Brasil saiu do mapa da fome da ONU

Danilo Bandeira / Flickr

"Auto-retrato" (p.), Danilo Bandeira

“Auto-retrato” (p.), Danilo Bandeira

O Governo brasileiro considerou “histórica” a saída do país “do mapa da fome da ONU”, numa reacção a um relatório divulgado esta terça-feira que refere que a percentagem de brasileiros mal-nutridos desceu 50% em dez anos.

“Superar a fome era uma das principais metas do Estado brasileiro e conseguimos isso”, disse a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome”, Tereza Campello, citada pela agência espanhola Efe.

No comunicado hoje divulgado, Campello afirma também que a melhoria nos resultados só foi possível “graças a um conjunto de políticas públicas que garantiram um aumento do rendimento dos mais pobres e um aumento da oferta de alimentos, e consolidaram a rede de proteção social”.

Como exemplo das medidas de proteção social, a ministra elencou o programa das merendas escolares, que “oferece alimentos de qualidade a 43 milhões de alunos, o que significa alimentar diariamente mais do que a população da Argentina”.

O Brasil conseguiu reduzir para metade nos últimos dez anos a percentagem de pessoas com fome, de 10,7 por cento para menos de 5%, de acordo com um relatório das Nações Unidas hoje divulgado em Roma.

De acordo com o relatório sobre a insegurança alimentar publicado hoje pela Organização das Nações Unidas e pelos departamentos de Alimentação e Agricultura (FAO, no original em inglês), pelo Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola e Programa Mundial de Alimentos, o Brasil está a cumprir os Objetivos de Desenvolvimento do Milénio – uma lista de oito pontos para melhorar as condições de vida das populações entre 2010 e 2015.

O programa ‘Fome Zero’, segundo a ONU, foi o primeiro passo para acabar com a fome no Brasil, através de um conjunto de medidas aprovadas por 19 ministérios que junta as políticas sociais a iniciativas para fomentar a igualdade de rendimentos, o emprego, a produção familiar agrícola e a nutrição.

A junção dos esforços em diferentes áreas fez com que o Brasil tenha reduzido a taxa de pobreza de 24,3% para 8,4% entre 2001 e 2012, enquanto a pobreza extrema também se reduziu de 14% para 3,5%, de acordo com o relatório, citado pela agência espanhola Efe.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ciência explica porque é que alguns cheiros desencadeiam memórias fortes

O cheirinho de pão acabado de sair do forno pode, por exemplo, funcionar como um portal do tempo, levando-nos de volta àquele pequeno café em Paris que visitámos há alguns anos. Os cheiros têm a capacidade …

Quase 40% dos americanos com dificuldades financeiras. Doar sangue é a sua maior receita

A economia dos Estados Unidos (EUA), considerada uma das maiores do mundo, permitiu avanços sociais e tecnológicos inestimáveis. Contudo, atualmente, cerca de 40% dos norte-americanos afirmam ter dificuldade em pagar por comida, por habitação, por …

"Políticos devem ser colocados contra a parede". Greta pede desculpa

A ativista do clima Greta Thunberg pediu desculpa por ter dito que os políticos devem ser colocados “contra a parede”, após diversas pessoas terem considerado que a jovem estava a defender a violência. A sueca de …

Carnaval belga retirado da lista de Património Imaterial da UNESCO após queixas de antissemitismo

As festas da cidade de Aalst, na Bélgica, foram retirada da lista do Património Imaterial da Humanidade, depois de a UNESCO ter sancionado a presença de carros carnavalescos contendo imagens antissemitas. O presidente da Câmara …

Conselho de Ministros aprova proposta de OE2020 (e foram quase 10 horas de reunião)

O Conselho de Ministros aprovou hoje a proposta de Orçamento do Estado para 2020, dez horas depois de a reunião extraordinária ter começado, anunciou hoje o primeiro-ministro na sua página na rede social Twitter. "O Conselho …

Nova espécie de baleia mostra como este animal evoluiu para conseguir nadar

Cientistas descobriram uma nova espécie de baleia, que existiu há 35 milhões de anos, que pode dar novas pistas sobre como as baleias evoluíram para conseguir nadar. De acordo com a revista Newsweek, os investigadores analisaram …

Casal separado após sobreviver a Auschwitz reencontra-se 72 anos depois em Nova Iorque

Em 1944, David Wisnia e Helen "Zippi" Spitzer eram dois prisioneiros judeus e secretamente namorados que, miraculosamente, conseguiram sobreviver ao campo de concentração nazi Auschwitz, na Polónia. Porém, no final da guerra, foram separados depois de …

Benfica 4-0 Famalicão | Pizzi entrega saco cheio de Natal

O Benfica terminou o seu ano de Liga NOS com mais uma vitória, de novo por 4-0, tal como havia acontecido na anterior partida no Estádio da Luz, ante o Marítimo. Desta vez frente ao …

Morreu o ator Danny Aiello

Morreu esta quinta-feira, em Nova Jérsia, o ator Danny Aiello, que recordamos pelos seus muitos êxitos dos anos 80. Tinha 86 anos. "É com profunda dor que comunicamos que Danny Aiello, amado marido, pai, avô, ator …

Videojogo chinês incita jogadores a atacar os "traidores" em Hong Kong

Há um novo videojogo que está a ganhar popularidade na China. Chama-se "Fight the Traitors Together" e permite que os jogadores ataquem manifestantes de Hong Kong. No jogo, os jogadores podem bater nos manifestantes pró-democracia, sendo …