Os cães já nascem “prontos” para comunicar com os humanos

Um novo estudo indica que os cães que têm pouco contacto com pessoas conseguem entender gestos, como o de apontar, e têm tendência para prestar atenção ao rosto dos humanos.

A pesquisa sugere que cães com apenas oito semanas “exibem competências sociais e interesse nos rostos humanos”, sendo que mostram, desde o primeiro ensaio, a capacidade de reagir quando um humano aponta para algo, seguindo nessa direção.

Emily E. Bray, da Universidade do Arizona, refere que “tudo isto sugere que os cães estão biologicamente preparados para comunicar com humanos”.

Durante a pesquisa, Bray e a sua equipa testaram 375 labradores e golden retriever com idades entre as oito e as dez semanas.  Os cientistas orientaram os cães diversas vezes para um conjunto de quatro tarefas que tinham o objetivo de aferir as suas competências sociais.



As primeiras duas tarefas serviam para perceber se os cachorros tinham capacidade de entender gestos humanos. Em ambos os casos, os cães seguiram o objeto que lhes estava a ser indicado em 67% das vezes. Os pequenos cães tiveram tanto sucesso nestas tarefas como os cães adultos.

Na segunda tarefa, foi colocada uma gravação de voz, semelhante à de uma criança, a interagir com o cachorro. Enquanto isso, um dos investigadores ficava a olhar para o animal, com o objetivo de medir quando tempo é que este prestava atenção à cara do humano.

Em média, os cães mais pequenos ficavam seis segundos a olhar para o humano, enquanto os cães adultos tendem a ter mais tempo de contacto com o humano, o que sugere que os cães aprendem com o tempo a prestar mais atenção ao rosto humano.

O último teste passava por colocar alguns petiscos dentro de uma taça de plástico. A tarefa de aceder aos petiscos foi ficando progressivamente mais difícil, até se tornar impossível ao animal chegar a eles.

O objetivo era perceber se os cães faziam contacto visual com os humanos em busca de ajuda. Nesta tarefa, os cachorros tendiam a ignorar os humanos ao seu redor. Isto sugere que o instinto de recorrer a um humano para auxílio é algo que os cães aprendem após a interação prolongada com pessoas.

O estudo concluiu ainda que 40% das variações registadas na performance ao longo das primeiras três tarefas está relacionada com características genéticas ou hereditárias dos animais, escreve o Science Alert.

O estudo foi publicado na revista Current Biology a 3 de junho.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Guterres presta juramento na ONU e estabelece "prioridade mundial absoluta"

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, prestou juramento e tomou posse para um segundo mandato durante uma sessão plenária da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque, Estados Unidos. António Guterres …

Suécia 1-0 Eslováquia | Isak carrega nórdicos às costas

A Suécia deu hoje um passo de ‘gigante’ rumo aos oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao vencer a Eslováquia por 1-0, em encontro da segunda jornada do Grupo E, disputado em São Petersburgo. Depois …

Ex-CEO da Groundforce admite hipótese de comprar a empresa

O ex-CEO da Groundforce, afastado do cargo em abril por "violação grave dos deveres de lealdade", não exclui a hipótese de vir a comprar a empresa de handling. Em declarações ao jornal online ECO, Paulo Neto …

Viatura onde seguia Eduardo Cabrita atropela uma pessoa na A6

Esta sexta-feira, um homem morreu após ter sido atropelado pelo automóvel em que seguia o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, num acidente na autoestrada A6. Numa nota enviada às redações, o Ministério da Administração Interna …

Portugal com mais 1.298 casos e quatro mortes

Esta sexta-feira, Portugal registou 1.298 novos casos e quatro mortes na sequência da infeção por covid-19. Segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), foram registados, nas últimas 24 horas, mais 1.298 casos e …

Parlamento aprova prorrogação das moratórias bancárias até final do ano

O alargamento aplica-se aos "particulares e para as empresas que desenvolvem a sua atividade em setores especialmente afetados pela pandemia de covid-19". O Parlamento aprovou, esta sexta-feira ,a prorrogação e alargamento das moratórias bancárias, que terminavam …

Tribunal belga obriga AstraZeneca a entregar 50 mihões de doses de vacina à UE

A AstraZeneca vai ter que entregar 50 milhões de doses da vacina para a covid-19 à União Europeia. A entrega deve ser efetuada até 27 de setembro. A justiça belga ordenou, esta sexta-feira, à farmacêutica …

"Dois terços dos problemas estão na Área Metropolitana de Lisboa", justifica Costa

O primeiro-ministro, António Costa, justificou esta sexta-feira a necessidade de tomar medidas localizadas em Lisboa para evitar que o agravamento da situação epidemiológica se alastre.  Em Bruges, na Bélgica, à margem da sessão de encerramento do …

CDS critica “enorme infelicidade” do Presidente e "comunicação desastrosa" do Governo

O CDS-PP criticou hoje as declarações do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, quando disse que no que depender dele não haverá "volta atrás" no desconfinamento, considerando-as de “uma enorme infelicidade”, lamentando também a …

Astronautas entraram pela primeira vez na nova estação espacial chinesa

Três astronautas chineses começaram, esta sexta-feira, a fazer da nova estação espacial da China o seu lar, um dia depois de ali terem chegado, num lançamento bem-sucedido, que marcou um novo avanço no ambicioso programa …