Carraças de 99 milhões de anos sugaram o sangue de dinossauros

(dv) E. Peñalver

Desde sempre que as carraças são uma praga. E neste caso, “desde sempre” refere-se há pelo menos 99 milhões de anos. Os parasitas são verdadeiros mestres da sobrevivência, e já sugavam o sangue de dinossauros na época.

Esta informação veio da descoberta de vários fósseis preservados em âmbar e encontrados em Mianmar. Uma das amostras é de uma carraça agarrada à pena de um dinossauro voador, e é a prova mais antiga do que esses parasitas comiam.

A descoberta foi descrita como um “sonho paleontológico”, por Ricardo Pérez de la Fuente, um paleontólogo que trabalha no Museu da História Natural da Universidade de Oxford, no Reino Unido. Ricardo ajudou a liderar o trabalho sobre as carraças que foi publicado na revista Nature.

As amostras de âmbar são formadas por resina de árvore que preservam perfeitamente o que nelas ficar preso, normalmente animais. Neste caso, a descoberta foi descrita como um sonho por conter não só o parasita, mas também pistas do seu alimento.

A pena pertenceu a uma ave do grupo Theropoda, que teve mais tarde como descendentes as aves modernas. Outra amostra contém duas carraças juntos e pelos que pertencem a uma larva de besouro que vivia em ninhos de dinossauros.

Hoje, essas larvas de besouros são encontradas em ninho de aves e mamíferos, e alimentam-se de pele morta e penas. Os pelos são parte do sistema de defesa, e neste caso provavelmente fez com que as duas carraças acabassem presas quando visitavam o ninho de um dinossauro com penas.

Hoje as carraças continuam a alimentar-se de sangue de pássaros, pelo que a descoberta mostra que esta relação entre as duas espécies é muito antiga.

Uma das amostras contém uma carraça cheia de sangue de dinossauro, e um cientista dos Estados Unidos, Scott Anderson, anunciou num encontro de paleontologia que pretendia testar o fóssil para tentar recuperar o ADN do dinossauro. Isso não foi possível, mas pelo menos passou a integrar a equipa de investigadores ingleses.

A carraça foi batizado Deinocroton draculi, ou “terrível carraça de Drácula“.

ZAP // HypScience / Science

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas criam tinta ultra-branca que ajuda a arrefecer as superfícies

Cientistas criaram uma nova tinta ultra-branca que pode refletir 95,5% da luz solar que chega à sua superfície. De acordo com o site IFLScience, esta propriedade permite que algo revestido com esta tinta ultra-branca, como, por …

Morreu Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos

O empresário Sindika Dokolo faleceu, nesta quinta-feira, no Dubai, aos 48 anos de idade, durante a prática de mergulho. A morte do empresário de origem congolesa já foi confirmada à Lusa por uma fonte ligada à …

Lagostins autoclonados invadiram (e conquistaram) um cemitério na Bélgica

Um cemitério na Bélgica foi completamente invadido por lagostins marmoreado. De acordo com o Instituto Flamengo para Pesquisa da Natureza e da Floresta (INBO), a espécie representa uma grande ameaça para a biodiversidade local. Segundo o …

Benfica 3-0 Standard Liège | “Águia” voa de forma imperial

A noite foi de festa no Estádio da Luz para os cerca de 4875 espectadores – 7,5% por cento da lotação – que se deslocaram ao reduto dos “encarnados” esta quinta-feira. O Benfica venceu por 3-0 …

Urnas abertas no Minecraft. Servem para ensinar os jovens a votar nas eleições

A organização não partidária e sem fins lucrativos Rock the Vote e a empresa criativa Sid Lee uniram-se para criar um servidor de "casa de votação" no popular jogo Minecraft antes das eleições presidenciais de …

Zorya Luhansk 0-2 Braga | “Nota artística” em triunfo minhoto

Dois jogos, duas vitórias para o Sporting de Braga no Grupo G da Liga Europa. Uma entrada de rompante em jogo, com dois golos espectaculares nos primeiros 11 minutos, permitiram aos “arsenalistas” controlar e lidar …

Amostra de ADN desvenda homicídio cometido há quatro décadas

Uma amostra de ADN, colhida de um norte-americano da Carolina do Sul após este ser detido por apontar uma arma, permitiu às autoridades desvendar um caso antigo, identificando-o como principal suspeito do homicídio de uma …

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …

Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente …

Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo …