Cartão escolar vai substituir passe para alunos do primeiro ciclo de Lisboa

Em Lisboa, as crianças do primeiro ciclo vão poder usar o cartão escolar para andar gratuitamente na Carris e no Metro. A medida deve entrar em vigor no próximo ano letivo, em setembro.

Os alunos do primeiro ciclo de Lisboa vão poder usar o cartão da escola, em vez do passe, para andar nos transportes públicos da cidade, a partir do próximo ano letivo.

Irá avançar um projeto-piloto, a partir da Páscoa, em dois agrupamentos da cidade que ainda não estão escolhidos. No entanto, a Câmara pretende que, em setembro, “seja universal nas escolas básicas a existência de um cartão escolar que permite não só identificar o aluno na escola, mas aceder aos transportes públicos de Lisboa”.

Em declarações à agência Lusa, Ricardo Robles, vereador da Educação e dos Direitos Sociais, adianta que em setembro de 2019 “queremos alargar aos ciclos seguintes“.

Atualmente, os passes para a rodoviárias Carris e Metropolitano já são gratuitos para crianças até 12 anos, mediante pagamento de sete euros, mas Ricardo Robles admite que o cartão possa chegar a alunos mais velhos.

“Ainda não estabelecemos até onde será, mas o objetivo é ser uma coisa progressiva. É um faseamento no tempo que ainda não temos definido, e portanto vamos articular também com o vereador da mobilidade”, acrescentou. Uma vez na posse dos cartões, os cerca de 15 mil alunos do primeiro ciclo de Lisboa poderão usar este sistema na Carris e no metro.

Esta medida faz com que os pais deixem de ter de pedir o passe para as crianças, pelo que os mais novos, “desde que estejam na escola, passam a ter o cartão” para os transportes públicos automaticamente.

“Esta é uma ideia que parece muito simples, e é simples, mas que cria um instrumento importante para as escolas”, refere o autarca, adiantando que este mecanismo irá criar uma dinâmica diferente de atividades fora da escola, facilitando a mobilidade.

Esta medida insere-se numa política de tentar atenuar o impacto dos movimentos pendulares para as escolas, cujo pico se observa ao início da manhã e ao fim da tarde, em zonas específicas da cidade.

Além disso, este cartão permitirá o acesso gratuito aos equipamentos da EGEAC, como museus ou teatros, uma medida que o vereador da Educação espera que “potencie muito as atividades nas escolas”.

Questionado sobre o investimento necessário para aplicar a medida, o bloquista apontou que “está a ser calculado pelo vereador da Mobilidade, mas para já é só a execução física do próprio cartão, e portanto o valor de investimento é muito reduzido”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Vem aí chuva de poeiras vindas do Norte de África

Este fim de semana, o sul de Portugal pode enfrentar uma chuva carregada de poeiras vindas do Norte de África. O IPMA explica que se trata apenas de uma deposição. Uma chuva de poeiras pode atingir …

Marcelo deverá vetar mudança de género aos 16 anos

O Presidente da República deverá vetar a lei que permite a mudança de género no registo civil aos 16 anos, por questionar não ser necessário um relatório médico. Marcelo Rebelo de Sousa deverá vetar a lei …

Nacionalidade automática para filhos de imigrantes há 2 anos em Portugal

Os filhos de imigrantes que vivam em Portugal há dois anos vão ser considerados portugueses originários, a não ser que declarem que não querem ser portugueses. Esta alteração vai "inverter a atual regra" e irá encurtar …

Eleições de 2019 com plano europeu para travar perturbações nas redes sociais

Em 2019, o objetivo central dos técnicos da "sala de situação" é proteger as infraestruturas de apoio ao processo eleitoral, nas europeias e as legislativas, ainda sem data marcada. O cenário internacional tem sido marcado pela …

PSD dá a Costa espaço para reformar o SNS sem o Bloco

O ministro-sombra da saúde de Rui Rio, Luís Filipe Pereira, está a preparar um documento estratégico sobre o SNS. O PSD pretende, assim, ir a jogo na discussão sobre o futuro do Serviço Nacional de Saúde. A …

O Benfica criou um plano para mandar no futebol português

Emails revelados pelo blogue do "Mercado de Benfica" mostram que os quadros do clube debateram entre si uma estratégia a cinco anos para influenciar e dominar as "diferentes áreas do poder da indústria" do futebol português, …

Governo admite baixar portagens para SUVS e crossovers

O ministro Pedro Marques admite passar carros SUV e crossover de classe 2 para 1 nas portagens, afirmando que a atual classe 2 "pode ser um bloqueio a viaturas mais eficientes". O ministro do Planeamento, Pedro …

Portugal continua no caixote do lixo da Moody’s

A Moody's não se pronunciou sobre a notação de crédito de Portugal. Nos próximos seis meses, continuará a ser a única agência a manter o país abaixo do "grau de investimento". A agência de notação financeira …

Consultor Constantino Sakellarides demite-se em divergência com ministro da Saúde

O consultor do ministro da Saúde, Constantino Sakellraideser, entregou, na quinta-feira, uma carta de demissão a Adalberto Campos Fernandes devido a divergências de pensamento. Constantino Sakellarides, o consultor do ministro da Saúde que, há dois anos, …

Kim Jong-un anuncia suspensão de testes nucleares e balísticos

O regime norte-coreano anunciou a suspensão dos testes nucleares a partir de sábado e o desmantelamento da base de Punggye-ri. Este gesto foi bem recebido pelos EUA e aliados, embora não dê indicação de que …