“Cápsulas do tempo”. A Lua pode esconder antigos pedaços de Vénus

Scientific Visualization Studio/ NASA

A Lua pode esconder antigos pedaços de Vénus, “cápsulas do tempo” que podem ajudar os cientistas a melhor compreender o passado deste mundo “vizinho” da Terra, sugere uma investigação da Universidade de Yale, nos Estados Unidos.

Se a atmosfera de Vénus foi, no passado, fina e até semelhante à Terra, então é possível que os impactos de asteróides antigos tenham transportado material em quantidades potencialmente detetáveis da superfície de Vénus para a Terra.

É isto que sustenta o novo estudo, cujos resultados foram esta semana disponibilizados para pré-visualização no portal arXiv.org, carecendo ainda de revisão de pares.

“Ao impactar com Vénus, os asteróides e cometas podem ter expelido até dez mil milhões de rochas, deslocando-as para uma órbita que cruzava com a órbita da Terra e da Lua”, afirmam os autores do estudo, Samuel Cabot e Gregory Laughin, citados em comunicado.

E acrescentam: “Algumas destas rochas acabariam, eventualmente, por chegar à Lua sob a forma de meteoritos oriundos de Vénus“.

Os autores do estudo acreditam que estes fragmentos antigos, que consideram ser “cápsulas do tempo”, podem mesmo ajudar a melhor compreender como é que Vénus, que outrora foi semelhante à Terra, sofreu uma mudança tão extrema.

A Lua oferece proteção para essas rochas antigas (…) Qualquer coisa de Vénus que tenha pousado na Terra está, provavelmente, enterrada nas profundezas devido à atividade geológicas, mas essas rochas seriam melhor preservadas na Lua”, diz o autor do estudo, dando conta que estes fragmentos podem guardar informações importantes.

“Um fragmento antigo de Vénus teria toda uma riqueza de informações (…) A história de Vénus está intimamente ligada a tópicos importantes no campo da ciência planetária, incluindo o fluxo passado de asteróides e cometas, histórias atmosféricas dos planetas e a sua abundância de água líquida”, concluiu Laughlin.

Os cientistas dispõem de uma vasta gama de análises segundo as quais é possível identificar a origem das rochas lunares, incluindo as que podem ser oriundas de Vénus.

Estes fragmentos contariam a história de Vénus de uma perspetiva diferente de todas aquelas apuradas segundo evidências científicas encontradas até agora.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Violência na Colômbia preocupa comunidade internacional

Várias cidades colombianas continuam a ser palco de violentas manifestações contra o Governo do país, mas são reprimidas com força pela polícia e por militares. As manifestações começaram em forma de protesto contra uma reforma tributária …

Veterana de Bletchley Park tem um novo código da 2.ª Guerra para decifrar (mas precisa de ajuda)

Um casal que encontrou mensagens codificadas da II Guerra Mundial sob o assoalho está tentar decifrá-las com a ajuda do seu vizinho, um decifrador de códigos de Bletchley Park. John e Val Campbell encontraram um esconderijo …

"Caixas mistério" com animais de estimação geram indignação na China

Uma nova moda conhecida como "caixa mistério" ganhou popularidade na China. O método consiste em fazer uma encomenda através da internet e é enviada, pelo correio, uma caixa com um animal de estimação. Estas encomendas estão …

Arquivos da polícia do Estado Islâmico revelam como era a vida sob o califado

Arquivos da polícia do Estado Islâmico, conhecida como shurta, revelam como era a vida sob o califado. Os polícias eram tão bem pagos que não podiam ser subornados. Não é sempre que os regimes mirram …

Barco português detido por ancorar ilegalmente em águas da Malásia

Um navio mercante registado em Portugal está retido na Malásia por ter alegadamente ancorado em águas territoriais do país sem autorização, avançou esta sexta-feira a Guarda Costeira malaia. Num comunicado, Nurul Hizam Zakaria, diretor da agência …

”Eficácia e qualidade”. OMS aprova vacina chinesa da Sinopharm

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, esta sexta-feira, o uso de emergência da vacina chinesa contra a covid-19 da Sinopharm. Trata-se da primeira vacina desenvolvida pela China a ser aprovada pela organização, lembra a agência …

Sem estado de emergência não pode haver confinamento de pessoas saudáveis

O constitucionalista Jorge Reis Novais defendeu hoje que sem estado de emergência que suspenda a garantia do artigo 27.º da Constituição não pode haver confinamento de pessoas saudáveis, até uma eventual revisão constitucional. Por outro lado, …

"Neuro-direitos". O Chile quer proteger os seus cidadãos do controlo da mente

O Chile quer tornar-se o primeiro país a proteger as pessoas do controlo da mente, à medida que a capacidade de mexer com cérebros se aproxima cada vez mais da realidade. O senador Guido Girardi está …

Emprego, formação e pobreza. Cimeira Social marca "o mais ambicioso compromisso" da UE

A Cimeira Social arrancou, nesta sexta-feira, no Porto, com a presença de 24 dos 27 chefes de Estado e de Governo da UE, num evento que pretende definir a agenda social da Europa para a …

"Uma cena da Idade Média". Refugiado encontrado morto e cercado de ratos em acampamento grego

O jovem, proveniente da Somália, foi encontrado morto dentro de uma tenda no início desta semana. No momento em que as autoridades chegaram ao local, cerca de 12 horas após a morte do rapaz, o …