS"

O candidato à liderança do CDS Filipe Lobo d’Ávila acha que o partido “não deve cair na tentação” nem cometer o “erro tremendo” de tornar-se num “Chega II”, porque há “um mundo de diferenças” entre …

Em busca da câmara oculta. Cientistas querem voltar a "bombardear" a Grande Pirâmide de Gizé com raios cósmicos

Uma equipa de cientistas quer "bombardear" a Grande Pirâmide de Gizé, no Egito, com raios cósmicos para confirmar a existência de uma câmara interna, detetada numa outra investigação anterior. A informação é avançada pelo portal …

Primo de Sócrates garante que o dinheiro que tinha nas contas era seu

José Paulo Pinto de Sousa, primo de José Sócrates e arguido na Operação Marquês, afirmou ao juiz que era dono do dinheiro que o Ministério Público diz pertencer ao antigo primeiro-ministro, segundo fonte ligada ao …

Telemóvel de Jeff Bezos terá sido hackeado por príncipe herdeiro saudita

O telemóvel do dono da Amazon Jeff Bezos terá sido hackeado pelo príncipe da coroa saudita Mohammed bin Salman em maio de 2018, revela uma investigação do The Guardian. O multimilionário norte-americano Jeff Bezos, CEO da …

"Muu". O mugido de uma vaca pode revelar como se sente

https://vimeo.com/386240607 Ao ouvido humano, os mugidos parecem indistintos. No entanto, um estudo recente revelou que cada vaca tem a sua própria voz - e esta persiste em inúmeras situações. De acordo com um estudo recente, levado a …

Aeroporto do Montijo avança com luz verde da Agência Portuguesa do Ambiente

O projeto do novo aeroporto no Montijo, na margem sul do Tejo, recebeu esta terça-feira uma decisão favorável condicionada em sede de Declaração de Impacte Ambiental (DIA), anunciou a Agência Portuguesa do Ambiente (APA). Em comunicado, …

Vírus da China faz nona vítima mortal. Já há casos em Macau e nos Estados Unidos

O número de mortes causadas por um novo tipo de pneumonia na China subiu esta quarta-feira para nove, com a morte de mais três pacientes, enquanto o número total de infetados é já superior a …