Bruxelas disponibiliza 300 milhões de euros a pequenas e médias empresas para alavancar investimentos

George Grinsted / Flickr

O programa “Escalar” disponibiliza 300 milhões de euros, através do Fundo Europeu de Investimento, para apoiar investimentos de pequenas e médias empresas “promissoras” que queiram crescer.

A Comissão Europeia anunciou que vai disponibilizar 300 milhões de euros, através do Fundo Europeu de Investimento (FEI), para apoiar investimentos de pequenas e médias empresas “promissoras” que queiram crescer na Europa, visando aumentar a “soberania europeia”.

Em causa está o programa “Escalar”, que se traduz numa “nova abordagem de investimento, desenvolvida em conjunto com o FEI, para suportar capital de risco e financiamento para crescimento de PME promissoras, permitindo que estas aumentem a sua escala na Europa e ajudem a reforçar a soberania económica e tecnológica europeia”, informa o executivo comunitário.

Divulgado dias depois de o comissário europeu do Mercado Interno, Thierry Breton, ter defendido que a crise gerada pela Covid-19 deve funcionar como “catalisador” para melhorar a autossuficiência das empresas da União Europeia, este instrumento “fornecerá até 300 milhões de euros com o objetivo de aumentar a capacidade de investimento com capitais de capital de risco e private equity”, precisa a instituição na nota.

As estimativas de Bruxelas é que, com este programa, se possam gerar investimentos de até 1,2 mil milhões de euros na Europa, quadruplicando o investimento inicial.

Numa altura em que se discutem respostas económicas à crise gerada pela Covid-19, a Comissão Europeia pretende, com este programa paralelo, “melhorar o acesso ao financiamento pelas PME”, o que se torna “particularmente relevante na difícil situação económica em que estas companhias se encontram devido ao surto do novo coronavírus”, destaca a Comissão Europeia.

“Este instrumento apoiará empresas inovadoras durante e após a crise para garantir que a Europa se possa desenvolver e permanecer à frente nos desenvolvimentos tecnológicos globais e acelerar a sua recuperação económica”, salienta o executivo comunitário.

Citado pelo comunicado, o comissário europeu Thierry Breton vinca que, com o programa “Escalar”, Bruxelas está a “ajudar a desbloquear investimentos privados adicionais e significativos para apoiar a criação dos futuros líderes de mercado“. Através do FEI, este instrumento irá suportar até 50% dos investimentos feitos pelas PME.

Para já, o “Escalar” ainda está em fase de piloto, mas o objetivo é que este se torne num instrumento financeiro europeu permanente, podendo figurar no próximo quadro financeiro plurianual (2021–2027).

 

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas encontram dois fragmentos do meteorito de Barcelona

Cientistas espanhóis encontraram dois pequenos fragmentos do chamado meteorito de Barcelona, que caiu, há mais de 300 anos, no dia de Natal. No dia 25 de dezembro de 1704, um meteorito rasgou os céus e caiu …

"Pressionaram-me para o denunciar". Higuita recorda amizade com Escobar

A relação de amizade entre René Higuita e Pablo Escobar levou a que o ex-futebolista fosse seguido pelas autoridades. A polícia chegou a pressioná-lo para denunciar Escobar. O antigo internacional colombiano René Higuita é provavelmente uma …

George Floyd. Portugal junta-se às manifestações mundiais contra o racismo

Cinco cidades portuguesas juntam-se hoje à campanha de solidariedade mundial contra o racismo, associando-se à luta pela dignidade humana na sequência da morte, a 25 de maio, do afro-americano George Floyd, sob custódia da polícia …

Covid-19. México investiga mercado negro de atestados de óbito falsos

As autoridades da Cidade do México anunciaram que estão a investigar um suposto mercado negro de atestados de óbito relacionado com a covid-19, no dia em que o país registou 625 mortes nas últimas 24 …

Astrónomos descobrem "réplica" do Sol e da Terra a três mil anos-luz

O que diferencia esta descoberta de outros exoplanetas parecidos com a Terra é que a sua estrela tem uma semelhança impressionante com o nosso Sol. Entre os dados da missão Kepler, uma equipa de investigadores identificou …

Sem romarias e festas, milhares de famílias estão a entrar em falência

Milhares de famílias cujo rendimento depende das romarias e festas populares estão a atravessar sérias dificuldades económicas. Os prejuízos ultrapassam os 50 milhões de euros. A suspensão das festas populares e romarias religiosas em todo o …

Corpo de Maria Velho da Costa ficou 11 dias na morgue. Filho critica MP e fala em "massacre psicológico"

Os restos mortais da escritora Maria Velho da Costa, que faleceu a 23 de Maio, ficaram no Instituto de Medicina Legal, em Lisboa, durante 11 dias, sem que a família tivesse conhecimento de que já …

"Vocês são uns ingratos". Vieira arrasa equipa após empate com o Tondela

Luís Filipe Vieira foi ao balneário falar com os jogadores após o empate com o Tondela. O presidente benfiquista mostrou-se irritado e acusou os futebolistas de ingratidão. Depois do empate do SL Benfica com o CD …

Costa tirou o tapete ao seu "super-ministro" (que é cada vez mais candidato a líder do PS)

Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas, já foi um peso-pesado do Governo de António Costa, mas o primeiro-ministro desautorizou-o na discussão sobre o futuro da TAP, num claro sinal de que a "lua-de-mel" entre os …

Há dois candidatos na calha para suceder a Centeno. Siza Vieira fora da corrida

Pedro Siza Vieira era apontado como o favorito a suceder a Mário Centeno na pasta das Finanças, mas recusou essa possibilidade. Nelson de Souza e João Leão são agora os dois principais candidatos. Com a saída …