Carros sem condutor da Google tiveram 11 acidentes em 6 anos de testes

Googleblog

-

Os veículos sem condutor humano da Google estiveram envolvidos em 11 acidentes em seis anos de testes na Califórnia, garantiu a empresa norte-americana que sublinha os dados como uma prova de segurança dos seus carros.

“Se estiveres muito tempo na estrada acontecem acidentes, tanto num veículo convencional como naqueles que são conduzidos automaticamente. Em seis anos de testes, tivemos 11 acidentes menores em mais de 2,7 milhões de quilómetros percorridos“, disse na segunda-feira Chris Urmson, diretor do programa da Google.

Chris Urmson vincou o facto dos acidentes terem sido todos de “menor consequência” e garantiu que todos eles se ficaram a dever a manobras de condutores que seguiam nos seus próprios veículos e não dos carros da Google.

“Em nenhum dos casos o acidente foi provocado pelo automóvel sem condutor”, disse.

O projeto de carros sem condutor da Google foi iniciado em 2009 e projetado para o longo prazo e desde então cerca de duas dezenas de Lexus RX450h equipados com sensores já percorreram e guardaram imagens tridimensionais de 2,7 milhões de quilómetros, fundamentalmente em autoestradas e estradas nacionais.

Desde há dois anos que os carros da Google circulam também nas ruas de Mountain View, Califórnia, onde o gigante tecnológico tem a sua sede.

No entanto, para ser homologado e aceite pela indústria, o projeto da Google terá de encontrar um encaixe legal na legislação sobre circulação porque em caso algum os atuais diplomas consagram a possibilidade de veículos circularem sem condutor.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Suspeitos da morte de jovem cabo-verdiano ficam em prisão preventiva

Os cinco suspeitos da morte do estudante cabo-verdiano vão aguardar julgamento em prisão preventiva, indiciados pelos crimes de homicídio qualificado e três tentativas de homicídio. A decisão, lida aos jornalistas cerca das 23h30 de sexta-feira por …

Cientistas descobriram o ponto fraco dos tardígrados

Os tardígrados, também chamados ursos de água, são conhecidos pela sua resistência. Mas um novo estudo revela agora que estes pequenos organismos também têm um ponto fraco: exposição de longo prazo a altas temperaturas. Em 2018, …

Detetadas "partículas fantasmagóricas" que o Modelo Padrão não pode explicar

O observatório IceCube, localizado no Pólo Sul, revelou que a Antena Antena Antártida de Impulso Transitivo (ANITA) detetou alguns "sinais muito estranhos" que "não pode ser explicados" pelo Modelo Padrão da Física. O projeto ANITA, …

Descoberto primeiro asteróide que se move apenas dentro da órbita de Vénus

Uma rede de telescópios robóticos operados à distância observou um asteróide que, além de ser o asteróide mais próximo do Sol, é também o primeiro asteróide descoberto que se move completamente dentro da órbita de …

Mark Zuckerberg tem medo do TikTok (e já se sabe porquê)

Mark Zuckerberg já deixou claro, mais do que uma vez, que não gosta do TikTok. No entanto, agora sabemos o que está por trás desta hostilidade pelo rival: a aplicação está a crescer muito, mesmo …

A empresa mãe da Google já vale um bilião de dólares

Esta quinta-feira, a Alphabet, empresa mãe da Google, conseguiu uma cotação na bolsa de 1 bilião de dólares, cerca de 900 mil milhões de euros. A Alphabet tornou-se, esta quinta-feira, a quarta empresa norte-americana a conseguir …

Cientistas criam "cimento vivo" capaz de se "curar"

Uma equipa de cientistas dos Estados Unidos criou um "cimento vivo" juntando areia e bactérias num material de construção capaz de se auto-reproduzir, de absorver dióxido de carbono e manter a resistência. "Já usamos materiais biológicos …

Sporting 0-2 Benfica | Águia vence dérbi e foge na frente

O Benfica foi o grande vencedor do dérbi lisboeta. Na visita ao Sporting, os “encarnados” marcaram dois golos sem resposta, ambos na segunda parte, por Rafa Silva, entrado no decorrer da segunda parte, após ter …

Um em cada seis homens é vítima de abuso sexual antes dos 18 anos

Um em cada seis homens é vítima de abuso sexual antes dos 18 anos e podem levam décadas até pedir ajuda, por nem sempre aceitarem e entenderem que sofreram violência sexual. Na maior parte dos …

"Messiah", da Netflix, reacende controvérsia sobre os limites da liberdade de expressão

A série Messiah, disponível na plataforma de streaming Netflix, acende a controvérsia em torno dos limites da liberdade de expressão e da criatividade no mundo das artes e do entretenimento. Messiah, uma série produzida por Michael …