Brexit poderá forçar britânicos a pedir Visto Gold para viver em Portugal

Um quinto dos beneficiários do regime de residentes fiscais não-habituais em Portugal são britânicos, mas um Brexit sem acordo poderá tornar o Visto Gold a opção mais adequada, afirmou hoje um advogado português.

Afonso Barroso, sócio da sociedade de advogados Abreu & Marques, lembrou, num evento em Londres, que, no caso de as negociações com Bruxelas não garantirem os direitos dos cidadãos britânicos, o Visto Gol’ pode ser uma solução para garantir residência em Portugal.

Atualmente, cerca de 19% dos beneficiários do regime fiscal de Residente Não-Habitual (RNH) em Portugal são britânicos, sobretudo aposentados, mas também alguns profissionais liberais, como arquitetos.

Este programa, destinado a aposentados ou pessoas qualificadas em atividades de elevado valor acrescentado, atribui vantagens ou isenções fiscais durante 10 anos a quem se mude de outro país e se instale em Portugal.

Atualmente é sobretudo usufruído por europeus, nomeadamente franceses, suecos e dinamarqueses, além dos britânicos, cujo número de residentes em Portugal se estima que ronde os 40 mil.

Já o sistema o Visto Gold depende da aquisição de entre 350 mil a 500 mil euros numa propriedade imobiliária, um depósito de um milhão de euros numa instituição bancária nacional, a criação de mais de 10 empregos ou o investimento de 250 mil euros numa produção artística ou património histórico.

Esta opção permite a entrada em Portugal sem visto de residência e a livre circulação na zona Schengen, bem como o direito à reunião de família e o acesso a cidadania após cinco anos e tem sido aproveitado sobretudo por nacionais extra-europeus, como chineses e brasileiros.

Perante os diferentes modelos para a saída britânica da UE, “estes programas poderão servir para navegar os desafios da mudança”, sugeriu Afonso Barroso no seminário “Brexit e a aliança anglo-portuguesa”.

Organizado esta noite pela Câmara de Comércio Portuguesa no Reino Unido, o evento quis projetar Portugal como plataforma de acesso à União Europeia após a saída do Reino Unido.

Além dos diferentes regimes de residência fiscal para pessoas, Portugal dispõe também opções para o estabelecimento de empresas britânicas no espaço europeu.

Michael Gates, representante Empresa de Desenvolvimento da Madeira (SDM), defendeu que a Zona Franca da Madeira (ZFM) “pode oferecer uma plataforma para empresas britânicas que procurem um caminho diferente para empresas que procurem um ambiente amigável e favorável para trabalhar com a União Europeia”.

Sendo improvável que o Reino Unido continue no sistema de IVA ou sujeito às diretivas fiscais europeias, pode também agir como uma base de acesso a outros países com quem Portugal tem acordos bilaterais e de dupla tributação.

A ZFM permite o licenciamento e instalação de empresas com a condição que criem empregos ou façam um investimento mínimo, oferecendo uma taxa reduzida de IRC de 5% e isenção de retenção na fonte no pagamento de dividendos, entre outros benefícios fiscais, ao fim de 2027.

Segundo Gates, a ZFM garante “credibilidade e estabilidade” na integração com os sistemas fiscais português e europeu.

O presidente da Câmara de Comércio Portuguesa no Reino Unido, João de Abreu, argumentou que Portugal, enquanto o aliado mais antigo do mundo, pode “contribuir para reduzir qualquer mal que possa acontecer ao Reino Unido como consequência do Brexit”.

Realçando a importância geoestratégica do país ao longo da história, o advogado garantiu que a relação bilateral está assegurada pelos diferentes tratados feitos ao longo de quase nove séculos entre os dois países.

“Estiveram sempre em vigor. Estudámos esta questão com cuidado e a conclusão é que vão continuar até serem revogados”, esclareceu.

A saída do Reino Unido da UE está prevista para 29 de março de 2019, mas os termos do “divórcio” estão ainda em discussão, sendo conhecido que o Governo já descartou a permanência no mercado interno.

Londres e Bruxelas estão também a discutir um período de transição que poderá prolongar-se até ao final de 2020, após o qual o Reino Unido quer iniciar uma “nova relação” comercial e institucional com os 27.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Mais seis mortos nos protestos em Myanmar. Embaixador na ONU afastado

Seis manifestantes foram mortos em Myanmar, este domingo, por forças de segurança que dispersavam com violência as manifestações pró-democracia. Três manifestantes foram mortos em Dawei (no sul do país), enquanto dois adolescentes, de 18 anos, morreram …

Siza Vieira anuncia que Programa Apoiar vai ser reforçado e alargado

O programa Apoiar, destinado a empresas afetadas pela pandemia da covid-19, vai ser reforçado e alargado a novas situações, anunciou o ministro da Economia, indicando que as medidas vão ser anunciadas na próxima semana. "Queremos reforçar …

Embaixadora deixa Venezuela na terça-feira. UE chama embaixador em Cuba

A embaixadora da União Europeia na Venezuela vai sair do país na terça-feira, informou à agência Lusa fonte diplomática europeia, sem adiantar mais detalhes. Na última quarta-feira, a Venezuela decidiu expulsar Isabel Brilhante Pedrosa, em retaliação …

EUA aprovam vacina unidose da Johnson & Johnson. Nova Zelândia volta ao confinamento

O regulador do medicamento norte-americano aprovou, este sábado, a vacina contra a covid-19 da Johnson & Johnson, a terceira autorizada nos Estados Unidos. A vacina em causa da Johnson & Johnson é de dose única e junta-se …

Estes traços psicológicos podem ajudar a identificar pessoas vulneráveis ao extremismo

As características dos cérebros das pessoas podem oferecer pistas sobre as suas crenças políticas, sugere um novo estudo científico. Num estudo com cerca de 350 cidadãos norte-americanos, uma equipa de investigadores examinou a relação entre as …

Fóssil de lula vampiro perdido durante a Revolução Húngara foi redescoberto

Em 2019, uma equipa de investigadores encontrou o fóssil que estava perdido nas coleções do Museu de História Natural da Hungria, enquanto procurava fósseis de ancestrais de chocos. Contudo, o fóssil foi descoberto originalmente em 1942 …

Após escalada de suicídios, Japão nomeia Ministro da Solidão

O Japão nomeou um Ministro da Solidão após um recente aumento no número de suicídios, exacerbado pela crise provocada pela pandemia de covid-19. Estudos recentes mostraram que o Japão tem altos níveis de isolamento social, em …

Grande carruagem cerimonial descoberta quase intacta em Pompeia

Uma grande carruagem cerimonial de quatro rodas, com elementos de ferro, decorações de bronze e estanho, restos de madeira mineralizada e vestígios de elementos orgânicos, como cordas, foi encontrada quase intacta na área arqueológica de …

FC Porto 0-0 Sporting | Nulo com sabor a vitória para o "leão"

O “clássico” do Dragão, entre FC Porto e Sporting, terminou sem golos, sem grande futebol, e com um “leão” cada vez mais perto do título, apesar de ainda faltar muito campeonato.  A igualdade permite à formação …

Adolesceste entusiasta por pirotecnia construiu o seu próprio simulador profissional de fogos de artifício

O FWsim foi lançado pela primeira vez em 2010 como um software de planeamento de fogos de artifício, voltado para profissionais de pirotecnia e entusiastas de fogos de artifício. Em 2006, conta o Vice, Lukas Trötzmüller …