Carros partilhados vão ser um poço de doenças

Se até aqui o carro sempre foi o segundo bem mais dispendioso adquirido pelo homem, depois da casa, muito em breve esta aquisição está condenada a diminuir drasticamente.

O estacionamento vai tornar-se mais caro e as taxas de circulação também, para evitar o excesso de trânsito, o que vai desincentivar o uso do automóvel particular no dia-a-dia. As deslocações para o trabalho passam a ser realizadas de transporte público, ou a bordo de veículos operados em ride-sharing, car-sharing, com as famílias a recorrerem ao aluguer à hora ou ao dia, para os programas de férias ou fins-de-semana.

Todos os construtores estão a preparar-se para esta realidade, escreve o Observador. Em vez de vender carros a particulares, vão vendê-los a empresas para prestar serviços. É na rotatividade de utilizadores destes veículos que reside o problema de saúde.

A empresa americana CarRentals realizou um estudo, em que auscultou a opinião de mil condutores, tentando determinar com que periodicidade limpam os seus veículos por dentro. 32% confessou que realiza a operação apenas uma vez por ano e 12% declararam que nunca o limpam.

O estudo chama a atenção que há potencialmente cerca de 700 tipos de bactérias no interior de um veículo, a maioria proveniente de restos de comida que se deixa cair, ou que se traz para o interior agarrado aos sapatos, que depois de umas horas ao sol em ambiente fechado evoluem para germes infeciosos.

A CarRentals recorda que há cerca de seis vezes mais bactérias num volante (629 colónias de germes por centímetro quadrado) do que num ecrã de telemóvel (apenas 100). Dentro do veículo, além do volante, os porta-copos são também uma fonte de problemas (506), tal como os cintos de segurança (400) e os fechos das portas (250).

É recomendável que se limpe e desinfete o interior dos automóveis, o que é pouco provável que aconteça nos veículos utilizados nos automóveis partilhados, especialmente se forem autónomos – sem condutor. Aponta o estudo para um incremento de 33% no número de bactérias nestes carros em que o número de mãos que passam pelo seu interior é muito superior, quando comparado com um veículo particular para uso próprio.

As empresas de aluguer tradicionais afirmam que desinfetam os veículos entre alugueres, o que é impossível de efetuar nos ride-sharing e car-sharing.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Ainda vai haver quem engravide, apanhe chatos ou esquentamentos por partilhar carro, como relatado no Diário de Maria sobre a utilização de casas de banho públicas…

RESPONDER

Portugal tem há cinco dias os mesmos 43 recuperados. DGS e especialistas explicam porquê

Portugal regista, desde o passado dia 27 de abril, os mesmos 43 recuperados da Covid-19, segundo os boletins epidemiológicos diários da Direção-Geral da Saúde. Questionado pela agência Lusa sobre a estagnação no número de altas hospitalares …

Morreu o coronel Andrade de Moura, um dos capitães de Abril

A Câmara Municipal de Estremoz, no distrito de Évora, prestou esta terça-feira homenagem ao coronel Andrade de Moura, um dos capitães de Abril de 1974, que morreu no passado dia 23 de março aos 86 …

À boleia da pandemia, Parlamento da Hungria reforça poderes de Viktor Orbán

O Parlamento húngaro aprovou, esta segunda-feira, uma série de medidas para fazer face à pandemia de covid-19, entre as quais um projeto de lei que permite o estado de emergência por tempo indeterminado. De acordo com …

Portugal deverá perder dois milhões de habitantes até 2080

A população residente em Portugal poderá baixar dos atuais 10,3 milhões de habitantes para 8,2 milhões em 2080, de acordo com projeções do Instituto Nacional de Estatística (INE) esta terça-feira divulgadas. Os mesmos dados indicam, porém, …

Ministro da Economia admite nacionalizar empresas em caso de necessidade para combater surto

O ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, admitiu esta terça-feira a possibilidade do Estado vir a nacionalizar empresas, caso seja necessário para combater as consequências económicas do surto de Covid-19. "O Estado tem ferramentas …

Coutinho quer voltar à Premier League (e já há cinco clubes na corrida)

Philippe Coutinho está interessado em regressar à Premier League, havendo já cinco clube ingleses na corrida pelo internacional brasileiro. Manchester United, Arsenal, Chelsea, Tottenham e Leicester são os clubes interessados em levar Coutinho de volta …

China criou um sistema para rastrear doenças infecciosas. Falhou (e já se sabe porquê)

Em 2002, o vírus SARS saiu da província chinesa de Cantão e propagou-se por 37 países, provocando 774 mortos e mais de oito mil infetados. Para que não voltasse a acontecer, o país criou um …

Ministro holandês faz mea culpa. "Não fomos suficientemente empáticos" com o sul da Europa

O ministro das Finanças holandês reconheceu que foi infeliz nas posições que assumiu sobre a resposta económica à pandemia de covid-19, assumindo que mostrou pouca “empatia” com os países do sul da Europa. Em declarações à …

Estados Unidos admitem possibilidade de novo surto no outono

O diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos disse haver a possibilidade de o país enfrentar um novo surto depois do verão, mas lembrou que nessa altura "várias coisas vão …

Mortes em Portugal estão a aumentar desde o início do mês (sem contar com a Covid-19)

Já morreram mais pessoas em Portugal, neste ano, do que em igual período do ano passado, com especial destaque para o  mês de Março, onde a taxa de mortalidade aumentou, mesmo sem contar com as vítimas de …