Carros partilhados vão ser um poço de doenças

Se até aqui o carro sempre foi o segundo bem mais dispendioso adquirido pelo homem, depois da casa, muito em breve esta aquisição está condenada a diminuir drasticamente.

O estacionamento vai tornar-se mais caro e as taxas de circulação também, para evitar o excesso de trânsito, o que vai desincentivar o uso do automóvel particular no dia-a-dia. As deslocações para o trabalho passam a ser realizadas de transporte público, ou a bordo de veículos operados em ride-sharing, car-sharing, com as famílias a recorrerem ao aluguer à hora ou ao dia, para os programas de férias ou fins-de-semana.

Todos os construtores estão a preparar-se para esta realidade, escreve o Observador. Em vez de vender carros a particulares, vão vendê-los a empresas para prestar serviços. É na rotatividade de utilizadores destes veículos que reside o problema de saúde.

A empresa americana CarRentals realizou um estudo, em que auscultou a opinião de mil condutores, tentando determinar com que periodicidade limpam os seus veículos por dentro. 32% confessou que realiza a operação apenas uma vez por ano e 12% declararam que nunca o limpam.

O estudo chama a atenção que há potencialmente cerca de 700 tipos de bactérias no interior de um veículo, a maioria proveniente de restos de comida que se deixa cair, ou que se traz para o interior agarrado aos sapatos, que depois de umas horas ao sol em ambiente fechado evoluem para germes infeciosos.

A CarRentals recorda que há cerca de seis vezes mais bactérias num volante (629 colónias de germes por centímetro quadrado) do que num ecrã de telemóvel (apenas 100). Dentro do veículo, além do volante, os porta-copos são também uma fonte de problemas (506), tal como os cintos de segurança (400) e os fechos das portas (250).

É recomendável que se limpe e desinfete o interior dos automóveis, o que é pouco provável que aconteça nos veículos utilizados nos automóveis partilhados, especialmente se forem autónomos – sem condutor. Aponta o estudo para um incremento de 33% no número de bactérias nestes carros em que o número de mãos que passam pelo seu interior é muito superior, quando comparado com um veículo particular para uso próprio.

As empresas de aluguer tradicionais afirmam que desinfetam os veículos entre alugueres, o que é impossível de efetuar nos ride-sharing e car-sharing.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Ainda vai haver quem engravide, apanhe chatos ou esquentamentos por partilhar carro, como relatado no Diário de Maria sobre a utilização de casas de banho públicas…

RESPONDER

Joacine Katar Moreira não vai renunciar ao cargo de deputada

O IX Congresso para eleger os novos órgãos do Livre começa, este sábado, em Lisboa. A única deputada do partido na Assembleia da República já disse que não vai renunciar ao cargo. À chegada ao IX …

Cabeceamentos no futebol podem ser proibidos ou limitados. O problema é o risco de demência

A Federação escocesa de futebol prepara-se para proibir os cabeceamentos nos escalões com menores de 12 anos.  Em Inglaterra, fala-se em limitar este gesto futebolístico que foi associado a doenças neuro-degenerativas em vários estudos científicos. …

Fenómeno cerebral desvenda enigma sobre as casas do Neolítico

O comportamento humano está influenciado por aspetos inconscientes. Um deles é um fenómeno da perceção conhecido entre psicólogos como a negligência espacial cerebral. Este fenómeno refere-se à observação de que as pessoas saudáveis preferem o seu …

Justiça do Mónaco investiga José Eduardo dos Santos e Isabel dos Santos

As autoridades do Mónaco estarão a investigar a empresária angolana, assim como o seu pai e o seu marido, pelo crime de branqueamento de capitais. De acordo com o semanário Expresso, as autoridades judiciais do Mónaco …

Depressão Glória atinge Portugal continental com vento forte

A depressão Glória está a caminho. Segundo o Instituto Português do Mar e Atmosfera, no domingo, esperam-se rajadas de vento que podem atingir os 110 quilómetros por hora nas terras altas. A depressão Glória vai passar …

Governo não renova PPP do Hospital de Loures

O Estado não vai renovar a atual parceria público-privada (PPP) do Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, que é gerido pelo grupo Luz Saúde, anunciou a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo …

Cientistas podem ter descoberto por que Beethoven ficou surdo

Ludwig van Beethoven começou a notar dificuldades de audição em 1798, com 28 anos. Com 44 ou 45, estava totalmente surdo. Aos 56 anos, o músico morreu e, até hoje, ainda não se sabe …

Tochas em Alvalade. Liga pede reunião de urgência ao MAI

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) solicitou, esta sexta-feira, uma reunião de urgência ao ministro da Administração Interna, na sequência dos incidentes no encontro entre Sporting e Benfica. "A Liga Portugal lamenta profundamente …

Moody’s mantém rating de Portugal acima do "lixo"

A agência de rating norte-americana manteve, esta sexta-feira, a notação financeira de Portugal em “Baa3”, acima de lixo, e a perspetiva em positiva. De acordo com um comunicado no site da agência, a Moody's assinala que …

Suspeitos da morte de jovem cabo-verdiano ficam em prisão preventiva

Os cinco suspeitos da morte do estudante cabo-verdiano vão aguardar julgamento em prisão preventiva, indiciados pelos crimes de homicídio qualificado e três tentativas de homicídio. A decisão, lida aos jornalistas cerca das 23h30 de sexta-feira por …