“Acabou o recreio”. Marine Le Pen quer fim da escola gratuita para imigrantes clandestinos

A líder do partido Frente Nacional, Marine Le Pen, candidata de extrema-direita à eleição presidencial francesa de 2017, defendeu esta quinta-feira, em Paris, o fim da gratuidade no ensino público para alunos estrangeiros em situação irregular no país.

“A solidariedade nacional deve existir para os franceses. Não tenho nada contra estrangeiros, mas digo-lhes: se vierem para o nosso país, não esperem que sejam tratados, que os seus filhos sejam educados gratuitamente. Acabou o recreio“, declarou a candidata populista durante um encontro no Instituto de Pesquisa BVA.

Marine Le Pen defendeu ainda que é preciso acabar com a gratuidade na escola para “os filhos de clandestinos”.

Alegando que o país não tem mais meios para financiar a escolaridade gratuita para todos, Le Pen defendeu que a rede pública de ensino seja “reservada aos mais pobres, mais modestos e humildes”.

Para os alunos estrangeiros de famílias com residência legal no país, ela faz uma distinção. Os pais que pagam impostos, mesmo sendo estrangeiros, continuariam a ter acesso à escola pública gratuita.

Aqueles que forem estrangeiros e não alimentarem o caixa do Estado terão de pagar uma “contribuição” para o filho frequentar a rede pública, defende Le Pen.

“Imigrantes não trabalham”

Questionada sobre outros temas sociais, como a reforma e a imigração, Marine afirmou que “a população imigrante não trabalha”.

“Sem falar nos programas sociais que permitem que uma pessoa receba um auxílio velhice com o único critério de ter 65 anos, sem nunca ter trabalhado no país. Esses chegam a receber €750 por mês, €1.500 no caso de um casal, enquanto agricultores vivem com €300 ou €400 de aposentadoria”, acrescentou.

A fala da candidata omite detalhes da legislação em vigor. Segundo o programa de solidariedade para idosos, é previsto auxílio mensal aos estrangeiros legalizados, que tenham um visto de residência de no mínimo 10 anos e autorização de trabalho em França.

Essas condições não são exigidas aos estrangeiros apátridas, refugiados, que tenham combatido em guerras ao lado do Exército francês e membros da União Europeia e Suíça.

 ZAP / Agência Brasil

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Medida errada.
    Os putos não vão à escola, mais depressa se transformam em delinquentes (quem sabe em adeptos do Daesh).
    Se os imigrantes são clandestinos, devem ser expulsos do país, ao abrigo da lei.

RESPONDER

Campo magnético da Terra pode mudar 10 vezes mais rápido do que se pensava

As mudanças na direção do campo magnético da Terra podem ocorrer dez vezes mais rápido do que se pensava até então, sugerem novas simulações levadas a cabo por cientistas da Universidade de Leeds (Reino Unido) …

O buraco negro mais faminto do Universo engole por dia uma massa equivalente à do Sol

No centro do quasar mais brilhante já descoberto "mora" um dos maiores buracos negros que é também o mais "faminto" de todo o Universo: por dia, engole o equivalente à massa do nosso Sol. As …

Cientistas investigam estranho gelo cor-de-rosa num glaciar dos Alpes italianos

Uma equipa de cientistas anunciou esta segunda-feira estar a tentar averiguar a origem de gelo cor-de-rosa num glaciar nos Alpes italianos. O fenómeno deverá ser provocada por algas que aceleram os efeitos das mudanças climáticas. A origem …

Especialistas de 32 países alertam OMS: covid-19 também se transmite pelo ar

Numa carta aberta à Organização Mundial de Saúde, 239 cientistas pedem que a organização reveja as recomendações que tem emitido, alertando para o facto de a covid-19 poder transmitir-se pelo ar. Numa carta dirigida à Organização …

Moreirense 0-0 Sporting | Nulo em jogo de pólvora seca

A 30ª jornada fechou no Minho com um nulo entre Moreirense e Sporting, que continua sem derrotas sob o comando de Rúben Amorim. A formação leonina poderia muito bem ter vencido em Moreira de Cónegos, pois …

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …