Câmara de Lisboa dá isenção fiscal de 2 milhões a prédios de luxo

(cv) YouTube

Edifício Liberdade 203 é um dos empreendimentos de luxo localizados na Avenida da Liberdade

A Câmara de Lisboa aprovou, por maioria, uma proposta para isentar de IMI e IMT, no valor de mais de dois milhões de euros, prédios de luxo situados na avenida da Liberdade. O documento teve os votos favoráveis do PS, a abstenção do CDS-PP, BE e PSD, e o voto contra do PCP.

A proposta, assinada pelos vereadores do Urbanismo, Manuel Salgado (PS), e das Finanças, João Paulo Saraiva (Cidadãos por Lisboa, eleito na lista do PS), visa isentar a empresa “Liberdade 203 Investimentos Imobiliários, SA” de Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), no valor de cerca de 115.800 euros, e de Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (IMT), no montante de mais de 1,9 milhões de euros.

Os partidos foram unânimes ao afirmarem que a aprovação foi feita ao abrigo da lei que prevê a isenção destes impostos para prédios que sejam objeto de reabilitação urbanística.

No entanto, o vereador do PCP Jorge Alves disse à agência Lusa que é o município que “define com rigor a área de reabilitação urbana” e que hoje em dia, com a evolução da cidade, “há várias zonas que não necessitam deste tipo de classificação”.

O eleito Manuel Grilo, do BE (partido que tem um acordo de governação do concelho com o PS), explicou que se absteve uma vez que “não há nada do quadro legal que permitisse votar contra”, mas realçou que não concorda com a lei e que “a cidade não pode ser tratada toda por igual”.

O PSD, através de João Pedro Costa, considerou ser necessário “avaliar se vale a pena continuar com estes regimes de incentivos”. Por seu turno, o vereador do CDS-PP João Gonçalves Pereira referiu apenas que “é um legítimo direito”, que está “consagrado na lei”, escusando-se a dar a sua opinião sobre o diploma.

Na reunião privada do executivo, foi aprovada, também, uma proposta para adjudicar a execução das obras de reabilitação dos viadutos de Pedrouços à empresa Estrela do Norte, pelo valor de cerca de 1,5 milhões de euros.

O documento, assinado pelo vereador do Urbanismo, Manuel Salgado (PS), dá conta de que, “face ao prazo de execução de 300 dias”, terá de se proceder a uma repartição de encargos para os anos financeiros de 2019 e 2020. A proposta estabelece uma repartição de encargos de cerca de 1,1 milhões de euros para 2019 e quase 500 mil euros para 2020.

A câmara municipal, liderado pelo socialista Fernando Medina, aprovou, igualmente, por unanimidade aplicar uma multa, no valor de 728.500 euros, ao empreiteiro responsável pela requalificação do Teatro Variedades, assim como a resolução do contrato e a anulação do saldo da empreitada no montante de mais de três milhões de euros, com IVA incluído.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Se quer um coração saudável, desligue a televisão e tome um bom pequeno-almoço

É conhecida como a refeição mais importante do dia e não é por acaso. Os hábitos de vida que seguimos diariamente têm um impacto direto na nossa saúde vascular. Numa investigação recentemente apresentada na reunião anual …

Determinada temperatura das bebidas que aumenta risco de cancro

Cientistas da Universidade de Ciências Médicas de Teerão publicaram novas provas sobre a relação entre o consumo de bebidas quentes e o cancro do esófago. De acordo com o estudo publicado na revista International Journal of …

Descobertos 83 buracos negros supermassivos no Universo inicial

Astrónomos do Japão, de Taiwan e dos EUA descobriram 83 quasares alimentados por buracos negros supermassivos no universo distante, numa época em que o Universo tinha menos de 10% da sua idade atual. "É notável que …

Joy Milne consegue cheirar a doença de Parkinson antes de ser diagnosticada

Atualmente, não existe nenhum teste diagnóstico definitivo para o Parkinson, mas isso pode mudar graças a Joy Milne, uma mulher que consegue detetar a doença antes que os sintomas apareçam. Parece demasiado bizarro para ser verdade, …

Filho de José Eduardo dos Santos libertado da prisão. Estava preso desde setembro de 2018

O antigo presidente do Fundo Soberano de Angola, José Filomeno dos Santos, que se encontrava em prisão preventiva desde 24 de setembro de 2018, encontra-se já em liberdade, disse hoje à agência Lusa fonte oficial. A …

Naufrágio no Nilo é a primeira prova de que Heródoto não estava a mentir sobre os barcos egípcios

Um navio naufragado encontrado no rio Nilo pode ter permanecido inalterado durante mais de 2.500 anos. Agora, está finalmente a revelar os seus segredos: cientistas pensam que este navio revelou uma estrutura cuja existência tem …

A gravidade influencia a maneira como tomamos decisões

Todo e qualquer organismo vivo na Terra evoluiu a longo de milhares de anos sob um campo gravitacional constante, com a gravidade desempenhando um papel fundamental no comportamento e na cognição humana. Um estudo recente publicado …

"Atentado" na Disneyland Paris era apenas uma avaria nas escadas rolantes

Por volta das 21h00 em Paris, produziu-se um movimento de pânico na Disney Village, no parque de diversões francês da Disney. Rapidamente se multiplicaram mensagens sobre um "atentado". Ao jornal belga DH, uma fonte afirmou que …

Cientistas alargam limites físicos do grafeno

Até onde vão os limites físicos do grafeno? Uma equipa de cientistas do Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia (INL), em Braga, respondeu a esta questão e desafiou-os. Uma equipa de investigadores dos Departamentos de Materiais Quânticos …

Ilusionista britânico diz que vai travar o Brexit com o poder da mente

Uri Geller é um ilusionista israelista, com nacionalidade britânica, que se tornou famoso nos anos 1970 em programas de televisão em que realizava demonstrações dos seus alegados poderes paranormais. Agora, Geller deixa um aviso a Theresa …