“Discussão gravitacional.” O buraco negro da Via Láctea expulsou uma estrela da nossa galáxia

Uma equipa de investigadores descobriu uma estrela de hipervelocidade que foi ejetada do centro da nossa galáxia pelo seu buraco negro supermassivo residente, Sagittarius A*.

Sergey Koposov, investigador da Universidade Carnegie Mellon, nos Estados Unidos, descobriu a estrela S5-HVS1. Localizada na constelação de Grus, a S5-HVS1 movia-se dez vezes mais rápido do que a maioria das estrelas que compõem a Via Láctea.

As estrelas de alta velocidade só foram descobertas há cerca de 20 anos. A S5-HVS1 é, desta forma, uma estrela sem precedentes, graças à sua velocidade e ainda por ter passado muito perto da Terra, a “apenas” 29 mil anos-luz de distância.

Com estas informações, os investigadores poderiam ser capazes de monitorizar a sua jornada em torno do centro da Via Láctea, onde mora um buraco negro com cerca de 4 milhões de massas solares, conhecido como Sagittarius A*.

“Já suspeitamos há muito tempo de que os buracos negros conseguem ejetar estrelas a velocidades muito altas. No entanto, nunca tivemos uma associação inequívoca entre uma  uma estrela tão rápida e o centro galáctico”, afirmou Sergey Koposov, principal autor do artigo científico, publicado recentemente na Monthly Notices of the Royal Astronomical Society.

“Achamos que o buraco negro ejetou a estrela a uma velocidade de milhares de quilómetros por segundo, há cerca de cinco milhões de anos. Essa ejeção aconteceu no momento em que os ancestrais da Humanidade estavam a aprender a andar com os dois pés, continuou o investigador, citado pelo Phys.org.

As estrelas super-rápidas podem ser ejetadas por buracos negros através do Mecanismo de Hills, teorizado há 30 anos pelo astrónomo Jack Hills.

Segundo os cientistas, a estrela S5-HSV1 vivia com um companheiro num sistema binário, mas começaram a aproximar-se muito de Sagittarius A*. Perante esta “discussão gravitacional”, a estrela companheira foi capturada pelo buraco negro da Via Láctea, enquanto que S5-HVS1 foi ejetada para fora da galáxia a uma velocidade extremamente alta.

Esta é a primeira demonstração clara do Mecanismo Hills em ação”, afirmou Ting Li, investigador do Carnegie Observatories e da Universidade de Princeton, e líder da S5 Collaboration.

A descoberta da S5-HVS1 foi feita com o Anglo-Australian Telescope (AAT), de 3,9m, perto de Coonabarabran, na Austrália, juntamente com observações do satélite Gaia da Agência Espacial Europeia (ESA), e permitiu aos astrónomos revelar a velocidade da estrela e toda a sua jornada no centro da Via Láctea.

LM, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Já são conhecidos os nomeados aos Globos de Ouro. Netflix lidera com "O Irlandês" e "Marriage Story"

A cerimónia de entrega de prémios realiza-se a 5 de janeiro de 2020 no hotel Beverly Hilton, em Los Angeles, e será apresentada por Ricky Gervais. Já são conhecidos os nomeados à 77ª edição dos Globos …

Falhas na formação de médicos levam ministra a criar grupo de trabalho

A ministra da Saúde determinou a constituição de um grupo de trabalho para criar um manual de regras e procedimentos para a avaliação das capacidades de formação de médicos no SNS, depois de falhas apontadas …

Surto de sarampo leva Samoa a fechar escolas e serviços. Ativista anti-vacinação detido

Com o objetivo de conter o surto de sarampo que já matou 60 pessoas, o governo de Samoa está a pedir à população que coloque uma bandeira vermelha em frente às casas nais as pessoas …

Poluição do ar leva Sarajevo a cancelar todos os eventos públicos

As autoridades bósnias consideram que a poluição na capital do país, Sarajevo, atingiu níveis perigosos nos últimos dias. Perante a densa nuvem de nevoeiro que paira na cidade, o governo regional decidiu cancelar todos os …

A banana colada à parede que custou 108 mil euros foi comida

A banana mais cara do mundo, presa a uma parede com fita adesiva, foi descascada e comida por um artista que visitava o stand da galeria Perrotin, na feira de arte contemporânea Art Basel, nos …

Empresas norte-americanas reforçam domínio na venda global de armas

O Instituto Internacional de Estudos de Paz de Estocolmo (SIPRI) revelou esta segunda-feira que as empresas norte-americanas aumentaram o domínio no comércio global de armas em 2018, para 59% do volume total entre as 100 …

Faltam medicamentos para doenças crónicas nas Farmácias (e ninguém sabe porquê)

Há medicamentos para doenças crónicas que estão, constantemente, em falta nas Farmácias Portuguesas. Uma situação preocupante, sobretudo para os pacientes que deles precisam, e que não tem uma explicação. A Associação Nacional de Farmácias está …

Mais de dois mil coalas mortos devido aos incêndios na Austrália

O presidente da Aliança das Florestas do Nordeste da Austrália disse que os incêndios florestais que deflagram no leste do país, desde o início de novembro, provocaram a morte a mais de dois mil coalas. O …

Regionalização sem referendo é “golpe de estado palaciano”

Luís Marques Mendes falou este domingo, no habitual espaço de comentário político na SIC, sobre a regionalização, os "tempos difíceis para a direita", Greta Thunberg e Joe Berardo. Houve ainda tempo para falar sobre o …

China diz que detidos em Xinjiang estão "formados" e "vivem felizes"

Um alto quadro do regime chinês afirmou, esta segunda-feira, que os membros de minorias étnicas chinesas de origem muçulmana mantidos em "centros de treino vocacional" no extremo oeste do país já se "formaram" e levam …