Cabul exige esclarecimentos depois de Trump afirmar ter planos que podem “varrer o Afeganistão da face da terra”

Jim Lo Scalzo / EPA

Depois que o presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, ter dito que tem planos militares que poderiam acabar com o Afeganistão e matar milhões de pessoas, Cabul reagiu com indignação e exigiu esclarecimentos.

Após os comentários de Donald Trump, o gabinete do presidente afegão, Ashraf Ghani, disse num comunicado que o Afeganistão “nunca permitirá que qualquer potência estrangeira determine o seu destino”, avançou o Raw Story na terça-feira.

“Enquanto o governo afegão apoia os esforços dos EUA para garantir a paz no Afeganistão, realça que os chefes de Estado estrangeiros não podem determinar o destino do Afeganistão na ausência da liderança afegã”, referiu o gabinete na nota informativa.

Os comentários de Donald Trump foram feitos durante uma reunião com o primeiro-ministro paquistanês, Imran Khan, que decorreu na segunda-feira.

“Não estamos a travar uma guerra”, disse o Presidente norte-americano sobre o conflito liderado pelos EUA, que durou quase 18 anos – a mais longa guerra da história americana. “Se quiséssemos travar uma guerra com o Afeganistão, e vencê-la, eu poderia vencer essa guerra numa semana. Eu só não quero matar 10 milhões de pessoas”.

“Tenho planos para o Afeganistão e, se eu quisesse vencer essa guerra, o Afeganistão seria varrido da face da Terra. Teria ido embora”, acrescentou. “Acabaria em, literalmente, em 10 dias. E eu não quero fazer isso – eu não quero seguir esse caminho”.

O população afegã expressou repulsa pelos comentários de Donald Trump, que chegaram ao país através do enviado norte-americano, Zalmay Khalizad.

Shakib Noori, um empresário que vive em Cabul, disse à Reuters que os comentários de Donald Trump foram “constrangedores e um insulto para todos os afegãos”. O escritor afegão-americano Khaled Hosseini expressou um sentimento semelhante, classificando as declarações como “irresponsáveis” e “aterradoras”.

Já Rahmatullah Nabil, ex-chefe da inteligência afegã e candidato à presidência, criticou Donald Trump no Twitter.

TP, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

CGTP ameaça Costa: “Ou dá resposta às reivindicações ou conta com contestação” nas ruas

O secretário-geral da CGTP-IN, Arménio Carlos, defendeu a alteração das leis laborais e o aumento do salários na próxima legislatura, avisando que caso estas reivindicações não sejam atendida, o Governo terá forte contestação nas ruas. Arménio …

Das eleições resultou um "Governo instável" e Marcelo foi "o grande ganhador sem ter participado"

Para Luís Marques Mendes, o PS teve mais votos, mas tem piores condições para governar. Além disso, na opinião do comentador político, foi Marcelo quem ganhou estas eleições, por não ter havido maioria absoluta. O Partido …

"Querem que pique a bolha?" Conselheiros do Banco de Portugal compararam Montepio ao caso BES

Numa "discussão acesa" no Banco de Portugal, conselheiros da entidade de supervisão compararam a situação do Banco Montepio ao caso BES, com referências a um "esquema de Ponzi", em pirâmide, e a ideia de que …

CGD e Novo Banco vão atrás da fortuna de Paulo Maló

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) e o Novo Banco vão tentar executar o património pessoal de Paulo Maló, médico e empresário que fundou a Malo Clinic, empresa especializada em medicina dentária, escreve o Jornal …

Comandante que desviou dinheiro da Proteção Civil recebe avença do Estado

Gil Martins foi condenado de desviar mais de cem mil euros da Proteção Civil. Ainda assim, o antigo comandante recebe uma avença de mil euros brutos por mês. O ex-comandante nacional da Autoridade Nacional de Emergência …

New York Times divulga provas de que a Rússia bombardeou deliberadamente hospitais na Síria

O The New York Times publicou este domingo, segundo avança o próprio jornal norte-americano, provas de que a Rússia bombardeou repetidamente e deliberadamente hospitais na Síria, onde intervém em apoio do regime sírio do Presidente …

Simone Biles torna-se na ginasta mais medalhada de sempre em Mundiais

Esta foi a quarta medalha de ouro para Biles em Estugarda, depois de ter vencido a prova por equipas, o concurso geral individual e a prova de salto. A norte-americana Simone Biles tornou-se hoje a ginasta …

Há um Reino muito pouco Unido na corda bamba. Rainha inicia semana decisiva para o Brexit

Depois do discurso real desta segunda-feira, as conversações entre Londres e Bruxelas deverão continuar e avançar pela cimeira da UE de quinta e sexta-feira. No sábado, o Parlamento britânico reúne-se excecionalmente para votar o que …

Esther Duflo, Abhijit Banerjee e Michael Kremer vencem Nobel da Economia

O prémio Nobel da Economia de 2019 foi esta segunda-feira atribuído à francesa Esther Duflo, ao indiano Abhijit Banerjee e ao norte-americano Michael Kremer, anunciou a Real Academia das Ciências sueca. O Prémio de Ciências Económicas …

Tufão Hagibis faz pelo menos 42 mortos e 200 feridos no Japão

Pelo menos 42 pessoas morreram e 200 ficaram feridas no Japão, após passagem do tufão Hagibis, enquanto mais de 110.000 membros de equipas de socorro continuam as operações de busca e resgate, noticiou a emissora …